Publicidade
Ministério da Saúde

A dez dias do fim da campanha, 66,8% do público-alvo se vacinou contra gripe no Paraná

(Foto: Jaelson Lucas/AN-PR)

A dez dias do fim da campanha de vacinação contra a gripe, apenas 63,4% do público-alvo se vacinou contra a gripe em todo o País, um total de 37,7 milhões de pessoas, segundo dados divulgados pelo Ministério da Saúde. Ainda restam 21,8 milhões de pessoas que precisam procurar a unidade de saúde mais próxima para se protegerem contra os tipos graves do vírus da influenza (A H1N1; A H3N2 e influenza B). A Campanha Nacional de Vacinação contra a influenza, que teve início no dia 10 de abril, continua até o fim da próxima semana, no dia 31 de maio.

No Paraná, também segundo o boletim do Ministério, foram vacinados 2.240.517 pessoas, de um público-alvo estimado em 3.352.193 pessoas. Até o momento o índice do Paraná é de 66,8%.

“A vacina está disponível de graça nas unidades de saúde de todo o País. Para diminuir a circulação do vírus é preciso que todas as pessoas que fazem parte do público prioritário da campanha se vacinem. A vacina é a forma mais eficaz de evitar a doença”, afirmou o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta.

Entre a população prioritária, as puérperas registraram a maior cobertura vacinal, com 288,6 mil doses aplicadas, o que representa 81,9% deste público, seguido pelos idosos (72,2%), funcionários do sistema prisional (71,3%), indígenas (70,7%) e professores (65,7%). Os grupos que menos se vacinaram foram os profissionais das forças de segurança e salvamento (24%), população privada de liberdade (32,2%), pessoas com comorbidades (54%), trabalhadores de saúde (60,9%), crianças (61,5%) e gestantes (63,2%).

Os estados com maior cobertura até o momento são: Amazonas (93,6%), Amapá (85,5%), Espírito Santo (75,3%), Alagoas (73,4%), Rondônia (72,6%) e Pernambuco (72,2%). Já os estados com menor cobertura são: Rio de Janeiro (45,8%) Acre (49,7%), São Paulo (57,0%), Roraima (57,4%) e Pará (59,2%). Em todo o país, a campanha permanece com uma estrutura formada por cerca de 41,8 mil postos de vacinação e com a participação de aproximadamente 196,5 mil pessoas.

CASOS DE GRIPE NO BRASIL

Neste ano, até 11 de maio, foram registrados 807 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) por influenza em todo o país, com 144 mortes. Até o momento, o subtipo predominante no país é o vírus influenza A (H1N1) pdm09, com registro de 407 casos e 86 óbitos.

No Paraná, até o dia 15 de maio, a Secretaria da Saúde mostrava que, desde o início do ano, o Paraná tinha registrado 74 casos graves confirmados, sendo que 22 desses casos evoluíram para óbito. Do total de casos confirmados, a maior parte foi registrada entre os idosos (acima de 60 anos), com 28,4% das ocorrências.

A Campanha Nacional de Vacinação Contra a Influenza teve início no dia 10 de abril em todo o país. No primeiro momento, foram priorizadas as crianças e gestantes. A vacinação está aberta para todos os públicos desde o dia 22 de abril e encerra no dia 31 de maio.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES