Publicidade
Desde novembro

Athletico vende Rony, o 14º jogador do elenco principal a deixar o clube

Rony
Rony (Foto: Valquir Aureliano)

O Athletico Paranaense fechou nessa quinta-feira (dia 20) a venda do ponta Rony, 24 anos, para o Palmeiras. Entre os 11 atletas que mais atuaram pelo clube no ano passado, seis já foram embora. No total, 14 jogadores do elenco principal em 2019 foram vendidos ou não tiveram o contrato renovado. Nesse período, a diretoria só buscou quatro reforços para o 'time A', do técnico Dorival Júnior (o goleiro Jandrei, os meias Canesin e Marquinhos Gabriel e o ponta Carlos Eduardo).

QUEM JÁ DEIXOU O CLUBE
Jogadores do elenco principal que saíram desde o final de 2019
Rony - Palmeiras
Léo Pereira - Flamengo
Marcelo Cirino - Chongqing Dangdai (China)
Bruno Guimarães - Lyon (França)
Marco Rubén - Rosario Central (Argentina)
Madson - Santos
Thonny Anderson - RB Bragantino
Braian Romero - Independiente (Argentina)
Bruno Nazário - Botafogo
Tomás Andrade - Argentino Juniors (Argentina)
Pedro Henrique - Corinthians
Camacho - Corinthians
Rossetto - Atlanta United (EUA)
Everton Felipe - Cruzeiro

QUEM PERMANECEU
Jogadores do elenco principal de 2019 que ficaram para 2020
Goleiros: Santos e Léo
Zagueiros: Lucas Halter, Robson Bambu, Thiago Heleno
Laterais: Márcio Azevedo, Jonathan, Khellven, Adriano
Volantes: Wellington, Lucho González
Médios: Léo Cittadini, Erick
Meias: —
Extremos/pontas: Nikão, Vitinho, Jaderson
Centroavantes: —

O Athletico vendeu 50% dos direitos econômicos de Rony para o Palmeiras por 6 milhões de euros (R$ 28,2 milhões). As informações são da jornalista Nadja Mauad, do Globo Esporte. O clube paranaense permaneceu com 35% e o próprio jogador, com 15%. Durante a vigência do contrato, que vai até o final de 2024, o clube paulista vai repassar mais 10% para o atacante.

O Palmeiras também vai pagar 1,5 milhão de euros diretamente ao jogador, a título de 'luvas' (bônus pela assinatura do contrato).

Além dos 6 milhões, o Palmeiras vai reduzir em R$ 1,2 milhão a dívida do Athletico com o clube paulista, referente à compra do ponta Carlos Eduardo. Em janeiro, o Furacão comprou 20% dos direitos econômicos do jogador por cerca de R$ 5 milhões e recebeu o atleta por empréstimo de três anos.

Sem Rony, o técnico Dorival Júnior tem no elenco as seguintes opções para atuar como ponta ou extremo: Nikão, Marquinhos Gabriel, Carlos Eduardo e Vitinho. Nos aspirantes, os jogadores dessa posição são Jaderson, Reinaldo, Pedrinho, Kleiton, Julimar e Breno Lopes.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES