Segurança

Blitz educativa conscientiza motoristas sobre abusos da tecnologia e uso de celular no trânsito

(Foto: divulgação)

Equilibrar o tempo gasto em smartphones e computadores e chamar a atenção para o uso abusivo da tecnologia, com implicações para a segurança viária, foram o foco de ação educativa feita nesta quinta-feira (15/10) na Praça Nossa Senhora de Salete, no Centro Cívico. A ação teve a participação de agentes da Escola Pública de Trânsito (EPTran).

Motoristas que passaram pelo local foram abordados e receberam instruções e panfletos informativos. Coordenada pela Secretaria de Estado da Justiça, Família e Trabalho, a blitz educativa levou mascotes para chamar a atenção dos condutores.

A iniciativa faz parte da Semana Detox Digital Paraná, instituída pela lei estadual n° 20.138/2020. Durante o período são desenvolvidas atividades que expõem os perigos do uso excessivo dos aparelhos eletrônicos, que impactam até a segurança no trânsito.

“Existem estudos científicos que comprovam que o vício em tecnologia é uma doença mental e pode causar complicações como estresse, nervosismo e agressividade, que repercutem negativamente no trânsito”, explica o diretor da EPTran, Claudionor Agibert.

O uso de eletrônicos é um dos principais causadores de acidentes de trânsito, assim como excesso de velocidade e consumo de álcool, aponta a assessora técnica do Departamento de Justiça, Família e Trabalho do Paraná, Cineiva Campoli Tono. “O uso excessivo de tecnologias digitais resulta em uma distração grande, o que as torna potencialmente fatais quando usadas no trânsito, seja por um motorista, por um pedestre ou por um motociclista”, elabora ela.