Altitude

Athletico vai reencontrar velha 'pedra no sapato' na Sul-Americana 2021

Lucho González comemora gol contra o Wilstermann, em Cochabamba: única vitória na altitude da história do clube
Lucho González comemora gol contra o Wilstermann, em Cochabamba: única vitória na altitude da história do clube (Foto: Divulgação/Athletico.com.br/Fabio Wosniak)

O Athletico Paranaense vai reencontrar na Copa Sul-Americana 2021 uma antiga 'pedra no sapato': os jogos na altitude. O clube tem forte retrospecto em competições continentais, mas enfrenta problemas quando precisa atuar acima dos 2.000 metros.

Nas sete partidas que precisou disputar na altitude, o Athletico só venceu uma. Foi na Copa Libertadores de 2020, com o placar de 3 a 2 sobre o Jorge Wilstermann. A equipe comandada pelo técnico Eduardo Barros venceu com gols de Lucho González, Christian e Walter. O gol da vitória veio aos 46 minutos do segundo tempo.

Nas outras seis partidas acima dos 2.000 metros, o Athletico somou cinco derrotas e um empate.

Na Copa Sul-Americana 2021, o Athletico ficou no Grupo D, com o Melgar (Peru), o Aucas (Equador) e o Metropolitanos (Venezuela). Serão três jogos em casa, na Arena da Baixada, e três fora da casa.

O Melgar joga em Arequipa, a 2.300 metros de altitude. O Aucas é de Quito, com 2.800 metros. Já o Metropolitanos fica em Los Teques, a 900 metros. Curitiba também fica a 900 metros.

O RETROSPECTO

Do Athletico na altitude

Placar

Ano

Altitude

Bolívar-BOL 5x5 Athletico

2002

3.600

Olmedo-EQU 2x1 Athletico

2002

2.700

Pachuca-MEX 4x1 Athletico

2006

2.400

Strongest-BOL 2x1 Athletico

2014

3.600

Millonarios-COL 1x0 Athletico

2017

2.600

J.Wilstermann 3x2 Athletico

2019

2.500

J.Wilstermann 2x3 Athletico

2020

2.500

A altitude deve provocar um desfalque antecipado no Athletico Paranaense. Em 2019 e em 2020, o clube não levou o zagueiro Thiago Heleno para as partidas nos 2.500 metros de Cochabamba, na Bolívia, contra o Jorge Wilstermann. “Thiago Heleno não viajou por conta de uma limitação fisiológica. Ele apresenta uma pré-disposição genética sanguínea. Por isso, em altitudes elevadas, não tem condições adequadas para exercer a prática esportiva. Isso pode ocasionar a diminuição do rendimento físico ou até mesmo ser prejudicial à saúde”, explicou o site oficial do clube em setembro de 2020.

Além desse tipo de desfalque, a altitude interfere na capacidade física dos jogadores e também na velocidade da bola (clique aqui para saber mais).

A TABELA DO ATHLETICO
Na Copa Sul-Americana 2021
Aucas x Athletico — 20/04, 21/04 ou 22/04
Athletico x Metropolitanos — 27/04, 28/04 ou 29/04
Melgar x Athletico — 04/05, 05/05 ou 06/05
Metropolitanos x Athletico — 11/05, 12/05 ou 13/05
Athletico x Melgar — 18/05, 19/05 ou 20/05
Athletico x Aucas — 25/05, 26/05 ou 27/05

FORMATO
A Sul-Americana de 2021 terá novo formato. Serão 32 equipes divididas em oito grupos, com quatro equipes cada. Só o líder de cada chave passa de fase, garantindo vaga nas oitavas de final. Também entram nas oitavas os terceiros colocados de cada grupo da Copa Libertadores 2021.