Argentina: ministro diz que governo conversa com credores para renegociar dívidas

O ministro da Economia da Argentina, Martín Guzmán, disse que o novo governo começou conversas com credores para renegociar os termos de dezenas de bilhões de dólares em dívida com detentores de títulos privados e o Fundo Monetário Internacional (FMI). "Nós queremos ter conversas de boa vontade, para resolver o problema que é um problema para todos", afirmou.

O ministro também declarou que o governo busca uma política de dívida que forneça alívio para uma economia em recessão. "Nós temos que ter a possibilidade de não ser sufocados pela dívida", reforçou. O governo anterior assumiu mais de U$S 100 bilhões em dívida externa e recebeu uma ajuda de US$ 57 bilhões do FMI.

Fonte: Dow Jones Newswires.