AB InBev: Carlos Brito vai deixar o comando da empresa em 1º de julho

O engenheiro carioca Carlos Brito, de 61 anos, vai deixar o comando da Anheuser-Busch InBev no dia 1º de julho, anunciou a companhia na madrugada desta quinta-feira, 6. O executivo vai se desligar da empresa após uma trajetória que começou na antiga Brahma, no fim dos anos 1980, passou pela criação da AmBev, na década seguinte, e culminou com a formação da maior cervejaria do mundo, já neste século, com a fusão da belga InBev com a americana Anheuser-Busch.

O substituto de Brito no comando da AB InBev também é brasileiro: o engenheiro catarinense Michel Dukeris, que ingressou na AmBev em 1996 e atualmente cuida das operações da AB InBev nos Estados Unidos.

Brito foi uma peça fundamental no projeto do empresário Jorge Paulo Lemann de montar a maior companhia cervejeira mundo. O executivo liderou todas as fusões e aquisições que levaram a AB InBev, controlada por Lemann, à dominação do mercado global. "Juntos, construímos a cervejaria líder e mais lucrativa do mundo, com as melhores marcas e, o mais importante, as melhores pessoas", disse Brito no comunicado sobre seu desligamento.