Publicidade
1 a 1

Athletico arranca empate contra o Paraná na Vila Capanema e evita eliminação precoce

(Foto: Franklin de Freitas)

O pulso ainda pulsa. E tanto para o Paraná quanto para o Athletico. Jogando na Vila Capanema na tarde deste domingo (03/02), as equipes comandadas por Dado Cavalcanti e Rafael Guanaes ficaram no empate em 1 a 1. Jenison abriu o placar para os donos da casa no primeiro tempo, enquanto Vitor Naum empatou a partida na etapa final.

Com o resultado, o Furacão mantém a série invencível diante do rival: já são 6 jogos sem derrota, com três vitórias e três empates nos últimos clássicos (11 gols marcados e um sofrido). Por outro lado, a situação das duas equipes é complicada na tabela.

Na Taça Barcímio Sicupira, os times do grupo B – o do Paraná – jogam contra as equipes do grupo A – o do Athletico. Os dois primeiros de cada grupo disputam as semifinais. Com seis pontos, o Paraná é o quinto colocado do seu grupo, com três pontos a menos que o Coritiba, segundo lugar. Já o Athletico soma cinco pontos e está em quarto lugar, três pontos atrás do Londrina e do Operário (2º) e dois atrás do Toledo (3º).

Na próxima rodada, a derradeira da fase de grupos da Taça Sicupira, o Paraná visita o Londrina no Estádio do Café, enquanto o Athletico recebe o Cianorte na Arena da Baixada. As duas partidas acontecem no domingo, dia 10, às 17 horas, e para se classificar a dupla tem de vencer e ainda torcer por tropeços dos rivais diretos.

Escalações

O técnico Dado Cavalcanti promoveu seis mudanças em relação ao jogo anterior (empate em 0 a 0 contra o Toledo). Na lateral-direita, Éder Sciola substituiu Sueliton. Na zaga, Fernando Timbó ganhou a disputa com Eduardo Bauermann. No meio de campo, Luiz Otávio, Fernando Neto e Higor Leite substituiram Alejandro Marquez, Kadu e Maicosuel. No ataque, Jenison ganhou a posição que era de Kessley.

No Athletico, o técnico Rafael Guanaes optou por repetir a escalação dos últimos dois jogos (contra Rio Branco e Coritiba).

Primeiro tempo

Dono da casa, o Paraná tratou de pressionar a equipe visitante desde o primeiro minuto, marcando forte no campo de ataque e explorando as jogadas pelas laterais para agredir o adversário. O Athletico só foi passar do meio de campo com a bola por volta dos 10 minutos, em lance que terminou com falta de Fernando Timbó em Bergson. Pouco depois, porém, aos 11 minutos, Fernando Neto fez cruzamento perfeito para Jenison, dentro da pequena área, empurrar para o fundo da rede: 1 a 0.

Com a vantagem, o Paraná recuou (situação que foi agravada pela lesão de Rodrigo Carioca, aos 23 minutos, substituído por Alesson) e passou a explorar os contra-ataques. Em um deles, aos 35, Andrey teve a chance de ampliar o marcador, mas parou em Léo.

O Furacão, por sua vez, só conseguiu levar perigo nos minutos finais. Aos 40, Thiago Rodrigues trabalhou pela primeira vez, com defesa tranquila em chute de Erick. Aos 42, Marquinho teve grande chance para empatar, mas parou no goleiro novamente.

Segundo tempo

Na volta do intervalo, a primeira mudança no Athletico, com o atacante Vitor Naum entrando no lugar do lateral-direito. Na sequência, ainda entrariam Bruno Rodrigues e Demethryus nos lugares de Anderson Plata e João Pedro (aos 15 e aos 26 minutos, respectivamente). A equipe visitante passou a jogar com três zagueiros, mas tinha dificuldade na marcação pelas laterais, principalmente a direita.

No Paraná, que por pouco não ampliou a vantagem aos quatro minutos, Dado Cavalcanti substituiu Higor Leite e Andrey por Maicosuel e Kessley (aos 16 e aos 31 minutos). A equipe teve ainda outra boa chance aos 33 minutos, com Maicosuel, mas parou por aí.

Já o Furacão, um tanto na base do desespero, se lançou ao ataque a partir do vigésimo minuto e conseguiu inverter o domínio da partida. O gol de empate saiu aos 37 minutos, em ótima jogada de Bruno Rodrigues que terminou com gol de Vitor Naum – os dois entraram no segundo tempo em campo.

Nos minutos finais, o volante Erick foi expulso após cometer falta dura em Alesson.

FICHA TÉCNICA

Paraná 1 x 1 Athletico

Paraná: Thiago Rodrigues; Éder Sciola, Rodolfo, Fernando Timbó e Guilherme Santos; Luiz Otávio, Fernando Neto e Higor Leite (Maicosuel); Andrey (Kessley), Rodrigo Carioca (Alesson) e Jenison. Técnico: Dado Cavalcanti.
Athletico: Léo Vieira; Reginaldo (Vitor Naum), Robson Bambu, Eder e Nicolas; Erick, Marquinho, João Pedro (Demethryus) e Matheus Anjos; Anderson Plata (Bruno Rodrigues) e Bergson. Técnico: Rafael Guanaes.
Gols: Jenison (11-1º) e Vitor Naum (37-2º)
Cartões amarelos: Andrey, Éder Sciola (P); Bergson, Marquinho, Éder, Robson Bambu (A)
Cartão vermelho: Erick (A)

Árbitro: Rodolpho Toski Marques
Público: 3.559 pagantes (4.367 total)
Renda: R$ 116.756,00
Local: Estádio Vila Capanema, em Curitiba, domingo (03/02) às 17 horas

PRINCIPAIS LANCES

11 – Gol do Paraná! Cobrança de lateral rápida do Paraná. Higor Leite toca para Fernando Neto. Livre na esquerda, ele cruza fechado e Jenison aparece na grande área para completar para o fundo da rede.

29 – Éder tenta dar um chutão para afastar a bola da área, mas faz um buraco no gramado e erra a bola. Jenison aproveita o erro da defesa e chuta forte. Léo espalma.

31 – Fernando Neto chega na linha de fundo, corta Reginaldo (que vai ao chão) e cruza rasteiro. Robson Bambu afasta o perigo.

35 – Andrey rouba a bola de Matheus Anjos na intermediária e avança com três atacantes contra dois defensores. Em vez do passe, porém, ele arrisca o chute da entrada da área e Léo salta e espalma.

40 – Erick recebe na esquerda e bate cruzado de perto da área. Thiago Rodrigues cai e defende com tranquilidade.

42 – João Pedro toca para Bergson, que gira em cima do marcador e ajeita para Marquinho chegar finalizando. Thiago Rodrigues espalma.

Segundo tempo

4 – Jenison aciona Fernando Neto na área. De frente para o gol, o meia chuta, mas a zaga se recupera e amortece o chute, que chega fraco para o goleiro Léo defender.

6 – Paraná tenta chegar na área, mas Erick faz o corte. A bola bate no braço de Robson Bambu e os jogadores paranistas pedem pênalti.

16 – Vitor Naum recebe na entrada da área e chuta colocado, rasteiro. A bola desvia e dificulta a defesa de Thiago Rodrigues, que segura a bola em dois tempos.

25 – Bruno Rodrigues recebe na esquerda, corta para o meio e bate colocado. A bola quica e Thiago Rodrigues espalma.

27 – Cruzamento de Vitor Naum. Thiago Rodrigues desvia, mas sem força para afastar o perigo. Bruno Rodrigues aparecia para aproveitar a sobra, mas Éder Sciola chega na Hora H para cortas.

28 – Cobrança de escanteio de Matheus Anjos. Bergson ganha pelo alto e cabeceia firme, para baixo. Thiago Rodrigues segura.

33 – Athletico sai jogando errado. Kessley toca para Maicosuel, livre dentro da área, chutar ao lado do gol.

37 – Gol do Athletico! Bruno Rodrigues recebe na entrada da área e toca para a passagem de Matheus Anjos, que chuta forte de dentro da área. Thiago Rodrigues defende, mas no rebote Vitor Naum aparece para conferir.

Confira a galeria de fotos do clássico. As imagens são do fotógrafo Franklin de Freitas

DESTAQUES DOS EDITORES