• Start Lapa

    Estado leva serviços e programas à Lapa para fomentar empregos e empreendedorismo

    O Governo do Paraná participa nesta quinta-feira (23) do evento Start Lapa, com a oferta de diversos serviços, vagas em programas do governo, linhas de crédito e palestras. O evento visa a retomada econômica da cidade através do estímulo ao desenvolvimento regional e ao empreendedorismo.

    A iniciativa é da Prefeitura da Lapa e da Associação Comercial, Industrial e Agropecuária da Lapa (Acial), e também conta com a participação do Sebrae-PR – Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas.

    “Este é mais um importante incremento do Governo do Estado, com a Secretaria de Justiça, Família e Trabalho (Sejuf) em parceria com o Sebrae, de trazer aos empreendedores lapeanos a oportunidade de uma capacitação com incentivo. Eu agradeço o Governo por este olhar para nossa cidade”, destacou o prefeito Diego Ribas.

    O evento ocorre na Praça Central, na Alameda David Carneiro, com o ônibus da Agência do Trabalhador Itinerante disponibilizando 68 vagas de emprego nas áreas de agropecuária, transporte, alimentação, serviços e comércio, como parte do programa Emprega Mais Paraná.

    Acontece também o mutirão de cadastramento da segunda fase do programa Recomeça Paraná, com 100 vagas, e uma apresentação do programa Cartão Futuro aos empresários da região. “O Recomeça Paraná além de oferecer capacitação voltada para o empreendedorismo, disponibiliza um incentivo de R$ 900,00 para os formados colocarem o conhecimento em prática”, explicou o secretário Rogério Carboni.

    “Já no Cartão Futuro, nós oferecemos um subsídio de R$ 300,00 a R$ 450,00 para cada jovem aprendiz, pessoa com deficiência ou egresso do sistema socioeducativo contratado pelas empresas. Essas políticas, junto com os mutirões de emprego, colocam o Paraná na vanguarda da recuperação econômica do País”, completou.

    O Banco Regional de Desenvolvimento Econômico (BRDE) fará a prospecção de novos negócios, por meio de seus programas, oferecendo linhas de crédito, especialmente aquelas voltadas ao turismo, agronegócio e operações empresariais, uma vez que a região apresenta potencial para esses segmentos.

    “Entender o perfil e as necessidades dos municípios, com a finalidade de gerar negócios, fortalecendo o sistema paranaense de fomento, com a Fomento Paraná, levamos as oportunidades de crédito para gerar o desenvolvimento, movimentar a economia, empregabilidade e toda a cadeia produtiva do Estado”, explicou o presidente do BRDE, Wilson Bley Lipski.

    A participação do Governo também acontece por meio da Fomento Paraná, com a oferta de linhas de crédito para pequenos e médios empresários; da Celepar, com palestras sobre cibersegurança; e a TV Paraná Turismo. Representando o setor produtivo, o Sebrae-PR faz a distribuição de Kits de Empreendedorismo.

  • Aventura

    Passeios de canoa havaiana desvendam belezas da Baía de Paranaguá; veja como participar

    (Foto: Alex Salles/Divulgação)

    Mar, rios, ilhas, praias desertas, manguezais, matas preservadas. Estes são apenas alguns dos cenários que podem ser percorridos a bordo de uma canoa havaiana na Baía de Paranaguá. Inspirado pele beleza da área de maior preservação da Floresta Atlântica no território brasileiro, o Passaúna Paddle Club inaugurou sua mais nova base na região, localizada no centro histórico de Paranaguá. A partir dali, zarpando das águas do Rio Itiberê, partem passeios para diversos pontos da região.

    O Passaúna Paddle Club tem sede em Curitiba, no parque que lhe empresta nome, e é pioneiro na prática de canoa havaiana no estado, batizando sua primeira embarcação em 2015. A nova sede, em Paranaguá, conta com instrutores especializados em conduzir desde iniciantes até atletas com mais experiência. Oferece desde aulas avulsas, a partir de R$ 30, até planos mensais, semestrais e anuais. Remadas durante o dia, nas noites de lua cheia ou ainda para apreciar o nascer e o por do sol fazem parte dos roteiros.

    Também conhecida como canoa polinésia ou Va’a, a canoa havaiana é a modalidade de esporte a remo que mais cresce o Brasil. A origem deste tipo de canoa é a região da Polinésia, no sul do Oceano Pacífico, em ilhas como o Havaí. Antigas tribos utilizavam estas embarcações para desbravar os mares e viajar de uma ilha a outra. Como foram criadas para navegar em alto mar, são muito estáveis e desenvolvem grande velocidade.

    Para que a canoa navegue bem, é importante um trabalho de equipe: todos os remadores têm que trabalhar em sincronia, com os remos entrando ao mesmo tempo na água. Sincronia e um forte espírito de grupo fazem parte da prática.

    A Baía de Paranaguá tem um grande potencial para o turismo ecológico e a prática do remo, como conta o instrutor responsável pela base de Paranaguá, Alex Salles. “Com a canoa havaiana, chegamos a locais belíssimos que são pouco visitados. Assim, aliamos o esporte a uma grande integração com a natureza”. Toda a prática é realizada com coletes salva-vidas e acompanhamento de instrutores especializados.

    Entre os locais visitados nos passeios e aulas estão pontos paradisíacos como as ilhas da região (Ilha do Mel, das Cobras, dos Valadares, Cotinga e Piaçaguera, entre outras) ou ainda a ponta do Ubá. Neste percurso, golfinhos e guarás são companhias frequentes. Para mais informações, os interessados podem entrar em contato pelo telefone: (041) 99792-4657.

    Serviço: Base de Paranaguá do Passaúna Paddle Club

    Informações: (041) 99792-4657.

    Endereço: Praça 29 de julho, s/n - Centro - Paranaguá - PR

  • Pinhais

    Projeto Operação Inverno leva atendimento para população em situação de rua nos dias de frio intenso

    O último dia 21 de junho marcou o início do inverno, estação com registros de temperaturas mais baixas, em que surge a necessidade de olhar com mais atenção para a população em situação de rua. Neste sentido, a Secretaria Municipal de Assistência Social realiza o projeto Operação Inverno, com ações nas ruas do município, quando os termômetros indicam 9 graus ou menos. A iniciativa iniciou no ano de 2021, quando constatou-se a necessidade de um trabalho articulado e com ações para este atendimento.

    Realizado pelas equipes do Centro de Referência Especializado em Assistência Social (Creas), o serviço especializado de abordagem social de pessoas ou famílias em situação de vulnerabilidade decorrente das baixas temperaturas em Pinhais, que estejam em situação de rua e que utilizem espaços públicos como forma de sobrevivência. Para tanto, com base na previsão do tempo do SIMEPAR, a equipe realiza constantemente rondas e buscas para identificar essas situações.

    No caso de situações emergenciais de saúde, os técnicos acionam o atendimento de urgência (SAMU). Já nas circunstâncias envolvendo crianças e menores de 18 anos, quando desacompanhadas dos pais e ou responsáveis, entram em contato com o Conselho Tutelar.

    Os percursos são realizados durante o período noturno, pois é neste horário em que as temperaturas ficam abaixo de 9 graus e, segundo orientações técnicas da Defesa Civil, é considerado de risco hipotérmico. Ao realizar o primeiro contato, são verificadas as demandas emergenciais destas pessoas, há a oferta de acolhimento institucional para local conveniado à Semas, com o intuito de retirar o usuário da situação de vulnerabilidade, além da entrega de cobertores, lanches, entre outros itens.

    A equipe conta com dois educadores sociais e um técnico de nível superior para a execução do serviço, além disso, são disponibilizados dois veículos oficiais para acompanhar a ação.

    Atuação do setor de Média Complexidade

    A Proteção Social Especial (PSE), por meio da Média Complexidade, é destinada às famílias e indivíduos que se encontram em situação de risco pessoal e social. Além disso, conforme a Tipificação Nacional (Resolução 109/2009) a PSE de Média Complexidade contempla ainda Serviço Especializado para pessoas em situação de rua. As ações são ofertadas no Centro de Referência Especializado em Assistência Social (CREAS), que é uma unidade pública e estatal, de abrangência municipal, localizada de forma estratégica no centro de Pinhais desde 2009, para facilitar o acesso da população atendida.

    A Semas promove outras ações em prol da pessoa em situação de rua:

    -- Serviço Especializado para Pessoas em Situação de Rua: tem a finalidade de assegurar atendimento e acompanhamento das demandas.

    -- Serviço Especializado em Abordagem Social: a abordagem realiza busca ativa para identificar nos territórios situações de rua, entre outras questões sociais.

    -- Plantão Social: o Creas oferta ainda atendimento por meio de plantão que ocorre no período noturno, finais de semana e feriados.

    Para o atendimento do Creas ligue 99233-0190 (segunda a sexta-feira, das 8h às 17h). Plantão Social: 99206-3843 (segunda a sexta-feira, das 17h às 8h, finais de semana e feriados atendimento 24 horas).

  • Grande Curitiba

    Com investimento de R$ 2,9 milhões, rodovia de Doutor Ulysses recebe serviços de conservação

    (Foto: Divulgação/DER-PR)

    O Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER/PR) está promovendo serviços de conservação na PR-092, em Doutor Ulysses, na Região Metropolitana de Curitiba. A rodovia é quase toda não pavimentada no município, e está contemplada em contrato de conservação que inclui também a PR-340, em uma extensão total de 82,58 quilômetros. O investimento é de R$ 2.912.038,24, com período de execução de um ano.

    São beneficiados ao todo mais de 32 mil habitantes de Doutor Ulysses, Cerro Azul e Tunas do Paraná. “O contrato de conservação dos trechos não pavimentados da PR-092 e da PR-340 prevê melhorias contínuas do leito das rodovias e também execução de dispositivos de drenagem, que vão reduzir o impacto das chuvas nesses trechos. Isso traz mais segurança e conforto para moradores e usuários dessas vias rurais, para o deslocamento até os municípios ou escoamento de sua produção agrícola”, afirma o diretor-geral do DER/PR, Alexandre Fernandes.

    Estão previstos os serviços de regularização de leito por patrolamento; cascalhamento; conformação e compactação do subleito e do leito; preenchimento de rebaixo com rachão; reaterro e compactação, de preferência com o próprio material escavado; escavação em barranco lateral para saída d’água da pista; escavação de vala lateral em formato triangular no bordo da pista; escavação de valas para bueiros; execução de bueiros simples tubulares de concreto; execução das alas dos bueiros com alvenaria de pedra de mão argamassada; e execução de camada de pedra jogada nas saídas dos bueiros.

    NÃO PAVIMENTADAS – Além deste, o DER/PR conta com outros três contratos em andamento para atender as rodovias não pavimentadas de sua Superintendência Regional Leste:

    PR-090, PR-510, PR-511 e PR-512 – 43,18 km – R$ 1.265.950,93

    Campo Largo, Contenda, Lapa e Quitandinha

    PR-281 e PR-433 – 88,42 km – R$ 2.501.902,62

    Lapa, Mallet e São Mateus do Sul

    PR-160 e PR-446 – 49,7 km – R$ 1.460.508,41

    Bituruna, Paula Freitas, Paulo Frontin e Porto Vitória

    E também está sendo licitada a conservação da PR-405, rodovia não pavimentada de acesso a Guaraqueçaba, no Litoral.

    PAVERS – Em 2019, o DER/PR concluiu a obra de pavimentação com blocos de concreto intertravados, conhecidos como pavers, de 910 metros da PR-092 no perímetro urbano de Doutor Ulysses. Com investimento de R$ 2.949.268,53, a obra incluiu também serviços de terraplenagem, drenagem, sinalização e novas calçadas ao longo de toda a extensão pavimentada.

  • Denuncie

    Parques e praças de Pinhais ainda sofrem com depredação e vandalismo

    As áreas verdes e espaços de lazer e prática de esportes em Pinhais têm sido destaque nos últimos anos, com a construção de novos parques e revitalização de diversos ambientes como as praças em cada bairro do município. O Parque das Águas, por exemplo, conta com pistas de caminhada e ciclovias; sanitários; pontes, bancos, pergolados e portal em madeira; mirante; praças temáticas; bicicletário; academia ao ar livre; parquinho, além de praça de alimentação.

    A Prefeitura de Pinhais, gestora destes espaços, não só investe nas instalações, como realiza toda a manutenção necessária para o bom funcionamento, o que é naturalmente previsto no orçamento da Secretaria de Meio Ambiente (Semma). Porém, problemas ocasionados pelo tempo de uso e condições climáticas não são os únicos os quais a Prefeitura destina recursos para consertos, reparos e reposições. Grande parte dos gastos, indicados pelo Departamento de Bosques, Parques e Praças (Depar) da Semma, concentram-se na manutenção de equipamentos depredados ou danificados por vandalismo.

    No ano passado, foram gastos mais de R$ 40 mil em peças e custos de manutenção de equipamentos danificados, incluindo pagamento a serviços terceirizados, além do trabalho próprio da Secretaria. Já em 2022, até o momento, já foram utilizados mais de 20 mil reais para cobrir esse tipo de despesa. Segundo dados do Depar, está previsto um montante de R$ 175 mil para arcar com esses problemas causados pela ação humana, nos parques e praças de Pinhais em 2022.

    Para que o recurso público destinado a atender essas demandas diminua, é necessário medidas de prevenção, que a própria comunidade pode e deve fazer. Leandro Dias, diretor do Depar, reforça esse pedido. “A população pode ajudar a prevenir esses gastos denunciando tanto para a Guarda Municipal quanto ao Depar e ajudando também, quando ver alguém depredando, falar, porque é o nosso dinheiro que está ali, nossos impostos”, explica.

    Denúncias e atendimentos

    Departamento de Bosques, Parques e Praças
    Solicitações pelos links:
    Manutenção Parquinhos e Academias da Terceira Idade
    Realização de paisagismo/manutenção em praças, parques bosques e campos de futebol
    Telefone: (41) 99290-4527
    E-mail: parquesepracas@pinhais.pr.gov.br

    Guarda Municipal: Disque 153

  • Infraestrutura

    Governo do Paraná investe R$ 122 milhões em parques, calçadas e praças nos municípios

    (Foto: José Fernando Ogura/AEN)

    Transformar cidades em ambientes urbanos sustentáveis e inclusivas. Essa é uma das propostas dos programas de urbanização desenvolvidos pela Secretaria do Desenvolvimento Urbano e de Obras Públicas. A pasta viabilizou 223 ações em 125 municípios com o investimento de R$ 122.372.116,70 nos últimos três anos e meio. Os recursos são do Programa de Transferência Voluntária, operações de crédito do Sistema de Financiamento aos Municípios (SFM) e contrapartidas municipais.

    As obras, realizadas de acordo com padrões que promovem a sustentabilidade, incluem a implantação ou reforma de praças, parques urbanos, parques municipais e calçadas. São demandas apresentadas ao Estado e executadas pelas prefeituras, viabilizadas por intermédio da SEDU e com a análise de técnicos do Serviço Social Autônomo Paranacidade.

    Dos recursos autorizados, R$ 69.410.530,91 foram destinados a 148 ações pelo Programa de Transferência Voluntária e incluem R$ 10.016.338,77 em contrapartidas municipais. As operações de crédito permitiram a execução de 75 projetos que, somados, chegam a R$ 52.961.585,79 em investimentos.

    “Estamos falando de melhores condições ambientais, maior mobilidade para as pessoas, acessibilidade, mais segurança aos pedestres, ciclistas e motoristas, da garantia de espaços verdes, galerias e permeabilidade do solo para o escoamento da água da chuva”, enfatizou o secretário de Desenvolvimento Urbano e de Obras Públicas, Augustinho Zucchi.

    “Uma cidade inclusiva proporciona, em todos os espaços públicos, o acesso universal, o que inclui adultos, crianças, jovens, idosos e pessoas com deficiência. É isso que buscamos desde 2019 no Paraná”, complementou o analista de Desenvolvimento Municipal do Paranacidade, Geraldo Luiz Farias. “Outras preocupações são acrescentar aos espaços urbanos aspectos agradáveis, como arborização, jardins, pisos tácteis e rampas de acesso”.

    BONS EXEMPLOS – Os projetos atendem municípios de todos os portes e de todas as regiões do Paraná. Ampére (19.466 habitantes), no Sudoeste, aplicou R$ 1.098.027,19, do Sistema de Financiamento aos Municípios (SFM), para a revitalização de uma praça contendo equipamentos da Feira do Agricultor, palco, pergolado, totem, floreiras, bancos de concreto, calçadas em blocos de concreto, banheiros e paisagismo.

    Arapongas (126.545 habitantes), no Norte, teve quatro projetos aprovados (R$ 5.870.250,65) para a revitalização da Praça Dr. Júlio Junqueira. Foram transformados 9.557,39 m² com a construção de pergolado em madeira e concreto, deck elevado, chafariz, playground, academia de terceira idade, estacionamentos, rampas de acessibilidade execução da Rua das Flores, canteiros para paisagismo, bancos em concreto, bancos, lixeiras, mesas para jogos e bicicletário.

    Em outra ação, igualmente já concluída, foi feita a revitalização da Feira da Lua, com área total de 3.855,68 m², com guichês para venda e produção de alimentos contendo cobertura parcial da Rua Jandaia e passeio público, área para a circulação e estacionamento de veículos, ciclovia, rampa elevada, calçada e plantio de grama, calçada, bancos em bloco de concreto, vagas para ‘food trucks’, lixeiras, bicicletário palco musical, camarim, depósito, banheiro e playground, meia quadra de basquete com banco de concreto e caixa d’água.

    Os projetos estão em execução e garantem a implantação de 18.426,93 m², entre calçadas e pavimentação de vias na transposição viária do Ribeirão Bandeirantes do Norte e na Rua Guaratinga.

    Nos Campos Gerais, o município de Ponta Grossa (quarto mais populoso) fez o investimento de R$ 4.806.506,73 para viabilizar o Parque do Lago de Olarias, na confluência dos bairros de Olarias, Oficinas e Uvaranas. Do total aprovado para a obra, R$ 3,5 milhões vieram do Tesouro do Estado, pelo Programa de Transferência Voluntária da SEDU, e R$ 1.306.506,76 representaram a contrapartida do município. A obra já está concluída.

  • Contenda

    Começam as obras do Meu Campinho

    A Sport Comercial Ltda., empresa vencedora da licitação do Projeto Meu Campinho, iniciou na última semana as obras de construção da unidade do município de Contenda. O prefeito Antônio Adamir Digner, o Mostarda, esteve acompanhando o início dos trabalhos de terraplanagem e demarcação da área da estrutura.

    A obra acontece ao lado do Centro Esportivo Dr. Adhelmar Sicuro e contará com campo de futebol com grama sintética, alambrado, iluminação, playground, entre outros complementos. O investimento total será de aproximadamente R$ 554 mil.

    “Essa é uma estrutura de recreação que possibilitará ampliarmos as áreas de lazer em Contenda, além de oferecermos para a população mais espaços para promoções esportivas”, explicou Mostarda.

    A construção do Projeto Meu Campinho conta com convênio com o Governo do Estado, através do governador Ratinho Júnior, além de emendas dos deputados estaduais Alexandre Curi, Delegado Fernando Francischini e Galo. A contrapartida do município neste investimento é de aproximadamente R$ 110 mil.

  • Ilha do Mel

    Festa da Tainha de Encantadas segue até o dia 10 de julho

    A comunidade de Encantadas na Ilha do Mel está promovendo a Festa da Tainha, de 17 de junho a 10 de julho, sempre as sextas e sábados, com programação especial aos domingos. O objetivo é promover o turismo de baixa temporada, resgatar as festas e culturas nativas e ajudar os pescadores na comercialização da tainha. Diversos restaurantes locais estarão participando, cada um com um preparo diferente da iguaria.

    “Estamos apoiando a comunidade da Ilha do Mel na promoção do turismo e da cultura local, queremos que esta festa se torne tradicional e que proporcione movimento em baixa temporada. A programação está repleta de atrações e atividades para o próximo mês”, declarou a secretária de Cultura e Turismo, Maria Plahtyn.

    Carla Simone Felippe, está a frente da organização daa festa de detalha todas as atividades. “Ao longo do próximo mês estaremos com o festival gastronômico e com programação esportiva. Além dos diversos pratos típicos de tainha também teremos o desfile Miss Tainha, fandango, forró, gincana ecológica, caminhada, torneio de truco, passeio de canoa havaiana, campeonato de futebol, vôlei e muito mais”, comentou.

    Serão 11 restaurantes participando do festival gastronômico, são eles: Restaurante Fim da Trilha, Restaurante Cataia’s, Shams, Restaurante Stazione, Restaurante Coração da Ilha, Restaurante Marimar, Toca da Ilha, Restaurante Paraíso, Cavalo Marinho, Beth Mar e Tia Maria. Cada estabelecimento preparou um prato especial com a tainha como estrela principal.

    O evento conta com apoio da Prefeitura de Paranaguá, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secultur), Abaline, Convention – Instituto Ilha do Mel de Turismo e Eventos Comunidade Pesqueira, Associação dos Nativos de Encantadas, EMILHAS – Associação das Mulheres da Ilha do Mel, e ACOIM - Associação dos Comerciantes da Ilha do Mel.

  • Alvará de Regularização Especial

    Regularização de obras é facilitada com o novo ARE em São José dos Pinhais

    O novo Alvará de Regularização Especial (ARE) é um programa da Secretaria Municipal de Urbanismo, Transporte e Trânsito (SEMUTT) de São José dos Pinhais que regulariza obras sem licenciamento.

    ARE é um documento emitido pela SEMUTT que permite a regularização de edificações existentes e em desacordo com a legislação e normas urbanísticas vigentes, executadas anteriormente a data de 15 de abril de 2019, conforme levantamento aerofotogramétrico pertencente ao município. Na versão anterior do ARE a possibilidade de regularização era para obras até o ano de 2012.

    Desta forma, com a atual versão do programa, a administração pública ampliou a chance dos proprietários tirarem seus imóveis da irregularidade, o que irá valorizar o imóvel. Segundo levantamento da Secretaria, atualmente aproximadamente 82% das edificações estão irregulares.

    As regularizações enquadradas no ARE serão avaliadas em função da gravidade das irregularidades existentes e dos períodos de construção e devem efetuar pagamento de Contrapartida Financeira (CF) ao município, que pode ser parcelado em até 24 vezes. Para iniciar o processo de regularização, o proprietário do imóvel deve contratar um profissional experiente na área para auxiliar.

    A Secretaria informa ainda que não serão passíveis de regularização e serão sumariamente indeferidos pelo município os requerimentos de regularização especial de edificação que estiverem ocupando áreas não edificáveis decorrentes de diretrizes de abertura ou prolongamento de via pública, conforme Lei do Sistema Viário do Município, além daquelas construções que estão infringindo em mais de 40% (quarenta por cento) os parâmetros de taxa de ocupação, permeabilidade e coeficiente de aproveitamento.

    Para a emissão do ARE a taxa de aprovação de projeto e a primeira parcela da CF deverão estar quitadas. A SEMUTT ressalta que o novo ARE é uma excelente oportunidade para a regularização dos imóveis, desta maneira orienta que os proprietários, contratem seu profissional de confiança e inicie o processo de regularização junto a Secretaria Municipal de Urbanismo, Transporte e Trânsito com a maior brevidade.

  • Ônibus itinerante

    Colombo tem Mutirão do Emprego nesta terça-feira

    De iniciativa da Secretaria Municipal de Indústria, comércio, turismo e trabalho da Prefeitura de Colombo, o Mutirão de Empregos tem a parceria com o Governo do Estado, através da Secretaria de Estado da Justiça, Família e Trabalho, e busca ampliar o acesso às oportunidades de emprego e colocação e no mercado de trabalho.

    Durante o dia 21, serão ofertadas vagas disponíveis na Agência do Trabalhador de Colombo e em toda a região e ainda cadastrar profissionais para vagas futuras e atualização de cadastros e currículos.

    Entre as estratégias do Mutirão de Empregos, estão a aproximação e intermediação das vagas de emprego à população, que o ônibus itinerante do projeto “Emprega Mais Paraná” trará à Colombo no Bairro Maracanã das 08h30 às 12h e das13h30 às 17h, na Avenida Abel Scuissiato próximo ao terminal do Maracanã.

  • Pinhais

    Rua Ediney de Lima Godoy recebe novo asfalto

    Na última semana a Prefeitura de Pinhais, por meio da Secretaria Municipal de Obras Públicas (Semop), iniciou a execução da nova pavimentação em Concreto Betuminoso Usinado à Quente (CBUQ) na Rua Ediney de Lima Godoy, Pineville, em substituição a atual em paralelepípedo.

    Paralelamente a este trabalho, as equipes da Semop realizam a revisão e o aprimoramento do sistema de drenagem, responsável pela destinação das águas pluviais (chuva). Além dessas melhorias, acontecerá na via a troca da iluminação por lâmpadas LED e a conclusão será com a sinalização viária (vertical e horizontal).

  • Agência do Trabalhador

    Emprega Mais Paraná oferta 703 vagas em Colombo; veja a programação da semana

    (Foto: José Fernando Ogura/AEN)

    O ônibus da Agência do Trabalhador Itinerante retoma nesta semana o trajeto pelas cidades da Região Metropolitana de Curitiba (RMC). O roteiro começa nesta terça-feira (21), em Colombo, com 703 vagas de emprego nas áreas de comércio, indústria, logística e serviços, com destaque para o telemarketing com 250 postos de trabalho.

    Paraná inicia semana com oferta de 11.613 vagas de emprego nas Agências do Trabalhador
    A ação faz parte do programa Emprega Mais Paraná, do Governo do Estado, coordenado pela Secretaria da Justiça, Família e Trabalho (Sejuf) em parceria com as prefeituras. “Essas ações de empregabilidade são viabilizadas graças ao nosso diálogo constante com o setor produtivo”, explicou o secretário Rogério Carboni. “Além de captar as vagas, temos firmado parcerias para qualificar os paranaenses para o trabalho”, complementou.

    O ônibus ficará estacionado, das 9h às 17h, na Rua Abel Scuissiato, quase na esquina com a Rua Arquimedes, ao lado da sede da Guarda Municipal de Colombo e próximo ao Terminal do Maracanã. “Convido quem está procurando uma nova oportunidade, ou que quer voltar ao mercado de trabalho, a comparecer para aproveitar essa grande oportunidade”, reforçou o prefeito Helder Lazarotto.

    Governo promove curso de Automação Industrial para jovens da CIC, em Curitiba
    Depois, a Agência do Trabalhador Itinerante seguirá para Rio Branco do Sul na quarta (22), Lapa na quinta (23) e Campo do Tenente, na sexta-feira (24), finalizando o circuito na RMC. As vagas ainda estão em processo de captação.

    Confira os endereços onde ficará estacionado o ônibus:

    Colombo

    21 de junho (terça-feira)

    Rua Abel Scuissiato, quase esquina com a Rua Arquimedes - Bairro Maracanã

    Ao lado da sede da Guarda Municipal e próximo ao Terminal do Maracanã

    Rio Branco do Sul

    22 de junho (quarta-feira)

    Rua Belmiro Gouveia, 260 - Bairro Tacaniça

    Ao lado do Colégio José Ermírio de Moraes

    Lapa

    23 de junho (quinta-feira)

    Alameda David Carneiro - Centro Histórico

    Em frente à Câmara Municipal

    Campo do Tenente

    24 de junho (sexta-feira)

    Av. Miguel Komarchewski, 888 - Centro

    Em frente à Prefeitura Municipal

  • Telona

    Sesc PR lança Mostra Itinerante de Cinema na Grande Curitiba

    (Foto: Reprodução)

    Com o objetivo fomentar a cultura e acessibilidade social, o Sesc PR acaba de lançar um novo projeto: a Mostra Itinerante de Cinema. A ação é realizada em parceria com Prefeituras em locais públicos, promovendo exibição gratuita de filmes e documentários com classificação livre presentes no catálogo do CineSesc, voltados aos mais diversos públicos.

    Piraquara será a primeira cidade a receber o projeto, entre os dias 21 e 24 de junho. O telão de cinema inflável do Sesc será montado no Parque das Águas Jacob Simião, com programação para todas as idades.

    A participação no projeto é efetivada por meio de edital de convocação pública de Prefeituras. “O cinema é um instrumento de potente reflexão e criticidade e por isso pode ser considerado uma importante ferramenta social, impactando o espectador por meio de diferentes histórias, realidades, poéticas e percepções sobre si e sobre o mundo em que vive”, enfatiza a gerente de Ação Social do Sesc PR, Nabile de Nardi.

    Confira a programação em Piraquara:

    21 de junho (terça-feira)

    19h - cerimonial de abertura
    19h40min - Sessão Charlin Chaplin:
    - A maleta fatal
    - Carlitos e o relógio
    - Carlitos faceiro
    - Carlitos garçon de um café
    - Dia de estrela
    - Um amor cruel

    22 de junho (quarta-feira)

    19h - curtas infantis

    23 de junho (quinta-feira)

    19h - O grilo feliz e os insetos gigantes

    24 de junho (sexta-feira)

    19h
    - Seremos ouvidas
    - A tradicional família brasileira katu
    - Espinheira santa
    - Ava kuña, Aty Kuña; mulher indígena, mulher política

    Serviço:
    Mostra Itinerante de Cinema em Piraquara
    Período: De 21 a 24 de junho
    Horário: partir das 19h
    Local: Parque das Águas Jacob Simião
    Programação gratuita

  • Parque Cachoeira

    Saiba como chegar de transporte coletivo para assistir à Paixão de Cristo em Araucária

    (Foto: Carlos Poly/PMA)

    Além das linhas do TRIAR que circulam próximas ao Parque Cachoeira (F24/São Francisco, a F25/ Costeira/Dampezzo e a F20/Minas Gerais), todas com saída do Terminal Central de Araucária, o Novo TRIAR disponibilizará uma linha especial circular entre o Terminal e o parque, no período das 17h às 19 horas do dia 16/06, para facilitar o acesso do público que vai assistir à apresentação da Paixão de Cristo. Quem chega ao Terminal Central por meio de outras linhas do TRIAR ou de linhas metropolitanas (de Curitiba ou Fazenda Rio Grande, por exemplo) pode fazer integração gratuita com a linha especial ou as linhas F-20, F-24 e F-25. A linha especial deve sair do terminal a cada 10 minutos e será sem parada. O espetáculo começa às 19 horas.

    Para quem virá de outros municípios, vale lembrar que há várias opções de linhas metropolitanas (conferir nas tabelas de horário da COMEC). No caso de Curitiba, por exemplo, as linhas para Araucária saem dos Terminais Guadalupe, Portão, Capão Raso e Pinheirinho. Esses terminais contam com linhas com destino ao Terminal Central de Araucária, onde é possível a integração gratuita com as linhas direcionadas ao Parque Cachoeira.

    PARQUE ABERTO - O Parque Cachoeira (rua Ceará nº 79, Bairro Iguaçu) estará aberto normalmente ao longo do dia e, quem desejar, pode chegar cedo para garantir um bom lugar. A apresentação está prevista para ter início às 19 horas, mas a organização informa que, a partir das 18h15, atores do grupo farão performances com cenas extras para entreter o público e prepará-lo para o clima do espetáculo.

    REFORÇO NO RETORNO – Após o fim do espetáculo, a linha especial fará o deslocamento do público até o Terminal Central para outras conexões; com previsão de saída de ônibus do parque a cada 6 minutos.

    Importante: tanto para o desembarque na chegada quanto para a saída após o evento, os ônibus da linha especial do TRIAR (Terminal Central) estarão próximos à praça ao lado da escola Archelau (no cruzamento das ruas Archelau com a Guanabara), a uma quadra do parque.

    Neste período pós evento, o Novo TRIAR também terá reforço em algumas linhas estratégicas para o deslocamento pela cidade. São elas: Ipê/Jatobá, CSU/Califórnia, Califórnia/Vital Brasil, Boqueirão, Dampezzo, São Francisco, Minas Gerais e Jardineira.

    GRANDE EVENTO - A encenação da Paixão de Cristo é uma realização do Grupo Lanteri e conta com apoio da Prefeitura de Araucária. O espetáculo é composto por 31 cenas que narram a vida de Jesus, desde o seu nascimento até a sua morte, ascensão e ressurreição. A estrutura do espetáculo comporta sete palcos que somam 1.200m². A entrada é gratuita e a duração do espetáculo é prevista para duas horas.

    De acordo com o Lanteri, a apresentação deste ano será a 43ª montagem realizada pelo grupo, envolve cerca de 1.200 mil voluntários entre atores, técnica e produção e atrai, em uma única apresentação, um público superior a 20 mil pessoas. Quem quiser poderá contribuir doando 1kg de alimento não perecível ou um agasalho que será doado via Provopar (Programa do Voluntariado Paranaense).

  • Parque das Águas

    Tartaruga gigante é colocada no Parque da Grande Curitiba para conscientizar sobre o descarte correto do plástico

    (Foto: Fábio Cristiano/PMP)

    Foi lançado na terça-feira (14), no Parque das Águas de Pinhais, o Projeto Ecopet, que tem uma escultura de tartaruga marinha, produzida pelo artista plástico Luiz Gagliastri. Com seis metros de comprimento, o casco será preenchido com garrafas plásticas (pet) por pessoas que visitarem o local durante a exposição.

    O projeto é desenvolvido pelas Secretarias Municipais de Desenvolvimento Econômico (Semde) e Meio Ambiente (Semma), como forma de conscientizar a população sobre os riscos que o plástico traz à natureza e à vida humana. O descarte incorreto do material no meio ambiente afeta a vida marinha, porque o lixo jogado nas galerias, segue para os rios e acaba no mar. Toda a arrecadação da ação será destinada à Arepi (Associação dos Recicladores de Pinhais).

    No lançamento do projeto, estiveram presentes a prefeita Rosa Maria, os secretários municipais José Martins (Desenvolvimento Econômico), Anderson Mendes (Segurança e Trânsito), Rosangela Batista (Assistência Social), Wellingthon Malachoski (interino de Meio Ambiente); os vereadores Arnaldo do Vizinho Solidário, Carlinhos do Elisa; o artista plástico Luiz Gagliastri; Vitor e Clarice Milano, presidente e vice-presidente do Instituto Chico Mendes; Julio Cesar Rodrigues da Revista Panorama Turismo; a jornalista Vera Rosa; Ronaldo Vaccari, CEO TV Euro News, integrantes da Secretaria de Meio Ambiente, alunos da Escola Municipal Anísio Teixeira e convidados.

    O escultor Luiz Gagliastri disse que a iniciativa desenvolvida em Pinhais será a primeira de uma série de ações pelo Brasil e até replicada em outros países, pois sua causa tem relevância ambiental. "Parabenizo o município por esta ação. Isto não é apenas uma escultura ou um monumento, isso é uma ideia. Alguns me perguntam por que estou fazendo isso, pois eu investi um tempo, mas fazendo algo com bastante amor. Faço isso pelas crianças, porque quero que elas no futuro olhem para o mundo e digam que pessoas desta época fizeram a diferença, que nós conseguimos salvar o futuro delas. Não estamos sozinhos, muitas pessoas do planeta estão junto com a gente nesta causa", disse o Luiz Gagliastri.

    O papel ambiental incentivando a mudança de comportamento das pessoas foi abordado pela prefeita Rosa Maria no evento de lançamento do projeto. "Penso que a arte é o caminho, é o canal principal para que possamos ter essa mudança de olhar e de comportamento. A tartaruga não é apenas uma escultura, é a demonstração de que as pessoas precisam tomar uma atitude correta para cuidar do planeta. Por que vamos descartar incorretamente nosso resíduo? Pinhais se sente feliz com o lançamento deste lindo projeto em uma área significativa para o meio ambiente. Agradeço a presença de todos e o descarte correto precisa ter uma mudança de atitude de cada um de nós. Parabenizo nossas equipes que são comprometidas, criativas e quem tem trazido inovação para nossa gestão, assim cuidamos melhor da nossa cidade e do mundo", frisou a prefeita.

    Serviço

    A Exposição Tartaruga Pet Socorro -- Projeto Ecopet fica dentro do Parque das Águas e pode ser visitada diariamente, no horário das 6h às 21h. A entrada é gratuita e o público pode levar sua garrafa pet para contribuir com o projeto. O Parque das Águas fica na Rodovia João Leopoldo Jacomel, esquina com Estrada Ecológica.

  • Rio Branco do Sul

    Defesa Civil faz resgate social nas ruas da cidade

    A equipe da Defesa Civil de Rio Branco do Sul iniciou no dia 1º de junho o resgate social de pessoas vulneráveis pelas ruas da cidade. Em ação mais recente realizada nesta semana foram assistidas 15 pessoas, sendo 6 delas encaminhadas para o espaço de acolhimento provisório disponibilizado pela Igreja Católica local, outras foram encaminhadas para suas residências e uma delas, que persistiu em ficar na rua, recebeu agasalhos, cobertas e alimentos, fornecidos pela Secretaria de Assistência Social e Habitação.

    Esta ação inédita no município é parte da política pública municipal implantada no ano passado, e está em consonância com o Plano Municipal de Assistência Social, de estabelecer a gestão integrada de serviços e benefícios voltada a afiançar a vigilância socioassistencial e a garantia de direitos como funções da política de assistência social.

    O trabalho de acolhimento nas ruas é feito por meio de convencimento, dando a liberdade de a pessoa escolher se quer ir ou não para o alojamento.

    Para informar sobre pessoas em situação de rua ligue para o telefone 41 98883-6617

  • Desenvolvimento Econômico

    Mandirituba irá realizar a 1ª Conferência Municipal de Cultura

    A Prefeitura de Mandirituba, por meio da Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Esporte e Lazer (SMECEL), promoverá no dia 22/06/2022 (quarta-feira), a 1ª Conferência Municipal de Cultura de Mandirituba. O evento começará a partir das 15h00, no Tetro Municipal.

    A conferência tem como tema: Cultura como Vetor de Desenvolvimento Econômico, Social, Turístico e Educacional.

    A 1ª Conferência Cultural de Mandirituba contará com as palestras do professor da IFPR e Presidente do Conselho Municipal de Políticas Públicas de Pinhais, Jeferson Araújo, do Dirigente Municipal de Cultura de Mandirituba, Historiador e Antropólogo, Fernando Cordeiro e do Presidente Licenciado do SATED Paraná, Adriano Esturilho, que trarão à tona eixos como: "Gestão e Desenvolvimento" e "Política Cultural e Cidadania".

    Na oportunidade serão eleitos os Conselheiros Municipais da Cultura.

  • Saúde

    Prefeitura de Pinhais dá novos encaminhamentos para a construção do hospital

    Na noite de segunda-feira (13), no Centro de Formação dos Profissionais da Educação (Cenforpe), foi realizada pela Prefeitura de Pinhais, a audiência pública para receber contribuições e sugestões para o aprimoramento do edital de parceria público-privada (PPP) com o município, para a construção, equipagem e operação do novo Hospital de Pinhais, na modalidade de concessão administrativa.

    A Prefeitura de Pinhais, desde o dia 10 de maio, disponibilizou as minutas do edital e do contrato da PPP para consulta pública. O evento foi uma oportunidade para a exposição técnica do projeto, e também, para responder aos questionamentos feitos pelo público e aquelas registradas via formulário digital, sendo as questões explanadas pelos integrantes da mesa técnica, composta por secretários municipais e representante da FIPE (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas).

    Estiveram presentes no evento, a prefeita Rosa Maria, os secretários municipais Adriane da Silva Jorge Carvalho (Saúde), Ricardo Pinheiro (Governo), Vinicius Martins (Administração), José Pedroza (Finanças), Salem Ibrahim representando o secretário de Obras Públicas, Andrea Franceschini (Educação), Bruno Sitima (Cultura, Esporte e Lazer), Emerson Santana Bento (Urbanismo), José Martins (Desenvolvimento Econômico), Anderson Mendes de Araujo (Segurança e Trânsito), Edson Galdino (Procurador Geral), Rosangela Batista (Assistência Social), os vereadores Arnaldo do Vizinho Solidário, Tomé, Carlinhos do Eliza, Dorival Selbach Junior (Superintendente da Guarda Municipal), a economista Thais Santos, da FIPE (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas) e Odete Gialdi, pesquisadora da FIPE.

    A promoção da audiência foi enfatizada pela Prefeita Rosa Maria que citou que a participação da comunidade é o ponto de grande relevância para o projeto do novo Hospital de Pinhais. “Hoje damos um passo importante que é a validação da minuta do contrato. Para mim é motivo de alegria estar à frente de uma gestão onde a saúde continua sendo uma prioridade. Essa audiência representa a possibilidade da comunidade participar, e acima de tudo, de transparência, onde cada passo é sempre colocado à disposição para que as pessoas conheçam, porque temos o objetivo de termos um hospital que cumpra todo o cronograma e seja um equipamento entregue à população da melhor qualidade e com uma gestão sustentável. Afinal, é da nossa obrigação entregar o melhor para nossa comunidade”, afirmou a prefeita.

    A audiência pública foi realizada presencialmente e transmitida ao vivo pelo Facebook e YouTube da Prefeitura de Pinhais, sendo que o vídeo está disponível nos canais e pode ser assistido.

    De acordo com o cronograma do projeto, a publicação do Edital para concessão do Hospital acontece neste mês de junho.

  • São José dos Pinhais

    Quississana recebe SINE nos Bairros nesta quarta-feira

    A Secretaria de Trabalho, Emprego e Economia Solidária (SETRAB) promove nesta quarta-feira (15) o SINE nos Bairros, no Quississana.

    A ação acontece na ASMOVIQ (Rua Giocondo Dal Stella, 708) e a abertura será às 9 horas. As senhas são limitadas e devem ser retiradas no local a partir das 8h30.

    A SETRAB orienta que os participantes compareçam munidos de documentos pessoais e a Carteira de Trabalho.

  • Educatron

    Mais 1,3 mil kits com TV e computador são entregues a escolas estaduais da Grande Curitiba

    (Foto: Lucas Fermin/Seed-PR)

    Mais 1.343 kits Educatron (com smart TVs e computadores) foram entregues nesta terça-feira (14), desta vez para colégios estaduais da Região Metropolitana de Curitiba. A ação faz parte do calendário de entregas de 25 mil kits Educatron, que devem ser concluídas até o fim deste mês em todas as instituições de ensino da rede estadual.

    Além de TV 43’’ e computador, os kits também incluem webcam, microfone, teclado com mouse pad e pedestal regulável. O equipamento pode ser usado, por exemplo, para apresentação de conteúdo multimídia em sala de aula e para videochamadas com outros professores ou palestrantes.

    As cerimônias de entrega aconteceram no Colégio Estadual Mário Braga, em Piraquara, e na Usina da Música, em São José dos Pinhais. Os eventos contaram com a participação do vice-governador do Paraná, Darci Piana, e de representantes da Secretaria de Estado da Educação e do Esporte (Seed-PR).

    “Aqui está a grande oportunidade de os nossos professores terem equipamentos à altura da necessidade deste momento”, disse Piana durante a cerimônia. “Kits Educatron são equipamentos ultramodernos que estão à disposição dos nossos alunos. A gente sabe o quanto é necessário os nossos estudantes estarem atualizados”.

    O investimento na compra dos equipamentos chegou a quase R$ 122 milhões. Dos 25 mil kits, 22,5 mil estão sendo instalados em todas as salas de aula de cada um dos mais de 2 mil colégios da rede estadual de ensino. Os demais serão armazenados como reserva.

    A aquisição dos equipamentos foi acompanhada de investimento em conectividade nas escolas. A Seed conclui neste ano a distribuição de equipamentos de wi-fi para todas as escolas da rede. A instalação será concluída também no mês de junho.