• 03/07/2018

    2ª Rodada de Negócios do Curitiba Coworking com participações de peso

    Evento que celebra dois anos do espaço trará palestras sobre empreendedorismo e os desafios de ser dono do próprio negócio
     
    Em comemoração aos dois anos de existência, o Curitiba Coworking promove a II Rodada de Negócios, que acontece no dia 12 de julho, quinta-feira, das 15h às 17h. Para essa edição, o evento contará com a presença especial de Daniel Passinato, advogado especialista em direito empresarial, com forte atuação no ramo de startups. Além dele, está confirmada a presença da fundadora do grupo Empreendedorismo Rosa, Lênia Luz.
     
    De acordo com a diretora do Curitiba Coworking, Rosiane Kochanovecz, a II Rodada de Negócios tem como intuito promover networking. “Uma rede de negócios se faz com profissionais dos mais diversos ramos apresentando seus produtos e serviços, exatamente como uma vitrine. Sempre há uma oportunidade, alguém precisando de um serviço ou indicação profissional”, diz a empresária.
     
    Conversa com os especialistas
     
    A II Rodada de Negócios vai contar com a presença do especialista em direito empresarial, Daniel Passinato, referência quando o assunto são as startups e os novos negócios. “Teremos a oportunidade de falar sobre a simplificação jurídica das empresas, fazendo com que os empreendedores possuam maior conhecimento jurídico e estejam mais tranquilos para desenvolver seus negócios com segurança”, conta o especialista. Passinato é advogado especialista em Direito Empresarial (LLM FIEP/PR). Sócio-fudador do escritório Passinato & Graebin – Sociedade de Advogados. É Professor de Direito para Startups no LLM em Direito Empresarial Aplicado da Federação das Indústrias do Estado do Paraná. É professor de Direito Empresarial no Centro Universitário UniDomBosco. Conciliador e Mediador certificado pelo Conselho Nacional da Justiça (CNJ).
     
    Possui atuação plenamente voltada para o Direito Empresarial, especialmente Direito societário, Direito Contratual, Direito das Startups e Direito Internacional Privado.
     
    Além dele, Lênia Luz, fundadora do Empreendedorismo Rosa, vai dividir sua experiência empreendedora com os participantes. Considerada pela revista PEGN – Pequenas Empresas Grandes Negócios uma das 70 Mulheres Influentes no Empreendedorismo Brasileiro/Edição JUNHO-2015. Lênia vai falar sobre o desafio de empreender. “No Empreendedorismo Rosa, temos como foco o empreendedorismo feminino, tendo como pilares o empoderamento e networking para crescimento de seus negócios e de suas carreiras profissionais”, conta.
     
    O evento é aberto aos mais diversos tipos de empreendedores.  Após a apresentação dos participantes, haverá um coffee especial, momento que poderá ser utilizado para troca de informações mais detalhadas sobre serviços ou produtos entre os interessados. “É interessante que os profissionais tragam seus cartões para trocar com os demais participantes do evento”, conclui Rosiane.
     
    Quem não tiver produtos e serviços para apresentar, poderá participar somente do coffee.
     
    As inscrições devem ser feitas exclusivamente por telefone (41 99723-1738). Mais informações podem ser obtidas na página do evento no Facebook: https://www.facebook.com/events/294710601097467/.
    Quando: 12 de julho às 15h
    O evento é limitado para 20 pessoas e o valor do investimento é R$ 15,00.
     
    O Curitiba Coworking fica na Rua Paraíba, 3496, Bairro Portão – Curitiba/Pr. Mais informações podem ser obtidas no perfil oficial do Curitiba Coworking no Facebook: https://www.facebook.com/CuritibaCoworking/ ou pelo telefone (41) 99723-1738.
  • 26/06/2018

    Churrasco Americano, vem pra Curitiba que tem!

    Para quem sempre teve vontade de provar o autêntico churrasco americano, chegou em Curitiba o evento Jack Daniel's BBQ: Meat Lovers Meet Jack, onde serão servidas carnes defumadas como nos restaurantes e bares americanos.

    Nós iremos, e depois atualizaremos o post com fotos e impressões, por enquanto fica dica e o release do pessoal do evento! Até breve.

    Jack Daniel's leva o autêntico american barbecue a Curitiba

    O especialista em defumação Daniel Lee comandará o pit e as carnes do evento, que será realizado no dia 30 de junho, no USINA 5   Jack Daniel's leva a Curitiba uma experiência como a de Mr. Jack! O fundador da primeira destilaria registrada dos Estados Unidos tinha como tradição reunir os moradores de Lynchburg, no Tennessee, para um BBQ acompanhado do clássico Old No 7.

    Inspirada nesta história, a marca promove o evento Jack Daniel's BBQ: Meat Lovers Meet Jack, que será realizado no dia 30 de junho, sábado, das 13h às 24h, no USINA 5.

    O especialista em dry aged e fundador da Pitmasters Brasil, Daniel Lee, comandará o pit - equipamento que defuma as carnes por várias horas até elas chegarem ao ponto do american barbecue - em conjunto com um time de profissionais pitmasters.

    O açougue produtor Feed garantirá o selo de qualidade dos cortes usados, vindos da Fazenda Santa Fé, em Goiás. O evento também contará com atrações musicais, além de experiências diversas com Jack Daniel's.

    "Será a ocasião ideial para conhecer a autêntica combinação do BBQ com o Tennessee Whiskey em uma tarde open food de pratos suculentos e open bar da família Jack Daniel's - Old No 7, Honey e Fire - em drinks, shots e on the rocks", conta Luiz Schmidt, diretor de marketing da Brown-Forman para América do Sul, Central e Caribe.

    Jack Daniel's BBQ parte de uma campanha global da marca, que trabalha o whiskey e suas diversas possibilidades de consumo em barbecues realizados pelo mundo. Ano passado, Áustria e Rússia receberam edições do evento.

    Já nos Estados Unidos e Inglaterra, essa plataforma é realizada todo ano. Os ingressos para o Jack Daniel's BBQ em Curitiba podem ser adquiridos pelo site Sympla com valores a partir de R$ 175.  

    SERVIÇO Jack Daniel's BBQ: Meat Lovers Meet Jack – Curitiba Dia 30 de maio, das 13h às 24h USINA 5 (Rua Constantino Bordignon, 5 – Prado Velho) Ingressos: https://www.sympla.com.br/jack-daniels-bbq__302554

  • 04/06/2018

    Curitiba Paraná Show: capital recebe primeiro evento que une turismo, cultura e a gastronomia paranaense

     No dia 8 de junho acontece, na capital paranaense, a primeira edição do Curitiba Paraná Show, evento que reúne turismo, cultura e a legítima gastronomia do Paraná para celebrar as raízes do estado. Sediada no pequeno auditório da Universidade Positivo, a mostra traz ao público um coquetel assinado pela chef Juliana Soares, além de produtos da economia criativa local e espetáculos culturais.

    “Nosso objetivo é mostrar como a cultura do Paraná é rica e deve ser celebrada. Muitos de nós desconhecem elementos característicos da região e o Curitiba Paraná Show vem resgatar essa memória e apoiar a produção paranaense”, conta Andréa Soares, idealizadora e produtora do projeto.

    No hall do auditório acontece a feira e a degustação de produtos, com marcas regionais como Balas de Antonina, Cini, Cataia da Vaiticataia, Estação Barista Boutique Café e Glue Hair Cosméticos. O local sediará também uma sessão de contação de histórias, focada em lendas paranaenses, sob o comando da artista Maria Fernanda Campos, e exposições do próprio evento e da Lapa Cultura e Turismo.

    Por sua vez, a chef Juliana Soares promete encantar o público com pratos típicos como creme de pinhão, quirerinha lapeana com carne de porco defumada, musselini de mandioca com ragu de barreado e banana da terra e mousse de cataia com melado de cana – prato que ela apresentou no Festival Brasil Sabor 2018 e que estará publicado no livro Segredo dos Chefs. O cardápio inclui ainda balas de banana de Antonina, gasosa de gengibirra, cerveja artesanal, cafés especiais, cataia e suco de uva, todos paranaenses.

