Achando ter matado a mulher, homem se suicida

Na história de Romeu e Julieta, de Shakespeare, Romeu acaba se suicidando após descobrir a morte de sua amada – que na verdade estava viva e também acabou dando fim à própria vida após despertar e encontrar o amado morto.

Eis que mais de 400 anos após Shakespeare escrever sua tragédia, uma outra dolorosa história de amor teve desfecho trágico no Paraná, mais precisamente em Itapejara do Oeste, no sudoeste do estado.

Segundo informações, um casal, que brigava constantemente por cauda de ciúmes, acabou tendo um último desentendimento na noite desta sexta-feira (27). Durante a briga, Mauro Lucas dos Santos, de 20 anos, atirou contra a mulher, Lorenir Cauvilla.

Pensando ter assassinado a amada, o rapaz atirou contra a própria cabeça, dando fim à própria vida. Lorenir, contudo, ainda está viva. Ferida no pescoço e na boca, a mulher foi encaminhada em estado grave ao hospital.