Após o clássico

Athletico passa a ser o 2º time em gols de pênalti no Brasileirão

Khellven se prepara para cobrar o pênalti no Atletiba
Khellven se prepara para cobrar o pênalti no Atletiba (Foto: Robson Mafra)

O Athletico passou a ser o 2º time em gols de pênalti no Brasileirão. A conta vale tanto para o número total de gols de pênalti quanto em termos do porcentual de gols de pênalti na competição. O último gol de pênalti da equipe foi exatamente o que definiu a vitória sobre o Coritiba por 1 a 0, no último domingo (19), marcado por Khellven.  

No Brasileirão, em 13 rodadas – equivalente a 1/3 do campeonato –, o Athletico fez 13 gols, sendo quatro de pênalti. Apenas o Avaí marcou mais (6). O Goiás tem a mesma quantidade de pênaltis do time paranaense (4). O Athletico igualou a marca com o pênalti convertido no Atletiba.  

Ao todo, os pênaltis correspondem a 30,8% dos gols do Athletico no Brasileirão, segundo dados do site Whoscored, especializado em estatísticas de competições. Os pênaltis foram convertidos pelo meia Terans, nas vitórias sobre Flamengo (1 a 0), Avaí (2 a 1) e no empate em 1 a 1 com o Corinthians. Diante do Coritiba, o meia uruguaio havia sido substituído pelo atacante Matheus Babi. E a cobrança do pênalti coube ao lateral Khellven. 

“O Terans e eu somos (os batedores do time), o professor designou”, disse o atacante Pablo, que também tinha sido substituído – e por isso o lateral Khellven cobrou o pênalti no Atletiba. “Ele tem muita personalidade e confiança. Eu particularmente gosto da característica dele. Quando joga grandes jogos, tem que ter coragem, e ele teve”, continuou o atacante, sobre o lateral.

Terans ainda errou um pênalti no triunfo de 1 a 0 sobre o Ceará (o goleiro defendeu).

Os outros gols do Athletico no Brasileirão saíram de jogadas construídas (6), contra-ataque (1), faltas e escanteios (1) e gol contra (1, feito por Leo Baptistão, do Santos).

Gols

Gols de Pênalti

% de gols de pênalti

Avaí

15

6

40,0%

Athletico-PR

13

4

30,8%

Goiás

13

4

30,8%

Internacional

18

4

22,2%

Botafogo

16

3

18,8%

São Paulo

17

3

17,6%

Cuiabá

9

2

22,2%

América-MG

11

2

18,2%

Coritiba

16

2

12,5%

Palmeiras

23

2

8,7%

Fortaleza

10

1

10,0%

Corinthians

17

1

5,9%

Santos

18

1

5,6%

Juventude

12

0

0,0%

Ceará

13

0

0,0%

Flamengo

13

0

0,0%

Fluminense

15

0

0,0%

Atletico-GO

15

0

0,0%

Bragantino

18

0

0,0%

Atlético-MG

19

0

0,0%