Libertadores

Athletico x Estudiantes: escalações, onde assistir, jejum brasileiro e má fase argentina

Jogadores do Athletico em treino no CT do Caju: tudo pronto para a decisão
Jogadores do Athletico em treino no CT do Caju: tudo pronto para a decisão (Foto: Divulgação/Athletico.com.br/José Tramontin)

O Athletico Paranaense enfrenta o Estudiantes de la Plata nesta quinta-feira (dia 4) às 21h30, no jogo de ida das quartas de final da Copa Libertadores. A partida de volta, na Argentina, será em 11 de agosto.

O duelo dessa quinta-feira terá transmissão ao vivo pelo Facebook (gratuito) e pela ESPN (TV a cabo).

MÁ FASE DOS ARGENTINOS
O duelo de hoje confronta uma equipe em boa fase com um time em momento de resultados negativos. Desde a chegada de Felipão, o Athletico somou 14 vitórias, 6 empates e 3 derrotas. Como mandante, o treinador ainda não perdeu em casa (9 vitórias e 3 empates). A última derrota do Furacão na Arena ocorreu em 17 de abril – 1 a 0 para o Athletico-MG, pela 2ª rodada do Brasileirão.

Já Estudiantes vive má fase na temporada. Só somou duas vitórias (contra Fortaleza e Barracas Central) nas últimas 11 partidas. Nos outros jogos, três empates e seis derrotas. No campeonato nacional, está em 22º lugar entre os 28 participantes, com três vitórias, três empates e cinco derrotas. Na Copa da Argentina, foi eliminado pelo Belgrano, da segunda divisão, uma fase antes das oitavas de final.

JEJUM DO TIME BRASILEIRO
O Athletico não venceu nos últimos cinco confrontos contra argentinos. A última vitória foi por 1 a 0, sobre o River Plate, com gol de Marco Ruben, na Arena Baixada, na partida de ida da Recopa Sul-Americana de 2019. No jogo de volta, na Argentina, o Furacão perdeu por 3 a 0. Nas oitavas de final da Libertadores de 2019, o time paranaense perdeu os dois duelos para o Boca Juniors (por 1 a 0 e 2 a 0). E nas oitavas da Libertadores de 2020, acabou eliminado pelo River Plate, após empate em 1 a 1 em Curitiba e derrota por 1 a 0 na Argentina.

Essa é a primeira vez na história que Athletico e Estudiantes se encontram uma competição oficial. O clube paranaense já enfrentou 16 vezes argentinos em competições da Conmebol, somando cinco vitórias, dois empates e nove derrotas. Além de Boca Juniors e River Plate, o Furacão já duelou com Velez Sarsfield, San Lorenzo e Newell´s Old Boys.

ESCALAÇÃO
O centroavante Pablo está recuperado de lesão e passa a disputar posição com Vitor Roque no ataque do Athletico. O treinador não vai contar com o atacante Marcelo Cirino, o meia Marlos e o volante Christian, lesionados. Outra baixa é o ponta Pedro Rocha, que não renovou o empréstimo — ele estava cedido pelo Spartak Moscou, da Rússia.

A tendência é que Felipão use o esquema tático 4-2-3-1. Hugo Moura, Erick e Fernandinho são as principais opções para volantes. Na linha de três, deve manter Terans centralizado e dois jogadores de velocidade pelos lados (Canobbio e Cuello).

A principal novidade deve estar no banco de reservas, com o volante Alex Santana, 27 anos, recém-chegado da Bulgária. Ele vinha disputando as fases preliminares da Liga dos Campeões da Europa pelo Ludogorets Razgrad.

Clique aqui para saber mais sobre a escalação, os destaques e os desfalques do Estudiantes.

ATHLETICO x ESTUDIANTES
Athletico: Bento; Khellven, Pedro Henrique, Thiago Heleno e Abner; Erick (Hugo Moura) e Fernandinho; Canobbio, Terans e Cuello; Vitor Roque (Pablo). Técnico: Felipão
Estudiantes: Andújar; Godoy, Rogel, Morel, Lollo e Más; Zuqui, Jorge Rodríguez, Manuel Castro e Piatti; Mauro Mendez. Técnico: Ricardo Zielinski
Árbitro: Jesus Valenzuela (Venezuela)
Local: Arena da Baixada, às 21h30
TV: ESPN e Facebook Watch