Economia

Absolut faz garrafa com tinta de cartazes racistas e anti-LGBT ao redor do mundo

(Foto: Reprodução/Site Absolut)

CORUNHA, ESPANHA (FOLHAPRESS) - A nova edição limitada de Absolut traz uma garrafa para reflexão. O mote da ação da marca de vodca é sair do ódio e espalhar o amor.

Abraçando causas progressistas, a Absolut fez uma seleção de voluntários espalhados pelo mundo em busca de cartazes em manifestações racistas e anti-LGBT.

Foram cinco meses em que esses selecionados percorreram três continentes, passando por países como Estados Unidos, Austrália, Alemanha e Bulgária, além do Reino Unido.

Segundo a empresa, esses cartazes recolhidos foram enviados a um fornecedor que usou a tinta extraída das mensagens de ódio e a misturou com os pigmentos coloridos para confeccionar a garrafa colorida em edição limitada.

A palavra “Amor”, impressa em várias línguas, transmite a mensagem final da campanha por meio de mais de 2 milhões de garrafas no Brasil.

“Tratar de contextos sociais importantes para sociedade sempre pautou as iniciativa da marca ao longo dos anos”, diz Flavia Molina diretora de marketing da Pernod Ricard Brasil.

A campanha lançada próxima às eleições no Brasil seguiu o cronograma mundial da marca, mas, segundo a empresa, não houve relação com o pleito —momento em que o país se polarizou politicamente.

“A Absolut enxerga que o momento de polarização no mundo inteiro pede ações como essa que propõem o amor como ponto de partida.”

Segundo ela, a marca é apartidária e nunca foi o intuito fazer campanha ou demonstrar predileção a nenhum candidato.

O produto está disponível pelo preço sugerido de R$ 118.