Veja dicas para economizar no consumo de combustível

Com nova política de reajustes da Petrobras, preço sobe constantemente nos postos

10/09/17 às 23:00 - Atualizado às 22:44

Com a mudança da política de preços de combustíveis da Petrobras, o preço da gasolina só faz subir. Setembro mal começou e o reajuste amuludo já chega a 11,2% desde o dia 31 de agosto. Já o diesel ficou 8,94% mais caro desde o dia 29.
Em Curitiba, o preço da gasolina deve bater os R$ 4 nesta semana, considerando a média de R$ 3,71, segundo o último levantamento de preços da Agência Nacional de Petroleo (ANP). E essa elevação no preço tem feito alguns motoristas a repensarem o uso do automóvel como meio de transporte.
Alguns até conseguem se adaptar ao transporte público, mas em Curitiba esta pode não ser uma boa saída, pois dependendendo de onde seja necessário ir o custo pode ficar muito próximo ao gasto do combustível. Já quem não tem alternativa e precisa usar o carro para locomoção, o jeito foi adaptar o uso do veículo com novos hábitos, como novos trajetos e uso de aplicativos para buscar preços mais baixos.
Para ajudar o consumidor a economizar combustível nessa época de valores elevados, Fábio Facca, gerente nacional de vendas varejo da Campneus, maior revendedora Pirelli, elenca algumas dicas que vão garantir um rodar mais econômico, além de evitar manutenções futuras ao veículo.
A primeira delas é a calibragem dos pneus.Ele explica que calibragem baixa, além de desgastarem mais os pneus, exigem mais esforço do motor por conta do movimento de arrasto. A mesma atenção deve ser dada para carro desalinhado ou com balanceamento fora dos padrões.
Filtros velhos e sujos contribuem para aumentar o consumo, já que o motor precisará fazer mais esforço para puxar o ar, ou mesmo o combustível para se movimentar. A perda de potência do veículo também pode indicar entupimentos em filtros do combustível fora das especificações.
Quando isso ocorre, o motor passa a puxar mais ar que combustível e, com isso, o motorista é obrigado a acelerar mais, aumentando o consumo de combustível. Além disso, filtro de combustível saturado pode provocar o entupimento dos bicos injetores e a queima da bomba de combustível. O mesmo vale para os filtros de cabine que, se estiverem obstruídos, não condicionam o ar de maneira correta, prejudicando o controle de temperatura e aumentando o consumo de gasolina/etanol.
Outro produto velho que influencia no consumo de gasolina é o óleo. Segundo Facca, O óleo impede o desgaste das superfícies metálicas do motor, criando uma película de óleo entre elas. Ele tem como função dispersar o calor e reduz o atrito, protegendo o motor. Um lubrificante de qualidade previne acúmulo e depósito de partículas de sujeira. O óleo ainda protege contra borra e oxidação, minimizando os ácidos que podem causar corrosão.
Uma outra economia errada é tentar usar um lubrificante diferente do recomendado pelo fabricante Facca explica que um produto diferente não fará uma limpeza completa, não controlará de maneira eficiente a temperatura do motor, não vai lubrificar corretamente as partes móveis do motor, podendo gerar temperatura altas e prejudicar o desempenho, acarretando no aumento consumo de combustível.

Como gastar menos combustível
Calibragem de Pneus
Pneus com calibração baixa, além de desgastarem mais rapidamente, criam um movimento de arrasto maior do carro, o que exige mais esforço do motor e, consequentemente, aumenta o consumo de combustível. Um carro desalinhado e com o balanceamento fora dos padrões também consome mais que o comum, já que exige bastante esforço do motorista para mantê-lo em linha reta.

Cuidar dos filtros
Filtros velhos e sujos contribuem para aumentar o consumo, já que o motor precisará fazer mais esforço para puxar o ar, ou mesmo o combustível para se movimentar. A perda de potência do veículo também pode indicar entupimentos em filtros do combustível fora das especificações.
Filtro de combustível saturado pode provocar o entupimento dos bicos injetores e a queima da bomba de combustível.
Filtro de cabine obstruídos não condicionam o ar de maneira correta, prejudicando o controle de temperatura e aumentando o consumo de gasolina/etanol.

Olho no Óleo
O óleo e o combustível funcionam separados no motor do carro e eles não se misturam. Porém, se o lubrificante estiver fora das especificações ou velho, ele influencia no aumento do consumo de combustível. O óleo impede o desgaste das superfícies metálicas do motor, criando uma película de óleo entre elas. Ele tem como função dispersar o calor e reduz o atrito, protegendo o motor. Um lubrificante de qualidade previne acúmulo e depósito de partículas de sujeira. O óleo ainda protege contra borra e oxidação, minimizando os ácidos que podem causar corrosão.

Pneus verdes
Não, eles não são verdes. Apenas possuem esse nome devido composição, com itens menos ofensivos ao ecossistema, e pelo seu funcionamento que propicia a economia de combustível. Os pneus são mais leves, menos ruidosos e possuem uma durabilidade maior, graças ao processo de fabricação.
Esse pneu tem uma resistência menor ao rolamento, o que resulta na melhoria da eficiência de combustível. Além de economizar gasolina, os pneus verdes possuem bom desempenho em pista molhada. É um custo-benefício que o consumidor deve colocar na ponta do lápis.

Freio-motor
Utilizar o pedal do freio para diminuir a velocidade é o procedimento mais comum e indicado para motoristas. Mas sabia que o freio-motor, além de ajudar a estabilizar o veículo, também ajuda na economia do sistema de freios e de combustível?
O freio motor é a redução da velocidade sem a utilização do pedal do freio. O simples toque do pé pelo pedal da embreagem juntamente à reduzida de uma marcha já provoca a desaceleração do automóvel.
O mito do aumento de consumo de combustível pela redução de marcha não é verdade. O sistema de injeção eletrônica automaticamente faz o corte da gasolina, ou etanol, no mesmo instante que ocorre a retirada do pedal do acelerador. O consumo de combustível é relacionado ao acelerador, nunca ao desacelerador

0 Comentário

Você precisa acessar o seu perfil para comentar nas matérias.

Blogs
Ver na versão Desktop