Balanço

Mesmo com pandemia, Paraná tem aumento de receita em 2020

Renê Garcia Júnior: secretário da Fazenda apresenta números na Assembleia amanhã
Renê Garcia Júnior: secretário da Fazenda apresenta números na Assembleia amanhã (Foto: Franklin de Freitas)

Apesar da pandemia da Covid-19, o governo do Paraná fechou 2020 com um aumento nominal de 5,6% na receita corrente, ou 1,1% em termos reais (descontada a inflação) em relação a 2019, um resultado considerado positivo diante da queda da atividade econômica por causa da emergência sanitária. Para a Secretaria de Estado da Fazenda, esse resultado só foi possível graças à suspensão da cobrança de juros e encargos da dívida com a União, e os repasses do governo federal para compensar a queda na arrecadação por causa da pandemia. E mesmo com o início da vacinação e a esperança de melhoria do cenário, 2021 começa envolto em incerteza.

Os dados e informações estão na prestação de contas do Estado que será apresentada oficialmente, amanhã, pelo secretário de Estado da Fazenda, Renê Garcia Júnior, em audiência pública na Assembleia Legislativa. A receita corrente no ano passado foi de R$ 42,64 bilhões, contra R5 40,375 bilhões de 2019. Já as despesas correntes foram de R$ 37,91 bilhões no ano passado, contra R$ 36,22 bilhões no ano anterior, um aumento nominal de 4,7% e de 0,1% em termos reais.

Leia a matéria completa no Bem Paraná