Publicidade
Após as eleições

Bolsonaro sonda Petraglia, do Atlético, para ministro do Esporte

Mario Celso Petraglia
Mario Celso Petraglia (Foto: Geraldo Bubniak)

O homem-forte do Atlético, Mario Celso Petraglia, está cotado para assumir algum cargo – inclusive o de ministro – no governo de Jair Bolsonaro. Segundo informações da rádio CBN, divulgada nesta terça-feira (30), o presidente eleito do Brasil sondou o dirigente e acenou com a possibilidade de fazer com que ele assuma o Ministério do Esporte.

Petraglia fez campanha aberta para Bolsonaro durante a campanha presidencial, principalmente em seus perfis em redes sociais. Em um dos jogos do Atlético, mandou os jogadores usarem uma camisa amarela ao entrarem em campo – embora o clube não confirmasse oficialmente, o gesto foi interpretado como apoio ao então presidenciável do PSL. Contra o Botafogo, no último sábado (24), véspera do segundo turno, os jogadores usaram um uniforme amarelo que o próprio Atlético havia rejeitado.

Por outro lado, Petraglia também manifestou nas redes sociais que não quer ser ministro. Contudo, a ideia de exercer um outro tipo de cargo no governo não está descartada. O dirigente tem como planos a revisão da Lei Pelé e uma atuação mais firme junto à CBF.

Ainda não se sabe se o Ministério do Esporte será mantido para o governo de Bolsonaro ou se será fundido com alguma outra pasta. No plano de governo do presidente eleito, não se fala nada em esportes.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES