Política em Debate

Publicidade
Cigarro

Projeto que proíbe fumar nos parques de Curitiba avança na Câmara

Projeto agora deve passar pelas comissões de Saúde, Bem-Estar Social e Esporte e de Serviço Público antes de ser votado em plenário.
Projeto agora deve passar pelas comissões de Saúde, Bem-Estar Social e Esporte e de Serviço Público antes de ser votado em plenário. (Foto: Pedro Ribas/SMCS)

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara Municipal de Curitiba aprovou ontem a admissibilidade do projeto do vereador Tico Kuzma (PROS) que prevê a proibição do uso de produtos fumígenos, derivados ou não do tabaco, nos parques da Capital.

O parecer favorável do líder do prefeito na Casa, Pier Petruzziello (PTB), considerou a medida é constitucional. Ele sugeriu que em vez de se criar uma nova legislação sobre o tema, Kuzma proponha uma alteração à lei atual, de 2009 de sua autoria, e que já prevê a proibição de fumar em locais fechados. Antes de ser votada em plenário, a matéria precisa ainda passar pelo crivo das comissões de Saúde, Bem-Estar Social e Esporte e de Serviço Público.

Segundo o texto, aqueles que descumprirem a norma, caso aprovada pela Câmara e sancionada pelo prefeito, ficarão sujeitos a multa de R$ 500,00 dobrada em caso de reincidência. Nos locais de que trata a proposta, poderão ser afixadas placas informativas, de tamanho a ser regulamentado pelo Executivo, com o aviso de que ali é proibido fumar.

A matéria prevê como infratores aqueles que forem flagrados fumando nestes locais. Segundo o texto, a prefeitura ficaria autorizada a criar uma área especial, dentro do parque, reservada aos fumantes, que deverão estar distantes de parques infantis, áreas desportivas e demais locais com alta aglomeração e circulação de pessoas.

Na Assembleia Legislativa, tramita um outro projeto, que pretente proibir o consumo de cigarros e produtos derivados do tabaco em ambientes de uso coletivo, abertos ou fechados, nas quais haja permanência ou circulação de pessoas, como estádios de futebol, praças, parques e praias.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES