Publicidade

Bolsonaro fala em solução para 13º do Bolsa Família e volta a pedir reabertura

O presidente Jair Bolsonaro afirmou que, apesar da medida provisória (MP) 898/20 ter perdido a validade, o governo federal irá buscar uma maneira de garantir o 13º benefício para o Bolsa Família. A medida deixou de ser válida no dia 25 de março. "Acho que pessoal do Bolsa Família terá uma boa surpresa e não vai demorar", disse o presidente durante transmissão semanal ao vivo pelas redes sociais.

Segundo o presidente, já foi acertado com o ministro da Economia, Paulo Guedes, o pagamento de uma quarta e quinta parcela aos beneficiários do auxílio emergencial, criado para conter os efeitos da pandemia do coronavírus na economia brasileira. "Vai ser menor do que os R$ 600 para ir partindo para um fim", afirmou Bolsonaro.

O presidente também voltou a apelar aos governadores para que apressem a reabertura dos comércios e aproveitem o atual momento, em que "a economia está começando a dar sinais". "A gente espera que os governadores de forma racional comece com maior velocidade a reabertura do comércio", disse. Para Bolsonaro, os "pobres se transformaram em miseráveis, e classe média, em pobres" por causa das medidas de isolamento social.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES