Fernanda Magalhães estreia trabalho inédito em Curitiba

São performances realizadas ao longo dos últimos dez anos

22/11/12 às 13:32 - Atualizado às 13:36 Redação Bem Paraná com assessoria
(foto: Fernanda Magalhães)

A fotógrafa e artista londrinense Fernanda Magalhães participa, neste mês de novembro, de duas exposições, em Curitiba, nas quais apresentará a sua nova série de trabalhos intitulada “A Natureza da Vida”. São performances realizadas ao longo dos últimos dez anos em que a artista é fotografada em espaços urbanos em várias cidades do mundo a partir da lente de fotógrafos convidados para registrar as intervenções públicas que são carregadas de um viés político.

“Na sequência de outras séries, Fernanda aborda as questões do corpo através de um posicionamento político e é fotografada, quase sempre nua, discutindo padrões, estética e as diversidades. Uma ocupação do espaço, um posicionamento, colocar-se presente e visível”, enfatiza texto de apresentação sobre o trabalho.

A série, inédita, reúne imagens produzidas no Central Park em New York (EUA), no Mar Negro em Krasnodar (Rússia), no Jardin de Luxembourg em Paris (França), no Parque del Prado em Montevideo (Uruguai), Universidade do Meio Ambiente e Parque Tanguá em Curitiba (Paraná), barracões de madeira na Universidade Estadual de Londrina e no Bosque Central em Londrina (Paraná). Os fotógrafos convidados que assinam a maioria dos cliques são Graziela Diez, Luciano Pascoal, José Pilone, Tanya Vasilyeva, Camila Fujita e Natália Lima Castro.

No Museu Oscar Niemeyer, a fotógrafa integra a exposição “PR-BR Produção da Imagem Simbólica do Paraná na Cultura Visual Brasileira” que tem curadoria de Maria José Justino, Paulo Herkenhoff e Paulo Reis. A exposição tem abertura nesta quarta-feira, 22 de novembro, e sua proposta é trazer ao público uma mostra da arte contemporânea a partir da década de 70 produzida no estado selecionada a partir do acervo do próprio museu, além de outros acervos públicos, particulares, de artistas localizados em várias cidades paranaenses.

Além de levar para a exposição a performance registrada por Graziela Diez no Bosque Central de Londrina durante o período de manifestações contra a abertura de uma rua no local, Fernanda participa também da exposição através de vídeos do Coletivo Manada, que ela integrou e foi uma das coordenadoras entre 2009 e 2010, em Londrina, realizando inúmeras intervenções performáticas em vários espaços da cidade.

No dia 29 de novembro, Fernanda Magalhães participa da abertura da exposição dos artistas premiados no 64º Salão Paranaense, no Museu de Arte Contemporânea do Paraná. A londrinense figura entre os 20 artistas selecionados e que receberam prêmios do salão.
Para a exposição do Salão Paranaense, Fernanda apresenta outros trabalhos da série “A Natureza da Vida” que serão expostos em diversos suportes e tamanhos. O público poderá conferir as performances da artista em Curitiba e Londrina além de Krasnodar (Rússia), Montevideo (Uruguai), Paris (França) e New York (EUA). O público poderá conferir o trabalho até 28 de abril de 2013.

Serviço:

Local: Museu Oscar Niemeyer

Endereço: Rua Marechal Hermes, 999 - Centro Cívico

Data: Dia 22 de novembro de 2012 (quinta-feira)

Preço: A partir de R$ 2,00

0 Comentário

Você precisa acessar o seu perfil para comentar nas matérias.

Blogs
Ver na versão Desktop