    Entre as atrações culturais confirmadas estão os espetáculos Curitiba – A Beleza Em Movimento, que apresentam a coreografia Vôo Mágico da Gralha Azul e a Araucária com os bailarinos Luiz Dalazen e Giuliana Manfio, show do músico Saulo Soul, com trilha sonora exclusiva, apresentação teatral com Ronnald Pinheiro, e ainda shows show de percussão com o grupo Ibà Ojis e de dança com os grupos Tribah, Capoeira Brasil e Brainstorme. Os ingressos para essa primeira edição do evento custam R$ 30 e podem ser adquiridos na hora ou na plataforma online Sympla. O valor é promocional, por ser uma edição e formato especiais do projeto, e inclui todas as apresentações e o coquetel (com comida e bebidas incluídas).

    Mais informações podem ser obtidas em curitibaparanashow.com.br.

    Serviço

    Curitiba Paraná Show

    Data: 08/06

    Hora: 20h30

    Local: Universidade Positivo – Pequeno Auditório

    Valor: R$ 30

    Onde comprar: www.sympla.com.br/curitiba-parana-show–positivo—edicao-especial__291021

    Contato: [email protected]

  • 24/05/2018

    Salgados e doces como os caseiros. com muito Sabor

    Descobrimos o segredo daqueles salgados e doces gostosos que parece terem sido feitos na hora e com um sabor maravilhoso.

    Uma amiga nos apresentou os produtos da Sabor & Sabor, empresa curitibana, que fica ali no Boqueirão, Rua Bom Jesus de Iguape, 2543.

    Eles tem uma variedade enorme de petiscos e lanches grandes, tudo a um preço irresistível. É uma fábrica mas que vende para qualquer pessoa.

    Acabamos indo lá, com um atendimento excelente, nos é apresentado um mundo de delícias congeladas. Tem coxinha, quibe, esfiha, fogazza, caneloni, e muito mais que não lembro agora. Tudo em pacotes com 1kg, em dois tamanhos mini e grande.

    Compramos quibe, esfiha, croissant de frango e chocolate, doguinho e churros, tudo mini, quase não coube no freezer. Ainda oferecem polpas de frutas, muito mais em conta que as encontradas nos mercados e nos ditos atacados.

    A pressa de provar tudo só é diminuída pelo tempo de descongelamento e a espera para crescer o salgado, sim a massa cresce depois de descongelar. E não se assunte. não leva as duas horas que está no pacote, mas tem um truque, coloque uma vasilha de água quente sob a forma para descongelar a apressar o crescimento.

    Depois vinte minutos no forno e está pronto para comer. Você nunca mais irá querer comer fora de casa, pelo preço e pela qualidade dos produtos, que tem um tempero muito saboroso.

    Acesse o site da Sabor & Sabor aqui, lá é possível conhecer toda a linha de produto deles.

  • 11/05/2018

    Feira Patchwork Design

    Uma exposição internacional de arte têxil, mostra sobre bonecas de pano, ação social e feira com produtos e serviços fazem parte da programação

     Depois do sucesso em São Paulo e no Rio de Janeiro a Feira Patchwork Design chega a Curitiba. Entre os dias 14 e 17 de junho, a Expo Renault Barigui sediará mais uma edição do evento, que reúne uma feira especializada no setor, a Contemporâneo – Exposição Internacional de Arte Têxtil, a mostra "Boneca de Pano é Gente" com trabalhos de artesãs de vários estados brasileiros e de outros países e uma ação social onde os visitantes vão confeccionar pequenas bonecas de pano com mensagens lúdicas para serem doadas para pacientes infantis internados em hospitais oncológicos.

    "Contemporâneo – Exposição Internacional de Arte Têxtil"

    A "Contemporâneo – Exposição Internacional de Arte Têxtil" vai apresentar 30 trabalhos (20 artistas estrangeiros e 10 artistas brasileiros). Entre os estrangeiros, destaque para as obras das artistas americanas Sidnee Snell e Ann Johnston, reconhecidas como umas das mais importantes artistas têxteis dos EUA expondo em galerias de arte de vários países. Já os brasileiros participarão reunindo uma série única com todos os trabalhos do mesmo tamanho.

    Na exposição o público poderá conferir peças de arte têxtil moderno. "Os trabalhos são quase todos abstratos e apresentados em exposições galerias de arte e museus de vários países. São trabalhos contemporâneos. As pessoas nem acreditam que o que estão vendo é tecido. A técnica dá liberdade ao artista de brincar a vontade, misturando não somente as cores, mas texturas", conta Zeca Medeiros, curador da exposição.

    Há mais de 18 anos à frente da organização da Patchwork Design e da "Contemporâneo" e pioneiro na divulgação da arte têxtil no Brasil, o carioca Zeca Medeiros abriu novas frentes no exterior até 2020. Convidado pelas associações americanas CQA (Contemporary Quilt Association) e HFD (High Fiber Diet) Zeca apresentou duas palestras sobre "Curadoria de Arte Têxtil" em outubro de 2017, para uma plateia de artistas e curadores de arte das cidades de Seattle (Washington) e Portland (Oregon).

    Como resultado das palestras, Zeca Medeiros foi convidado a apresentar a exposição "Contemporâneo" no Road Show AQS (American Quilt Society) nos meses de fevereiro, março e abril e no Museu Le Conner, no estado de Washington, nos meses de agosto, setembro e outubro de 2018 e em 2020 no Quilt Study Center e Museum em Linchon - Nebraska.

    Feira Patchwork Design

    A Feira Patchwork Design vai reunir estandes de serviços e produtos da indústria têxtil como tecidos, maquinários, revistas e livros, produtos de decoração, cama, mesa, banho, vestuário, acessórios e joias artesanais. A Segundo Zeca Medeiros a adesão de artesãos a feira cresce a cada dia e a visitação também surpreende. Nas duas edições do evento no Rio, em abril e novembro de 2017, teve um crescimento de 30% em relação ao evento de 2016. Só em 2017 a feira já recebeu mais de 11 mil visitantes, 23% a mais que em 2016.

    Já em 2018 houve um crescimento de 15% no volume de negócios em relação a 2017.   A expectativa, segundo a organização do evento, é de que esse valor ultrapasse os R$ 4 milhões.

    - O aumento surpreendente no faturamento se deve a crise que potencializa o mercado do artesanato. O consumidor que está em busca de soluções originais e com bom preço, alimenta a cadeia produtiva com aumento nas vendas, beneficiando o artesão. O faturamento de cada expositor na feira oscila entre R$ 17 mil e R$ 60 mil, dependendo do produto oferecido, explica Zeca Medeiros.

    O mercado cresceu tanto que desde 2011 a Patchwork Design passou a acontecer também em São Paulo, outro mercado em expansão. São em torno de oito mil visitantes vindos de todo os estados e em faturamento de mais de R$ 4 milhões.

    "Na crise o artesanato ganha força, como fonte extra de renda ou até mesmo como fonte principal de renda de muitas famílias", afirma Zeca.

    O setor é tão promissor que há exemplos de profissionais que se deslocam de outros estados para atingir novos mercados. A gerente da Área de Economia Criativa do SEBRAE, Heliana Marinho, ressalta que nichos como feiras e eventos são ótimas oportunidades para apresentar o produto ao mercado.

    "Boneca de Pano é Gente"

    Uma das atrações desse ano da Patchwork Design será a exposição "Boneca de Pano é Gente – Exposição Internacional de Bonecas". Na mostra, o público poderá conhecer 27 bonecas de vários estados brasileiros e de outros países, com destaque para a boneca "Mumbi - Deusa da Criação" da artista plástica queniana Naomi Wanjiku. Naomi é agenciada pela galeria de arte inglesa "OctoberGallery" e já apresentou obras no Brasil na exposição Contemporâneo em 2013 e no museu Afro Brasil em São Paulo em 2015.

