Arquivos da categoria: Gestão

Walter Sabini Junior

Fluxo de visitantes a shopping centers inicia 2018 com alta de 2,4% em janeiro

6 fevereiro, 2018 às 15:56  |  por Maximilian Santos

Após um 2017 de retomada no fluxo de visitantes nos shopping centers, o primeiro mês de 2018 confirmou o panorama positivo, com um aumento de 2,4% em relação a janeiro de 2017, segundo o Índice de Visitas a Shopping Centers (IVSC). O levantamento é realizado pela Associação Brasileira de Shopping Centers (ABRASCE) em parceria com a FX Retail Analytics, empresa especializada em monitoramento e fluxo para o varejo.

“O número é relevante porque evidencia um crescimento sobre um número que já era positivo (0,22%) em janeiro passado, e marcava o início de uma retomada após um 2016 que registrava quedas a cada mês”, afirma Walter Sabini Junior, sócio-fundador da FX Retail Analytics. “Agora, temos um crescimento em dois pontos percentuais, que nos dá confiança e otimismo para 2018″, completa.

Na medição regional, o Sudeste obteve o melhor desempenho, com crescimento de 3,23%, seguido por Nordeste, com 1,89%, e Sul, com 1,12%.

Editado por Maximilian Santos
Crédito da foto: Divulgação/Youtube

FOTO 02 (Créd. Bianca Garmatter)

Executivo apresenta palestra gratuita sobre Educação a Distância em Paranaguá

5 fevereiro, 2018 às 12:19  |  por Maximilian Santos

No dia 5 de fevereiro, às 19h, o auditório da unidade de Paranaguá da Unicesumar, melhor instituição de EAD do Brasil, segundo o MEC, recebe o seu diretor, o professor Adriano Albano, para aula inaugural.

O evento contará com palestra gratuita com duração de duas horas e aberta ao público, abordando, entre outras coisas, a dinâmica da metodologia EAD, sua evolução e resultados, e onde encontrar indicadores de qualidade para escolher um curso e uma instituição de ensino, além de detalhar a metodologia da Unicesumar.  A palestra, que já foi assistida por mais de 20 mil pessoas em todo o Brasil, é obrigatória para os alunos ingressantes em 2018.

Na ocasião, ainda haverá sorteio de duas bolsas de estudos, sendo uma de 50% para os alunos já matriculados e outra integral válida para todos os presentes no evento, para curso livre de 10h.

As inscrições para o público em geral podem ser feitas por meio do telefone (41) 3422-5022.

A entrada é a doação voluntária de um quilo de alimento não perecível, que será distribuído pelos alunos da Unicesumar para entidades da região.

A aula ocorre anualmente e terá edições em Blumenau (6/2), Jaraguá do Sul (8/2), Paranaguá (5/2) e Fortaleza (20/2), servindo para orientar sobre o Ensino à Distância, que vem crescendo gradativamente no cenário educacional brasileiro.

Com 23 cursos listados entre os melhores do País pelo Guia do Estudante 2018, a Unicesumar se destaca em primeiro lugar no litoral do Paraná. Administração, Ciências Contábeis, Pedagogia, Design de Moda, e Educação Física são os cursos mencionados que estão disponíveis na unidade de Paranaguá. O Centro Universitário também foi avaliado pelo Ministério da Educação – MEC, como a melhor instituição de ensino superior privada do litoral paranaense.

 

Sobre o palestrante – Adriano Albano é diretor e proprietário do Centro Universitário Unicesumar das unidades de Paranaguá, Blumenau, Indaial, Gaspar, Jaraguá do Sul e Fortaleza. Graduado em Design Gráfico, Design de Produtos e Letras, com pós em Marketing e Propaganda, MBA em Gestão de Projetos e Gestão Comercial, com extensão em Marketing Digital.

Já foi gestor de Marketing de grandes empresas nacionais e multinacionais, tais como rede farmácias Minerva, rede Drogamed, Grupo SONAE – Mercadorama e BIG, além de ter atuado em outros grupos educacionais, bem como na própria Unicesumar como Diretor de Marketing. Ganhou prêmios TOP OF MIND regionais, estaduais e nacionais nas empresas por que passou.

 

 

Editado por Maximilian Santos
Crédito da foto: Bianca Garmatter.

Jack Findaro

Especialista americano chega a Curitiba para auxiliar empresários a atuarem nos Estados Unidos

31 janeiro, 2018 às 16:30  |  por Maximilian Santos

Com o objetivo de orientar empresários brasileiros sobre investimentos nos Estados Unidos, a consultoria americana Visa Franchise realizará em Curitiba o evento “Imigração por meio de franquias” nesta quarta-feira, dia 31, com o diretor financeiro Jack Findaro. Na ocasião serão apresentadas as possibilidades para empreender fora do Brasil. O evento é gratuito, mas as vagas são limitadas. Os interessados devem se inscrever por meio do site: www.visafranchise.com/br/calendario-de-eventos.

Findaro explica que existem diferenças no cenário de franquias internacionais, que representam uma oportunidade para brasileiros. “Até o ano de 2016, o segmento movimentou, direta ou indiretamente, US$ 2,3 trilhões. E trata-se de um mercado mais maduro e regulamentado do que o Brasil. Tudo porque existe um órgão fiscalizador, que obriga as empresas franqueadoras a divulgarem seus rendimentos, custos, entre outras informações essenciais para quem deseja empreender”.

Na sequência, o executivo ainda completará agenda no país em Porto Alegre e São Paulo.

 

 

Editado por Maximilian Santos.
Crédito da foto: Divulgação.

Eduardo Scola, apresentador do SBT Paraná, é eleito melhor apresentador do Sul do Brasil.jpg

Apresentador da Rede Massa | SBT, Eduardo Scola, é eleito o Melhor Apresentador de telejornal do Sul do Brasil

25 janeiro, 2018 às 17:40  |  por Maximilian Santos

O ano de 2018 mal começou e a Rede Massa | SBT já tem motivo para comemoração. Eduardo Scola, apresentador do jornalístico SBT PR, foi eleito o Melhor Apresentador de Telejornal do Sul do Brasil no Prêmio Melhor do Telejornalismo 2017.

Foram 200 profissionais indicados de todo o País nas mais variadas categorias e regiões. Scola, que venceu com 37,1% dos votos, foi o único profissional do Paraná apontado e concorreu com outros cinco apresentadores do Rio Grande do Sul.

“Fiquei sabendo que fui indicado por meio das redes sociais. Claro que a gente acaba criando expectativas para ganhar, mas só de ser cogitado ao lado de grandes profissionais da comunicação já foi uma sensação de reconhecimento e motivação inenarrável”, explica Scola e salienta que o mérito vai para toda a equipe do SBT PR, incluindo sua parceira de bancada, Thays Beleze, que também já recebeu o prêmio de Melhor Apresentadora do Sul do Brasil na última edição.

Já sobre a atração na qual comanda, Scola comentou sobre o formato inovador do SBT PR. “Apresentar um programa que aposta em um formato inovador e com uma equipe brilhante é uma honra. O SBT PR supera as barreiras das plataformas e o modo de interação com o público, sendo transmitindo ao vivo também pela nossa página oficial no facebook, nos dando a possibilidade de criar uma conexão única com os nossos seguidores e podendo fazer a diferença na vida de cada telespectador e internauta”, finaliza.

O SBT PR traz as principais notícias de todo o estado do Paraná e vai ao ar de segunda a sexta-feira,às 19h15.

 

Editado por Maximilian Santos
Crédito da foto: Divulgação.

 

 

MY17.5 Campaign Imagery.

Harley-Davidson registra crescimento no ano de 2017

9 janeiro, 2018 às 17:41  |  por Maximilian Santos

A Harley-Davidson continua apostando a longo prazo no Brasil, que é referência de mercado com grande potêncial em todo o continente latinoamericano. A marca tem uma operação local sólida e isso dá bases para que os desafios comerciais sejam enfrentados independentemente de qualquer crise.

Mesmo com a economia recessiva e o segmento de motocicletas em queda, em dezembro do ano passado, entre as montadoras que fabricam modelos de mais de 600 cilindradas, a H-DB registrou o primeiro lugar em participação de mercado, com 21%. No acumulado do ano também houve crescimento, já que a marca teve 17,6% de participação, em comparação aos 13,7% de 2016. Com isso, a companhia torna-se uma das únicas que teve crescimento de market share no período anterior.

O ano de 2017 foi de grandes desafios mas de bons resultados para a Harley-Davidson do Brasil, que registrou 5.295 unidades fabricadas, crescimento de 12,2% em relação às 4.719 unidades produzidas em 2016. Isso se deve ao lançamento da linha 2018 que, com novos modelos no mercado nacional e uma família de motocicletas totalmente renovada, já estava disponível no último mês do ano em toda a rede de concessionárias da marca no País.

Para os próximos 10 anos, a Harley-Davidson Motor Company vai lançar 100 modelos em todo o mundo, uma estratégia agressiva a longo prazo, como parte das ações ligadas também à nova estratégia de comunicação global da companhia, “All For Freedom, Freedom For All”, que é a expressão de como a H-D vê o futuro, com intuito de construir as próximas gerações de pilotos da marca.

 

 

Editado por Maximilian Santos
Crédito da foto: Divulgação.

Itaipu novo diretor

Novo diretor técnico toma posse com Itaipu em alta produção

9 janeiro, 2018 às 13:25  |  por Maximilian Santos

O engenheiro eletricista Mauro Corbellini tomou posse nesta segunda-feira (8) como novo diretor técnico executivo de Itaipu, em cerimônia realizada na sede da binacional em Curitiba. A nomeação ocorreu no dia 27 de dezembro pelo presidente da República, Michel Temer, com Itaipu prestes a fechar 2017 com o melhor mês de todos os 33 anos e sete meses de operação.

A cerimônia contou com a participação de toda a diretoria de Itaipu, do ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho, do ministro da Saúde, Ricardo Barros, da vice-governadora do Paraná, Cida Borghetti, de familiares de Corbellini e outras autoridades.

“É com imenso prazer que retorno a atuar na região Oeste do Paraná”, afirmou o engenheiro, que já trabalhou em diversos projetos na região, desde a interligação dos sistemas brasileiro e paraguaio quando da construção da Ponte da Amizade e a implantação do sistema de comunicação por rádio VHF e UHF da Telepar, nos anos 1970, passando pelo programa de eletrificação Clic Rural, nos anos 1980, e chegando aos estudos para implantar uma ferrovia ligando o Porto de Paranaguá a Dourados, no Mato Grosso do Sul, em 2016/17.

Corbellini assume a área técnica da Itaipu com a responsabilidade de manter o alto desempenho da usina que, em 2016, estabeleceu uma nova marca mundial na produção de energia, com 103 milhões de Megawatts-hora gerados no ano. A hidrelétrica segue com a produção em alta. Depois de encerrar seu melhor dezembro, gerou nestes primeiros oito dias do ano 8% a mais do que no mesmo período no ano passado.

Além de manter a produtividade, Corbellini terá pela frente o desafio de dar início ao processo de atualização tecnológica das unidades geradoras, com investimento de US$ 500 milhões, previsto para começar neste ano. Em seu discurso de posse, o engenheiro destacou outros projetos, como a reforma do Edifício da Produção, a atualização das pontes rolantes e pórticos (utilizados para a locomoção de equipamentos na usina) e a reforma do Canal da Piracema, obra que permite aos peixes migratórios transporem a barragem.

“O setor elétrico vem enfrentando enormes desafios. Vejo com importância nossa participação (da Itaipu) na construção de um setor elétrico mais dinâmico e aberto, no qual possamos garantir o retorno de grandes investimentos”, afirmou Corbellini.

O decreto de nomeação de Corbellini, com mandato válido até 16 de maio de 2022, também levou a assinatura do ministro Fernando Coelho Filho. Durante a cerimônia de posse, o ministro destacou que, desde o início do governo Temer, pela primeira vez, a diretoria e o conselho de Itaipu estão completos. Em sua fala, o ministro também enfatizou o bom momento vivido pelo setor, com a retomada de investimentos e boas perspectivas para este ano.

O diretor-geral brasileiro da Itaipu, Luiz Fernando Vianna, que já trabalhou com Corbellini na Copel e vinha acumulando a diretoria técnica da binacional desde março do ano passado, falou sobre a expectativa da empresa para 2018. “Além de manter a excelência na geração de energia, estamos ampliando nossa área de atuação de 29 para 54 municípios do Oeste do Paraná”, apontou Vianna.


Quem é Mauro Corbellini
- Mauro José Corbellini, 73 anos, é engenheiro eletricista, formado em 1967 pela Universidade Federal do Paraná (UFPR). Versátil, fez parte da equipe que trabalhou na implantação do sistema de telecomunicações da Telepar, no início da década de 1970; trabalhou em projetos de diversas grandes usinas do Paraná; e foi um dos pioneiros nos estudos para a interligação do sistema elétrico brasileiro, após ter se especializado nos Estados Unidos em estudos de load-flow (análise numérica da energia que circula em um sistema interligado).

Trabalhou no Banco Mundial, desenvolvendo projetos em todas as regiões do Brasil; e com a Organização dos Estados Americanos, em um projeto de preservação de bacias hidrográficas. Aposentou-se em 1997, mas continuou trabalhando – acompanhou a construção da fábrica da Renault no Paraná e de diversas outras montadoras em outros estados do País. Antes de assumir a nova função, Corbellini estava à frente da Coordenadoria de Mudanças Climáticas da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Sema).

 

Editado por Maximilian Santos
Crédito da foto: Divulgação.

B70A7134

Empreendedores fomentam mais de R$ 50 milhões em Curitiba e Santa Catarina em 2017

14 dezembro, 2017 às 15:57  |  por Rafaela Salomon

Amigos de vida e profissionais de segmentos diferentes uniram-se pela vontade de empreender e criaram uma empresa no ramo de fomento comercial: a Personalite Invest Securitizadora, um novo segmento da Personalite que iniciou na área de fomento, assessoria e cobrança há 20 anos, em Curitiba (PR). A securitizadora atendeu, em 2017, pequenas e médias empresas, justamente as que mais sofrem com a limitação de recursos para o giro e a manutenção do seu negócio. E foi assim que estas empresas, fomentadas pelo time de quatro empresários, movimentaram cerca de 50 milhões de reais em apenas 10 meses em 2017.

O grupo, que já atua em diferentes setores da economia do Paraná e Santa Catarina sempre acreditou no crescimento destes estados ampliando fortemente a antecipação de recebíveis da indústria e comércio de diversos setores como forma de gerar capital de giro para empresários. Estes, por sua vez, conseguem não apenas pagar seus fornecedores à vista, como também maior desconto nas negociações de compra gerando crédito para investir em novos equipamentos aumentando a capacidade produtiva e gerando novos postos de trabalho.

Os pilares da Personalite Invest são a agilidade e transparência na análise de crédito, controle rígido de inadimplência, pulverização da carteira e o entendimento da necessidade real do nosso cliente. Pilares de sucesso que atendem o nicho de mercado de pequenas e médias empresas que estão em um processo de desbancarização.

Recente matéria divulgada pelo governo paranaense junto ao IBGE demonstrou que a indústria do Paraná cresceu 2,5% no primeiro semestre em relação ao mesmo período do ano anterior ficando apenas atrás de Santa Catarina (3,3%) e Amazonas (3,7%). “O crescimento do semestre marca não apenas a retomada da indústria do Estado, mas assim como uma reação consolidada da produção industrial do Paraná e Santa Catarina”, diz Francisco de Castro (Ipardes). Segundo Castro, a retomada da indústria contribuirá para a recuperação do Estado já que no primeiro trimestre o PIB da indústria cresceu 3,1% e o PIB brasileiro recuou 0,4%.

Diante destes dados e das projeções da economia, os sócios da Personalite Invest acreditam que em 2018 os investimentos em fomento deverão ultrapassar a casa dos 100 milhões de reais.

 

Personalite Invest Securitizadora

Rua Acyr Guimarães, 436 – sala 102, Curitiba-PR

(41) 3244-6444

http://www.personaliteinvest.com.br

www.facebook.com/personaliteinvest

www.instagram.com/personaliteinvest

 

Monique de Souza Pereira e Nelson Luiz Oliveira, SouzaPereira Advogados

Gestão interfere na longevidade das empresas familiares

12 dezembro, 2017 às 15:44  |  por Maximilian Santos

A maneira como uma empresa é gerenciada interfere diretamente em seus resultados e, principalmente, em sua presença e longevidade no mercado. Em empresas familiares, a gestão tem papel fundamental para o bom desempenho dos negócios. Prova disso é que a profissionalização contínua das atividades e de seus membros pode assegurar à família empreendedora a tão sonhada longevidade empresarial, mesmo diante dos desafios e incertezas presentes nessa trajetória.

