Nas redes sociais

Bar de Curitiba compra briga com clientes apoiadores de Bolsonaro e viraliza

(Foto: Reprodução / Facebook)

O Bek’s & Bar, em Curitiba, viralizou nas redes sociais neste fim de semana por causa de uma postagem em que comprou briga com clientes apoiadores do presidente Jair Bolsonaro. Em uma postagem no Twitter, o bar afirmou que tem perdido clientes por causa do posicionamento político. E respondeu: “Se você apoita tanto seu presidente, posicione-se também em suas atitudes e não venha mais aqui. Cliente fascista é livramento”.

“Tem bastante gente que tem se incomodado com o nosso posicionamento, especialmente o político. Isso tem reverberado em comentários do tipo ‘perdeu um cliente’. Deixo aqui avisado que cliente que apoia o genocídio de 500 mil brasileiros e outros milhares de atrocidades DEFINITIVAMENTE não fará falta. Eu prefiro falir com dignidade que ir contra meus princípios. Se você apoita tanto seu presidente, posicione-se também em suas atitudes e não venha mais aqui. Cliente fascista é livramento”, diz a íntegra do comunicado.

A publicação viralizou. Embora o coro de pessoas que dizem que o Bek’s “perdeu um cliente” tenha aumentado, cresceu bastante o número de apoiadores do posicionamento político do bar. E também subiu o número e pessoas que prometeram frequentar o estabelecimento quando a pandemia acabar. “Tá difícil dormir com tudo isso acontecendo. Obrigada por acolherem meu relato com tanto afeto”, respondeu a administração do Bek’s, no Twitter, neste domingo (27).

No Facebook, o perfil do Bek’s admite que o estabelecimento passa por dificuldades devido à pandemia da Covid-19. “O delivery do Bek’s ainda é recente, começou junto à pandemia, e por enquanto é a nossa única fonte de renda. Com as portas fechadas, perdemos 90% do faturamento”, diz postagem na rede. O bar funciona há pelo menos 30 anos e está na rua Brasílio Itiberê, no bairro Água Verde, perto da Arena da Baixada.