    A exposição "Boneca de Pano é Genteé uma homenagem a "boneca/gente" Emília criada por Monteiro Lobato, personificação dessa fantasia no inconsciente coletivo do brasileiro a partir dos 40 anos, afirma Zeca Medeiros, curador da exposição. "Objeto  que alimenta fantasias infantis em milhões de lares mundo afora e acompanha o  homem há milênios, a boneca povoa até mesmo o inconsciente de adultos" conclui.

    Entre os trabalhos apresentados na exposição "Boneca de Pano é Gente" está a boneca Frida, da artesã de Aracruz/ES, Ana Paula Cavalari. A boneca ganhou medalha de bronze na Exposição de Arte Bunkyo 2015, em São Paulo.

    Quem visitar a exposição será convidado a participar de uma ação social confeccionando, em uma oficina gratuita, pequenas bonecas de pano com mensagens lúdicas e de otimismo. As bonecas serão doadas para pacientes infantis internados em hospitais oncológicos.  Segundo a artesã paulista Cris Lind, coordenadora da ação, a ideia do projeto é criar uma corrente de positividade convidando os visitantes a levarem um pouco de amor e alento para as crianças e suas famílias.

    Desde a Antiguidade, o fascínio pelas bonecas esteve presente em quase todas as civilizaçõescomo representação da arte, fantasia e religiosidade. Hoje a confecção de bonecas de pano é a que mais cresce no mercado de artesanato, atraindo admiradores e colecionadores de várias idades.

    Na opinião de Perla Rafaelly, uma das expositoras e voluntária na organização da exposição, o mercado de bonecas de pano hoje é amplo e está em crescimento direcionado para o público adulto  e infantil. Algumas pessoas fazem por hobby, terapia, para presentear ou para vender e fazer renda.  Segundo a artesã, no mundo do artesanato do pano onde o tecido é a matéria prima principal, as bonecas já tomaram um espaço significativo entre 35 a 40% e vem crescendo cada vez mais. "As feiras de artesanato e as redes sociais são grandes colaboradoras para esse crescimento. Existem expositores ou artesãos que sustentam suas famílias com as vendas de bonecas, matérias e moldes para confecção das mesmas e workshops para ensinar a confecciona-las", finaliza.

    Um dos motivos que fez a confecção de bonecas de pano no Brasil deixar de ser apenas a fabricação de um brinquedo infantil e abraçar um público e um mercado maior foi a influência sofrida pela artista norueguesa Tonne Finnanger em 1999, que com 25 anos de idade criou a boneca Tilda, uma boneca totalmente de pano, cabelos de lã com uma particularidade: não possuir boca, apenas olhos pretos e bochechas rosadas. Essas características, segundo Tonne, seriam para a boneca falar com o coração.  Depois vieram influências das bonecas russas que são articuladas e ficam de pé sozinhas, das bonecas Waldorf confeccionadas de forma artesanal com a utilização (inclusive no enchimento) de materiais totalmente naturais: malha e tecido de puro algodão e feltro e fios de lã pura de carneiro, das bonecas Country trazendo a cultura americana nas cores e formas, das bonecas de escultura têxtil e soft onde a boneca é modelada minuciosamente com linha e agulha recebendo formas e feições, entre outras.

    "Nas feiras onde reunimos artistas de várias regiões do Brasil podemos observar muitas influências étnicas e culturais de cada região". As bonequeiras da região Sul, por exemplo, são muito detalhistas, capricham muito no uso de acessórios, bordados, rendas, pinturas e detalhes feitos manualmente. Já as bonequeiras da região Nordeste trazem muito mais alegrias com colorido, variedade nas texturas e  estampas dos tecidos, explica Perla.

    Um pouco da história

    "A boneca atuou como ator importante nos ritos cerimoniais da Antiguidade, já que são vastos os registros desse objeto em textos romanos, gregos e também em informações de escavações arqueológicas que encontraram bonecas, especialmente em túmulos, confeccionadas com materiais diversos. Essas bonecas, encontrados especialmente nas escavações da bacia mediterrânea, eram feitas em terracota, osso, marfim e madeira, algumas dotadas de articulações nos joelhos. Desde a Antiguidade, a boneca foi recebendo novas formas, ou seja, foi se traduzindo para ser cada vez mais manipulada pelas crianças. Câmara Cascudo (1988) aponta a boneca de pano como um dos principais documentos de informação sobre o povo brasileiro. Aportando aqui como imigrante junto aos escravos, ela atuou como elemento constitutivo da cultura lúdica infantil, especialmente para crianças desprovidas de poder aquisitivo. As mulheres a fabricavam para o uso das crianças da família, normalmente utilizando restos da produção de outros produtos, como lãs, tecidos, algodão, etc.  (Fonte:trecho do estudo de mestrado das pesquisadoras Roselne Santarosa de Sousa e Maria de Fátima A. de Queiroz e Melo, ambas da Universidade Federal de São João Del Rey).

     

    SERVIÇO:

    Patchwork Design, "Contemporâneo: Exposição Internacional de Arte Têxtil", Mostra "Boneca de Pano é Gente", feira de produtos e serviços e ação social.

    Data: de 14 a 17 de junho

    Local:Expo Renault Barigui – Rua Batista Ganz, 430 – Santo Inácio

    Horário: 13 às 19h

    Entrada: R$ 24,00 inteira e R$ 12,00 meia

    Site: http://www.bializ.com/patchworkdesign/

  • 02/05/2018

    Bolo além de gostoso tem que ser bonito!

    Num belo dia, passando pelo Instagram, deparei-me com um maravilhoso bolo Red velvet coberto com apetitosas frutas vermelhas. Foi o bolo mais bonito que já vi. Acabamos por encomendar um, e era divino.
     
     
    "Mas e de quem vocês pediram?" Você deve estar se perguntando. Foi de um jovem mestre confeiteiro, que veio do Rio Grande do Sul, mas hoje mora em nossa maravilhosa Curitiba.
    Formado em Administração, não sentiu nesse ramo o amor pelo que faz. Foi cozinhando doces e bolos onde encontrou sua verdadeira paixão.
    Bruno, sim, confeiteiro Bruno Godoy Fagundes, criou sua marca,  a "Bruno Bolos", e através das redes sociais foi expondo suas criações.
     
    "Decidi investir nas redes sociais para construir um público fiel, que admira, e principalmente respeita meu trabalho como autônomo. Vivendo na pele os desafios do trabalho autônomo, sempre enfatizo o poder que o público vem dando a nós autônomos e com isso ganhando enorme visibilidade mesmo com a crise atual brasileira" diz Bruno.
     
     
    Deu tão certo que criou o "Save The Cake" onde são servidos várias de suas guloseimas deliciosas, e que terá uma edição na Festa Junina, "Eu trabalho apenas por encomendas e foi aí que tive a ideia de criar o "Save The Cake", um evento que reúne vários sabores do meu cardápio, sempre com um tema específico. Começamos na edição de Natal, passamos pela Páscoa e agora estamos preparando a Festa Junina. Oferecemos uma decoração incrível, com o apoio de parceiros que são essenciais para a realização deste projeto. Neste evento são oferecidos degustações de alguns sabores de bolos e sempre trazendo algumas surpresas e vantagens para os clientes mais engajados que estão sempre vibrando comigo" destaca o confeiteiro.
    Se você, como a gente, adora um doce ou bolo bonito e gostoso, recomendamos o Bruno, temos certeza que não irá se decepcionar.
    Siga ele no Instagram  ou no Facebook.
  • 26/04/2018

    CURITIBA COWORKING PROMOVE I RODADA DE NEGÓCIOS

    Premiado jornalista Maurício Freire participa do evento comandando bate-papo sobre a importância do network e empreendedorismo

    Um dos repórteres de maior destaque nas emissoras de TV do Paraná, Maurício Freire, é o convidado do Curitiba Coworking para a I Rodada de Negócios, que acontece no dia 8 de maio, terça-feira, das 15h às 17h.