Segundo a advogada Monique Souza Pereira, sócia do escritório Souza Pereira Advogados, de Curitiba, é preciso traçar regras claras de gestão, governança e sucessão, em todos os estágios de vida da empresa, evitando que a inércia do fundador em momentos cruciais promova o declínio do seu negócio. “No início, grande parte das empresas começam suas atividades por meio de ideias, colocadas em prática por seus idealizadores. Nessa fase, observamos que seus proprietários estão no centro de todas as funções, e com essa centralização as estruturas organizacionais são informais sem nenhum tipo de planejamento”, analisa Monique.

O grande desafio desse estágio é ter uma visão racional do empreendimento para que esperanças pessoais motivadas pela idealização dos sonhos dos fundadores não ofusquem o julgamento sobre a viabilidade do negócio. Após o período de fundação, a advogada afirma que a empresa familiar poderá evoluir até o segundo estágio identificado como expansão, quando sinais de crescimento começam a se fazer presentes em diversas áreas, tais como, vendas, produtos, maior número de funcionários, adição de políticas de recursos humanos, controles mais rígidos e investimentos em sistemas e equipamentos. “Nessa fase, o proprietário ainda poderá estar levantando capital para manter a empresa operando em um nível sustentável, ocasião em que deverá ter cautela para que as necessidades pessoais da família não absorvam os recursos financeiros que deveriam ser investidos no negócio”, revela a especialista.

Depois de todo esse processo a empresa familiar passa pelo terceiro estágio, caracterizado como maturidade. De acordo com o especialista em governança corporativa, Nelson Luiz Paula de Oliveira, esse estágio é alcançado quando os principais produtos ou serviços da empresa passam a ter uma evolução mais lenta. “A maturidade ocorre quando as margens, antes saudáveis, começam a diminuir, os concorrentes se propagam e as vendas se estabilizam ou declinam. Ou seja: as empresas precisam se reinventar para superar essa fase, apontada por muitos estudos como a mais crítica para a sobrevivência do negócio”, avalia Oliveira.

Portanto, no decorrer desses estágios é importante que o fundador tenha uma equipe capacitada, incluindo membros das próximas gerações da família e que, segundo o especialista, adote boas práticas de governança, tanto para assegurar maior controle nos processos de gestão, como para promover um direcionamento mais estratégico aos negócios. “Além disso, é importante planejar a passagem da empresa a um sucessor competente e habilitado, mantendo viva a confiança de todas as partes que com ela se relacionam, pois sem regras de sucessão, na ausência do fundador, a empresa poderá perder seu rumo e a credibilidade de seu mercado”, alerta Oliveira.

 

Editado por Maximilian Santos
Crédito da foto: Divulgação.

 

 

 

Temer e Gilmar Mendes

Temer nomeia novo diretor e a ex-esposa do ministro Gilmar Mendes, do STF, na Itaipu

12 dezembro, 2017 às 14:19  |  por Maximilian Santos

O engenheiro agrônomo Luiz Kaminski, 52 anos, é o terceiro empregado de carreira a ser nomeado diretor da Itaipu Binacional. Ele assume a Diretoria de Coordenação no lugar de Helio Amaral. A nomeação, com mandato até 16 de maio de 2022, foi publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira (12).

Também foram nomeados os conselheiros Frederico Matos de Oliveira e Samantha Ribeiro Meyer. A designação tem validade até 16 de maio de 2020. Com essas nomeações, o número de representantes brasileiros no Conselho de Administração da Itaipu está completo.

Advogada, doutora e professora universitária, Samantha é a primeira mulher a assumir uma vaga no Conselho de Administração no lado brasileiro da Itaipu. Ela também é ex-mulher do ministro do STF, Gilmar Mendes e, assinou, parecer usado pela defesa do presidente na ação movida pelo PSDB que pediu a cassação da chapa Dilma/Temer. Frederico Matos de Oliveira é advogado e diretor do Departamento de Articulação com os Estados da Casa Civil.

O decreto desta segunda-feira, 11 de dezembro, publicado nesta terça-feira, é assinado pelo presidente da República, Michel Temer, e pelo ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho. Link para as nomeações no Diário da União: goo.gl/k2mNDP.

Antes de Kaminski, outros dois empregados de carreira haviam sido nomeados diretores na Itaipu. A primeira, em 2006, foi Margaret Groff, hoje aposentada, na Diretoria Financeira Executiva. Em março deste ano, Marcos Baumgärtner foi nomeado diretor administrativo.

 

Editado por Maximilian Santos
Crédito da foto: Minervino Junior

 

 

 

Luiz Fernando Vianna

Itaipu deve encerrar 2017 com a quarta posição no ranking histórico anual de produção

7 dezembro, 2017 às 17:22  |  por Maximilian Santos

A produção parcial da Itaipu Binacional em 2017, registrada até as 6h16 desta quarta-feira (6), pelo Horário Brasileiro de Verão, chegou à marca de 88,6 milhões de megawatts-hora (MWh) e ultrapassou a do mesmo período em 2008, ano da quarta maior geração histórica anual desde o início da operação da usina, em maio de 1984. Como a previsão é que a geração fique 14% maior nos próximos sete dias, em comparação ao mesmo período de 2008, projetando uma produção em torno de 95 milhões de (MWh) para este ano, a hidrelétrica deve consolidar a quarta maior marca anual até o fim de dezembro.
Este ano, a eficiência operacional de Itaipu é de aproximadamente 98%. Esse índice relaciona a energia produzida e a energia que, numa hipótese ideal, poderia ter sido gerada.
O ranking deste ano é bastante significativo para a usina, já que 2017 apresentou um cenário hidrológico bastante difícil no País para a produção de hidroeletricidade. Ao longo dos meses, a geração de Itaipu oscilou entre a sexta e a quarta posição, atingida agora.
Em agosto, a produção parcial de 2017 aparecia em quinto lugar e chegou a cair para a sexta posição durante três dias de setembro. De lá para cá, a hidrelétrica recuperou posição por posição e a tendência é que se mantenha assim até o fim de dezembro.
“Gerar essa enorme quantidade de energia limpa com uma eficiência operacional acima dos 95% é constatar que as equipes brasileira e paraguaia da Itaipu estão trabalhando com um alinhamento afinado e considerável competência”, afirma o diretor-geral brasileiro de Itaipu, Luiz Fernando Leone Vianna.
E complementa: “Colocar a produção de Itaipu entre os cinco melhores anos do ranking envolve um trabalho complexo, que passa por uma boa gestão das afluências, pelo excelente desempenho da operação e manutenção dos equipamentos da usina, por uma boa disponibilidade dos sistemas de transmissão brasileiro e paraguaio, assim como pelos sinais econômicos de elevação do consumo dos nossos países. E, finalmente, passa pela boa coordenação eletro-hidroenergética entre as empresas envolvidas, como Itaipu, Eletrobras-Furnas, Copel, Operador Nacional do Sistema e a paraguaia Ande”.
Até o meio-dia desta quinta-feira (7), a Itaipu já tinha produzido 89,1 milhões de MWh, energia suficiente para atender o Brasil inteiro por dois meses e sete dias; o Estado de São Paulo por oito meses; o Paraná por três anos; Brasília por 13 anos; e Foz do Iguaçu por 160 anos.

Liderança mundial - A Itaipu Binacional é líder mundial em produção de energia limpa e renovável, tendo produzido mais de 2,5 bilhões de MWh desde o início de sua operação, em 1984. Com 20 unidades geradoras e 14.000 MW de potência instalada, fornece cerca de 17% da energia consumida no Brasil e 76% no Paraguai.

Em 2016, Itaipu produziu um total de 103.098.366 MWh, estabelecendo um novo recorde mundial de produção anual. A maior marca anterior havia sido estabelecida em 2013, com 98.630.035 MWh. O terceiro melhor ano em produção foi 2012, com a geração de 98.287.128 MWh.

Editado por Maximilian Santos
Crédito da foto: Divulgação.