Decisão correta

Bambi vai para o Santuário de Elefantes do Brasil

Aos 58 anos, Bambi volta a viver em ambiente natural
Aos 58 anos, Bambi volta a viver em ambiente natural

Pela primeira vez, em mais de 50 anos, a elefanta Bambi poderá voltar a viver em ambiente natural. O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) autorizou a transferência do animal do Bosque e Zoológico Dr. Fábio Barreto, em Ribeirão Preto, SP, para o Santuário de Elefantes do Brasil, na Chapada dos Guimarães (MT).

A decisão foi tomada com base em imagens e laudos técnicos sobre a rotina de Bambi, que divide o atual recinto com Maison - outra elefanta asiática com quem não tem afinidade. A relação hostil não é saudável para ambas, mas a prioridade pela mudança de Bambi se deu por sua idade avançada e atuais condições de saúde.

'Agradecemos esta oportunidade de proporcionar a Bambi uma vida que lhe ofereça o espaço, a autonomia e a vivência social dinâmica e o mais próximo possível da natureza. Bambi se juntará a outros quatro elefantes, todos com histórias semelhantes. Pela primeira vez em todas as suas vidas, o santuário é uma chance de descoberta e, de muitas maneiras, uma redescoberta do que significa ser um elefante novamente. Mais do que apenas uma vida incrível, nossa equipe do santuário oferece uma experiência prática incomparável com os cuidados intensivos e diferenciados necessários para elefantes doentes e idoso", afirma Scott Blais, presidente do Santuário de Elefantes Brasil.

Bambi tem à sua disposição um espaço arborizado de 30 hectares - o equivalente a 300 mil metros quadrados - com riacho, lago e poças de lama.