Sociais democratas confirmam acordo com Merkel: "cansados, mas contentes"

07/02/18 às 09:39 Agência Brasil

A direção do Partido Social-Democrata Alemão (SPD) confirmou nesta quarta-feira (7) que chegou a um acordo com o bloco conservador da chanceler Angela Merkel, para reeditar a grande coalizão de governo. A informação é da Agência EFE.

"Cansados, mas contentes", destacaram nas redes sociais os principais dirigentes do SPD, junto com uma selfie em que o presidente do partido, Martin Schulz, aparece sorridente ao lado dos seus companheiros de delegação.

Segundo explicaram, o acordo está pronto e agora estão sendo definidos apenas os últimos detalhes do texto, que será depois analisado pelos 35 membros da equipe negociadora.

A notícia do pacto entre a União Democrata-Cristã, da chanceler, sua ala bávara da União Social-Cristã (CSU) e o SPD vazou à imprensa após 24 horas de negociações ininterruptas em Berlim e depois de ultrapassado o prazo que os partidos haviam fixado para alcançar um acordo.

Segundo a imprensa alemã, os sociais democratas estariam à frente de três importantes ministérios no futuro gabinete: Finanças, Relações Exteriores e Trabalho.

A formação do governo depende agora da consulta vinculativa à qual estão convocados os 463.723 militantes do SPD, um partido dividido pela reedição da grande coalizão com Merkel após seu baixo desempenho eleitoral em setembro.

1 Comentário

Você precisa acessar o seu perfil para comentar nas matérias.

antonio carlos
Esta Grande Coalizão é uma vergonha, os "coligados" de hoje são os mesmos de ontem e de uma década atrás. E como é que ficaram as "promessas" de campanha, foram jogadas na lata do lixo ou pura e simplesmente esquecidas? Os alemães são um povo tão otário como nós brasileiros, com um medo terrível do poder da "Extrema Direita" preferiram apoiar mais "grande coalizão".
Blogs
Ver na versão Desktop