Publicidade
Brasileirão

Athletico muda defesa, meio e ataque, mas fica no empate com o Palmeiras

O Athletico Paranaense empatou em 1 a 1 com o Palmeiras, nesse domingo (dia 20) à noite, na Arena da Baixada, pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o time paranaense ficou em 9º lugar, com 39 pontos. A equipe paulista segue na vice-liderança, com 54 pontos. Clique aqui para ver a classificação no site Srgoool.

O técnico Tiago Nunes decidiu fazer três mudanças em relação ao último jogo, com as entradas do lateral Adriano, do meia Bruno Nazário e do centroavante Marco Ruben nas vagas de Márcio Azevedo, Cittadini e Thonny Anderson. Ou seja, os três setores sofreram alterações: defesa, meio-campo e ataque. Para completar, o goleiro Santos sentiu dores durante o aquecimento e acabou substituído por Léo.

FASES
A partida era o duelo de duas equipes em grande fase. O Athletico vinha de quatro vitórias, três empates e uma derrota nos oito jogos anteriores. Já o Palmeiras tinha sete vitórias, dois empates e uma derrota nas dez partidas antes de chegar à Arena da Baixada.

ARTILHARIA
Marcelo Cirino chegou a 8 gols em 39 jogos em 2019. É o vice-artilheiro do time na temporada, atrás apenas do argentino Marco Ruben, que fez 11 em 34. Cirino é o goleador máximo do clube no Brasileirão 2019, com 7 gols em 23 partidas.

ESCALAÇÃO DO ATHLETICO
As baixas no Athletico eram Jonathan, em recuperação, e Camacho, suspenso por doping. O desfalque de última hora foi o goleiro Santos, com um torcicolo. Além de Léo no gol, as novidades eram o lateral Adriano, o meia Bruno Nazário e o centroavante Marco Ruben, que entraram nas vagas de Márcio Azevedo, Cittadini e Thonny Anderson. O esquema tático era o 4-2-3-1 de sempre, com Rony (esquerda), Cirino (direita) e Nazário (centro) na linha de três.

ESCALAÇÃO DO PALMEIRAS
O Palmeiras não tinha Marcos Rocha, Gustavo Scarpa, Victor Luis, Luiz Adriano e Ramires. O esquema tático foi o 4-2-3-1 de sempre.

PRIMEIRO TEMPO
O jogo começou com equilíbrio. O Athletico manteve seu estilo de trocar passes curtos desde a defesa até o ataque. O Palmeiras avançou a marcação e pressionou bastante a saída de bola adversária. Com a bola, o time paulista apostava nas jogadas individuais de Dudu, pela esquerda, e nas bolas longas para o centroavante Deyverson.

A partida teve bons ataques dos dois lados. Quem saiu na frente foi o Athletico, aos 7 minutos, em cruzamento perfeito de Adriano e finalização de cabeça de Marcelo Cirino. O Palmeiras chegou ao empate aos 40, em boa jogada de Willian pela direita e cruzamento para Deyverson chutar na pequena área.

SEGUNDO TEMPO
Os dois times voltaram mais cautelosos depois do intervalo. A partida teve menos jogadas ofensivas dos dois lados. Aos 11, o Palmeiras tirou Zé Rafael e colocou Lucas Lima. Aos 16, saiu Bruno Nazário no Athletico e entrou o meia Léo Cittadini. O jogo seguiu amarrado. Aos 31, saiu Marco Ruben e entrou Thonny Anderson. Nos minutos finais, os técnicos ainda colocaram Raphael Veiga (Palmeiras) e Pedrinho (Athletico) na partida, mas pouco adiantou.

ESTATÍSTICAS
Nos 90 minutos, o Athletico somou 13 finalizações (6 certas), 51% de posse de bola, 79% de acerto nos passes e 2 escanteios. O Palmeiras obteve 8 finalizações (2 certas), 49% de posse de bola, 80% de acerto nos passes e 1 escanteios. Os números são do site Sofascore.

ATHLETICO 1x1 PALMEIRAS
Athletico: Léo; Madson, Thiago Heleno, Léo Pereira e Adriano; Wellington e Bruno Guimarães; Marcelo Cirino (Pedrinho), Bruno Nazário (Léo Cittadini) e Rony; Marco Ruben (Thonny Anderson). Técnico: Tiago Nunes
Palmeiras: Weverton; Jean (Luan), Gustavo Gómez, Vitor Hugo e Diogo Barbosa; Felipe Melo e Bruno Henrique; Willian (Raphael Veiga), Zé Rafael (Lucas Lima) e Dudu; Deyverson. Técnico: Mano Menezes
Gols: Marcelo Cirino (7-1º) e Deyverson (40-1º)
Cartões amarelos: Gustavo Gómez, Bruno Henrique (P) Thiago Heleno
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG)
Público: 19.937 total
Local: Arena da Baixada

PRINCIPAIS LANCES
Primeiro tempo
5 - Deyverson pega rebote, invade a área e chuta ao lado do gol.
7 - Gol do Athletico. Adriano recebe na ponta esquerda e cruzamento. Marcelo Cirino entra livre e marca de cabeça.
19 - Rony chuta de fora da área. A bola vai sobre o gol.
23 - Deyverson ajeita para Dudu. Ele arrisca do bico da área e a bola passa perto do ângulo.
30 - Madson cruza na medida. Marco Ruben sobe sozinho e cabeceia sobre o gol.
40 - Gol do Palmeiras. Willian entra livre na ponta-direita e cruza rasteiro. Deyverson ganha do zagueiro, na velocidade, e chuta no canto.

Segundo tempo
6 – Após cruzamento, Cirino é derrubado por Vitor Hugo na cara do gol. O árbitro prefere marcar falta de Marco Ruben em Gómez do que anotar o pênalti para o Athletico.
10 - Rony chuta de fora da área. Weverton segura no canto.
19 - Contra-ataque do Athletico, com quatro atacante contra três defensores. Rony se enrola com a bola, na ponta-esquerda, e perde boa chance.
34 - Willian recebe lançamento na área e chuta para fora.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES