Metropole

Publicidade
Metropole

Município da Lapa se destaca na produção de frutas com caroço

O município da Lapa, na Região Metropolitana de Curitiba, é um dos principais produtores do Paraná de frutas com caroço, como pêssego, ameixa e nectarina. Em 2017, segundo o Departamento de Economia Rural (Deral), órgão ligado à Secretaria de Estado de Agricultura e do Abastecimento, a cidade colheu 1,4 tonelada dessas três culturas, o que gerou R$ 3,36 milhões, ou 14,8% do Valor Bruto de Produção (VBP) da fruticultura do Estado.

Parte desse cenário é fruto do trabalho do Instituto Paranaense de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater-PR) que chegou ao município no final da década de 50. Desde aquela época a entidade desenvolve projetos na região, dá assistência técnica e dicas sobre como cuidar da lavoura, faz visitas rotineiras aos produtores e ajuda com a comercialização de produtos.

ASSISTÊNCIA – Das 60 comunidades que formam o município, o sétimo maior em extensão territorial do Paraná, 21 são atendidas pela Emater. “Elegemos aquelas que têm agricultores familiares que precisam de uma assistência técnica mais efetiva”, explica o gerente municipal do Instituto na Lapa, Hélio Skiba, que divide o atendimento com a engenheira agrônoma e extensionista Leila Klenk.

Uma dessas comunidades é Primeiro Faxinal, com cerca de 25 produtores rurais, cada um com pouco mais de 15 hectares de terras. Por lá, a entidade desenvolve projetos de fruticultura, olericultura, estufas, diversificação de culturas, cultivo protegido e até planejamento de sistema de irrigação, como no caso do produtor Amilton Dias, 51 anos.

DESTAQUES DOS EDITORES