Opinião e análise do futebol paranaense

Mercado da bola

Como estão na Europa as últimas grandes vendas do Athletico

Vitinho comemora gol contra o Aucas, na Sul-Americana
Vitinho comemora gol contra o Aucas, na Sul-Americana (Foto: Arquivo Bem Paraná/Franklin de Freitas)

O ponta Vitinho, 22 anos, e o zagueiro Robson Bambu, 23 anos, foram as últimas grandes vendas do Athletico Paranaense. Vitinho foi vendido por 6 milhões de euros ao Dinamo de Kiev, da Ucrânia. Bambu saiu em julho de 2020, por 8 milhões de euros ao Nice, da França. Veja como eles estão no futebol europeu:

VITINHO
Vitinho só teve duas oportunidades como titular desde que chegou ao clube. Ainda não marcou gols ou fez assistências. Entrou como substituto em sete partidas. Não foi utilizado em outras nove partidas do clube ucraniano na temporada.

O técnico da equipe é o romeno Mircea Lucescu, que é fã declarado do futebol brasileiro. Ele era o treinador do Shakhtar Donetsk, de 2003 a 2015, período que o clube ucraniano ficou famoso por importar brasileiros, entre eles, Fernandinho e Jadson.

Em 2021, porém, Lucescu tem preferido usar nas pontas jogadores que estão há mais tempo no Dinamo, como o uruguaio Carlos de Peña (28 anos, ex-Middlesbrough-ING e Nacional-URU) e o ucraniano Tsygankov (23 anos).

De positivo, Vitinho já pode estrear na Champions League. Ele entrou nos 29 minutos finais da derrota por 1 a 0 para o Barcelona, no Camp Nou.

BAMBU
Robson Bambu fez 23 partidas pelo Nice na temporada 2020/21. Agora, o jogador se recupera de lesão e ainda não entrou em campo na temporada 2021/22. O clube é o segundo colocado do Campeonato Francês, atrás apenas do PSG. Os dois titulares da zaga são o brasileiro Dante (38 anos, ex-Bayern de Munique e seleção brasileira) e o francês Todibo (21 anos, ex-Barcelona).