Investigação

Athletico identifica torcedores suspeitos de atos racistas na partida contra o São Paulo

(Foto: Reprodução)

O Athletico identificou os torcedores que suspostamente fizeram gestos racistas na partida contra o São Paulo, na Arena da Baixada, pela 20ª rodada do Campeonato Brasileiro. Dos envolvidos, uma torcedora é menor de idade. Os nomes não foram divulgados.

"O Athletico Paranaense vem a público informar que já identificou torcedores que foram filmados praticando suposto ato de racismo na partida de domingo contra o São Paulo. O Club já enviou o caso à Câmara de Ética e Disciplina e encaminhará as informações às autoridades competentes para investigação e eventuais providências necessárias. O Athletico novamente reitera que repudia veementemente quaisquer atos de racismo e que nunca tolerará comportamentos racistas dentro da Instituição", afirmou o clube, em nota.

 A Delegacia Móvel de Atendimento ao Futebol e Eventos (Demafe) aguarda informações para tomar as medidas criminais.

“Lamentavelmente, episódios de racismo foram presenciados neste domingo, na Arena da Baixada. Um profissional do São Paulo FC, que estava trabalhando no campo, foi vítima de ataques racistas logo em seguida ao pênalti defendido pelo goleiro Felipe Alves”, afirmou o São Paulo, em nota oficial. “Ele vem recebendo o suporte do clube e já registrou Boletim de Ocorrência. Nas arquibancadas, torcedores também relataram ataques nojentos, vítimas de criminosos que simulavam gestos de macaco. É nosso dever denunciar. Não basta não ser racista, é preciso ser antirracista”, declarou.

Veja as imagens aqui