    De acordo com a diretora do Curitiba Coworking, Rosiane Kochanovecz, a rodada de negócios tem como intuito promover o network. “Uma rede de negócios se faz com profissionais dos mais diversos ramos apresentando seus produtos e serviços, exatamente como uma vitrine. Sempre há uma oportunidade, alguém precisando de um serviço ou indicação profissional”, diz a empresária.

    Bate-papo empreendedor

    A experiência adquirida ao longo de mais de 12 anos de jornalismo e com passagem por grandes veículos de comunicação, Maurício Freire dividirá com os participantes histórias de empreendedorismo e negócios que conheceu entrevistando pessoas dos mais variados segmentos e destaques na áreas em que atuam. O repórter tem no curriculum nada mais nada menos que cinco prêmios: três Prêmios Sangue Novo de Jornalismo, um Prêmio Sangue Bom e um Prêmio Fiep de Jornalismo, além de indicações no Prêmio CNI de Jornalismo.

    “Vou conduzir o bate-papo de forma leve e descontraída, destacando a importância de bem se relacionar e de manter uma rede de contatos, que pode ser útil para as mais diversas situações. Na atualidade, com o perfil dos negócios mudando numa velocidade impressionante, o profissional que não mantiver sua rede atualizada e não priorizar o network ficará pra trás”, destaca o jornalista.

    O evento é aberto aos mais diversos tipos de empreendedores.  Após a apresentação dos participantes, haverá um coffee especial, momento que poderá ser utilizado para troca de informações mais detalhadas sobre serviços ou produtos entre os interessados e sorteio de brindes, entre eles um diagnóstico de comunicação personalizado. “É interessante que os profissionais tragam seus cartões para trocar com os demais participantes do evento”, conclui Rosiane.

    Quem não tiver produtos e serviços para apresentar, poderá participar somente do coffee. As inscrições devem ser feitas antecipadamente por telefone (41 99723-1738) e pela página do evento no Facebook: https://www.facebook.com/events/2126877394210044/. O evento é limitado para 16 pessoas e o valor do investimento é R$ 10,00.

    O Curitiba Coworking fica na Rua Paraíba, 3496, Bairro Portão – Curitiba/Pr. Mais informações podem ser obtidas no perfil oficial do Curitiba Coworking no Facebook: https://www.facebook.com/CuritibaCoworking/ ou pelo telefone (41) 99723-1738.

    Sobre Curitiba Coworking - Fundado em 2016, o Curitiba Coworking é um espaço de economia compartilhada ideal para empreendedores, profissionais liberais, autônomos, representantes comerciais, palestrantes e demais pessoas que estejam em busca de novas parcerias e expansão dos negócios. O espaço fornece serviços de recepção e gerenciamento de correspondência, locação de diferentes tipos de salas para atendimento individual, eventos e reuniões. O local conta ainda com cozinha, recepção, armários individuais, internet de alta velocidade e estacionamento. O Curitiba Coworking está localizado, no bairro Portão, em Curitiba, nas imediações dos shoppings Palladium e Total e ao Terminal do Portão.

     

     

  • 12/04/2018

    Habib´s aposta em novas receitas apresentadas em Menu Atrativo

    Hoje, recebemos do Habib´s seu novo cardápio, recheado de novidades e receitas tradicionais com uma pitada de modernidade e gostamos de algumas delas.


    A primeira é a qualidade do menu, em material visualmente atrativo, com fotografias maravilhosas e que realmente abrem o apetite. Mas as novidades que queremos provar é a esfiha de calabresa, que volta agora combinada com mussarela, é um lanche que adoramos.
    O milk shake com sorvete de chocolate belga, amêndoas, chantily, pedaços de  Crunch da Nestlé e uma farofa de grãos de amêndoas, amendoim, avelã, castanha do caju e do Pará, e pode ser parte de um combo com katfa e fritas, parece muito bom né?! Esse vamos provar daqui a pouco e atualizo vocês. Quem conhece o Habib´s sabe de qualidade dos seus temperos e do seu custo honesto, e isso continua nesse novo menu. O atendimento que observamos sempre foi muito bom, mas claro que algumas coisas sempre podem melhorar. Assim que provarmos alguns pratos, atualizaremos esse post para dar nossa humilde opinião, mas até lá, porque não deixar a sua, vamos Conhecer Curitiba juntos!  
  • 22/03/2018

    Saiba onde encontrar o melhor Ovo de Páscoa de colher de Curitiba – A gente experimentou e aprovou!

