Publicidade

6ª fase da Operação Luz na Infância combate abuso e exploração sexual infantil

Policiais civis de 12 Estados participam da manhã desta terça-feira, 18, da sexta fase da Operação Luz da Infância, que busca identificar autores de crimes de abuso e exploração sexual contra crianças e adolescentes. A ação é coordenada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública, pasta chefiada por Sério Moro, e envolve ainda ações em outros quatro países - Colômbia, Estados Unidos, Paraguai e Panamá.

Agentes cumprem 112 mandados de busca e apreensão de arquivos com conteúdo relacionado a crimes de exploração sexual praticados contra crianças e adolescentes. As ações são realizadas nos Estados de Alagoas, Acre, Ceará, Rio de Janeiro, Goiás, Paraná, Rio Grande do Sul, São Paulo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Piauí e Santa Catarina.

No Brasil, a pena para quem armazena conteúdo relacionado aos crimes de exploração sexual varia de 1 a 4 anos de prisão, de 3 a 6 anos pelo compartilhamento e de 4 a 8 anos de prisão pela produção.

Em setembro de 2019, a Operação Luz na Infância 5 foi realizada em 14 estados e seis países e prendeu 51 pessoas. Foram mobilizados para a operação 656 policiais que atuam nas buscas decretadas contra 105 alvos.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES