Eleições 2022

Justiça nega pedido do PSD para retirar críticas de Requião à condução do programa Leite das Crianças

Requião (PT): campanha do PSD alegou que as postagens no Instagram e Facebook teriam “conteúdo sabidamente inverídico”
Requião (PT): campanha do PSD alegou que as postagens no Instagram e Facebook teriam “conteúdo sabidamente inverídico” (Foto: Eduardo Matisyak/divulgação)

A Justiça Eleitoral julgou improcedente uma representação feita pelo PSD, partido do governador e candidato à reeleição, Ratinho Júnior, para que o candidato do PT ao governo, ex-governador Roberto Requião retirasse das redes sociais peças com críticas à condução do programa Leite das Crianças pelo atual governo estadual. A juíza Melissa de Azevedo Olivas entendeu que as peças não contêm “fato sabidamente inverídico”, nem “ofensa à honra”.

A campanha do PSD alegou que as postagens no Instagram e Facebook teriam “conteúdo sabidamente inverídico” ao dizer que Ratinho “quer acabar com o programa do leite das crianças”. Especificamente sobre essa alegação, a juíza afirmou: “Consta estar havendo redução paulatina de investimentos no programa e inclusive questionamentos a respeito da origem da verba, se deveria ser enquadrada nos gastos relativos à saúde ou não. Portanto, sob a ótica da liberdade de expressão, não se percebe qualquer irregularidade na publicação impugnada, mas sim conclusão pessoal do representado a respeito do caminhar do programa”.