    Saiba onde encontrar o melhor Ovo de Páscoa de colher de Curitiba – A gente experimentou e aprovou! A Páscoa está chegando, e todo ano é a mesma coisa, a começar pela tributação dos ovos de Páscoa. Segundo o IBPT – Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação, cerca de 30% do valor do Ovo é só imposto. Páscoa amarga, né? Esse ano, eu resolvi que por aqui seria diferente e que eu iria SIM valorizar o pequeno empreendedor, aquele que trabalha com o que gosta, porque gosta, faz bem feito e que geralmente acaba tendo uma margem de lucro muito pequena (essa é a parte chata). 29019349_1738742149516335_459301281_n Depois de tanto procurar, investigar, pegar referências, me chamou a atenção a Pri Makoin Bolos e Doces. Não só pelo preço, mas pelo capricho e pelo amor com que ela faz as coisinhas tão gostosas. Me surpreendi quando fui fazer a degustação dos produtos. A Pri tem duas filhas lindas e pequenas, e quem é mãe (eu ainda não tive essa sorte) sabe o trabalho que dá cuidar da casa, do marido, das crianças e manter tudo em ordem. E mesmo trabalhando em casa, tem que ter uma rotina, né? Pra se lambuzar Pra quem ama Nutella, Kit Kat, Kinder, é de encher os olhos e o coração de amor! Pra quem tem criança, a gente aqui do Conhecer Curitiba recomenda o Kit mini confeiteiro. A criançada gosta de por a mão na massa e até quem é adulto se diverte. Uma boa opção para compartilhar com seus pequenos!
  • 27/02/2018

    Cerveja é de família, e faz tempo!

    A cerveja é uma bebida que traz frescor não somente no verão mas em todas as estações do ano. E em Curitiba isso é assunto levado à serio, são mais de 46 fábricas na capital, com os mais variados tipos, e não faltam lugares especializados para a degustação.

    Fomos conhecer uma cervejaria bacana e que tem pouco tempo no mercado, mas sobra quando falamos da arte de fabricar cervejas.

    A Cervejaria Curitibana, do empresário Beto Glaser, é um retorno aos tempos da Curitiba da cerveja Cruzeiro. Bisneto de João Leitner, Beto continua o que seu bisavô começou há muito tempo atrás, em 1870. Por isso cerveja é de família, e faz tempo. Aliás a Cruzeiro volta, agora, com produção própria pela casa, e será oferecida com exclusividade aos frequentadores do estabelecimento.



    Cervejaria Curitibana

    É voltada para as cervejas produzidas na capital, mas oferece as mais variadas bebidas do mundo. Rótulos americanos, ingleses, irlandeses entre outros.

    É um lugar bem tranquilo, e de fácil acesso, fico no Água Verde na Rua Nestor Victor, 400, quase esquina com a Rua Castro, que adoramos. Bom para ir com amigos e familiares.



    Cervejaria Curitibana

    Crédito da foto: Cervejaria Curitibana



    Para acompanhar, alguns petiscos, indicamos a VacaLoca, carne desfiada servida com 04 pãezinhos, uma delícia.

    Mas as estrelas do lugar são as torneiras de cerveja, em oito como já dito acima, tornam a experiência ordinária de beber uma ótima cerveja, numa maravilhosa viagem pelos sabores. São ingredientes que se fundem e formam as melhores cervejas do país.

    No mês de março já tem evento, com apresentação de banda, foodtruck e muita cerveja, será dia 17 de março, e com certeza estaremos lá.

DESTAQUES DOS EDITORES