Atlético-PR fatura quatro prêmios na Seleção do Brasileiro

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou nesta sexta-feira (29) a Seleção do Campeonato Brasileiro. Com três jogadores na lista e a revelação do campeonato, o Atlético-PR ficou atrás apenas do Cruzeiro, campeão nacional, em número depremiados.

A premiação será realizada no dia 9 de dezembro, no programa Bem, Amigos, do SporTV, em São Paulo, quando os troféus serão entregues aos vencedores. Na Seleção, três jogadores do Furacão: o zagueiro Manoel, pilar da defesa rubro-negra, o meia Paulo Baier, maior artilheiro da história dos pontos corridos, e o atacante Éderson, até aqui artilheiro do nacional, com 17 gols marcados (faltam ainda duas rodadas para o fim do campeonato). O atacante Marcelo ainda faturou o prêmio de revelação do campeonato.

O único time com maior número de premiados foi o Cruzeiro, com o goleiro Fábio, o zagueiro Dedé, o volante Nílton, o meia Éverton Ribeiro e o técnico Marcelo Oliveira na lista. Éverton Ribeiro também faturou o troféu de melhor jogador do campeonato. Vale a pena lembrar: o técnico e o meia cruzeirense estavam no Coritiba na temporada passada.

O melhor da história?

Em 2001, o título Brasileiro. Em 2004, o vice, que pode se repetir agora, em 2013. Mas afinal, qual o melhor Atlético-PR?

Até poucos anos atrás, a premiação dos melhores do Campeonato Brasileiro era feita apenas pela revista Placar. Em 2001, ano do título, o Furacão colocou três jogadores na seleção do campeonato: o zagueiro Gustavo, o volante Kléberson e o atacante Alex Mineiro, que também foi o Bola de Ouro (melhor jogador) do campeonato.

Na campanha do vice, em 2004, o Furacão emplacou apenas um jogador entre os melhores do Brasileiro: o atacante Washington, artilheiro do nacional naquele ano com 34 gols. Curiosamente, Paulo Baier, que na época jogava pelo Goiás, foi eleito o melhor lateral-direito daquela edição do Brasileirão.

Confira a lista dos campeões:

Goleiro:

Fábio (Cruzeiro)

Lateral direito:

Marcos Rocha (Altético Mineiro)

Zagueiros:

Dedé (Cruzeiro)

Manoel (Atlético Paranaense)

Lateral esquerdo:

Alex Telles (Grêmio)

Volantes:

Nílton (Cruzeiro)

Elias (Flamengo)

Meias Armadores:

Everton Ribeiro (Cruzeiro)

Paulo Baier (Atlético Paranaense)

Atacantes:

Walter (Goiás)

Ederson (Atlético Paranaense)

Técnico:

Marcelo Oliveira (Cruzeiro)

Revelação do Campeonato:

Marcelo (Atlético Paranaense)

Craque do Campeonato:

Everton Ribeiro (Cruzeiro)