O desafio de FICAR EM CASA - Dica de sobrevivência

No começo era tudo novidade e até interessante. Isolamento social. Quarentena. A ordem é “FICAR EM CASA”. Não éramos obrigados a ficar em casa desde a última vez que os pais colocaram de castigo.

 

Mas, com o Isolamento Social, vieram novos desafios que estão deixando muitas pessoas perdidas, irritadas e gerando ansiedade. Hoje vim falar sobre algo que pode te ajudar MUITO: a rotina. ESPERA! Antes de virar os olhos e sair correndo, dá uma olhada no que eu tenho a te dizer sobre isso!

 

RO-TI-NA

Substantivo feminino

  1.      SENTIMENTO POPULAR (na minha humilde percepção)

Aquela chatice que torna todos os dias iguais e faz com que tudo se torne obrigação.

 

Sei que muita gente não gosta, parece que a palavra “rotina” carrega um peso de obrigação indesejada enorme.

Te convido a pensar diferente.

A verdade é que a rotina nos mantém no trilho e nos ajuda a cumprir nossos objetivos.

O que acontece é que muitas vezes não somos líderes da nossa rotina. Ou seja, deixamos que fatores externos, como o horário de deixar as crianças na escola, nos digam quando devemos fazer as coisas.

E aí fica chato mesmo, né? Afinal, nesse contexto, seguir rotina significa obedecer regras impostas por outras pessoas, que não necessariamente nos ajudam a seguir nossos sonhos e cumprir nossos objetivos.

O curioso é que quando esses fatores externos deixaram de existir, muita gente se perdeu. Isso porque os horários impostos pelos fatores externos eram a base da programação. Mas não deveria ser assim, sabe por quê?

Porque essa é a sua vida! E os seus objetivos e metas deveriam ser a base da sua rotina, com os compromissos cotidianos sendo encaixados nela.

É claro que, na vida normal (entenda: em uma vida sem Corona Vírus!) você tem que seguir horários pré estabelecidos pela sociedade. Mas, se os seus compromissos com você mesmo forem mais importantes do que os horários externos, você não vai abandonar seus exercícios as 6:00h, só porque não tem que deixar as crianças na escola as 7:30h. Porque o seu foco não está no horário da escola, mas no seu objetivo pessoal de se manter saudável. Faz sentido?

Meu convite aqui é: Assuma a liderança da sua rotina.

“Ah, Priscila, mas agora não tem como, as crianças estão em casa, meu trabalho está com horário diferente, etc, etc, etc...”

Te digo que, nesse momento, é ainda mais importante você ter uma rotina.

Adaptação é a palavra de ordem. A rotina que você montar agora, provavelmente precisará ser revista quando tudo voltar ao normal (será que teremos um “novo normal”? Deixemos para outro post!). Mas o importante é que você entenda quais objetivos são importantes pra você, e determine como encaixá-los de forma que possa continuar investindo neles sistematicamente neste período.

Querer esperar que a pandemia acabe para voltar a rotina vai gerar uma grande frustração e muita ansiedade, afinal, é colocar o poder sobre nossas vidas em um evento cuja resolução não está ao nosso alcance.

Então, retome a liderança da sua vida.

O que é importante pra você HOJE? E o que é importante no médio e longo prazo?

Reserve tempo para esses objetivos, coloque horários para cumpri-los.

Cuidar da manutenção da casa é um objetivo hoje, que costuma não fazer parte da sua rotina normal? Tudo bem, adapte sua rotina incluindo tempo para isso. Mas coloque horário para começar e terminar, assim você evita que essas demandas geradas pelo período de pandemia dominem seu tempo e te afastem de seus objetivos pessoais.

Se você precisar de ajuda para montar uma rotina, leia também esse post, vai ajudar:

https://justperfect.com.br/2019/04/14/quais-sao-seus-planos-para-hoje/

 

            Então, enquanto tudo isso não passar: use máscara! Mas se quer uma dica que vai te ajudar agora e depois da quarentena... Seja líder da sua rotina!

 

Abraços,

Priscila Wolff