Lima 2019

Brasil chega a 222 medalhas e lidera os Jogos Parapan-Americanos

Quadro de medalhas do Parapan
Quadro de medalhas do Parapan (Foto: Reprodução/Cpb.org.br)

A delegação brasileira manteve a média alta de medalhas por dia nos Jogos Parapan-Americanos de Lima, no Peru. Nesta quinta-feira, dia 29, o time nacional chegou às 222 medalhas, com 88 de ouro, 73 de prata e 61 de bronze. O desempenho se aproxima do total de pódios de Toronto 2015, onde o time nacional conquistou 257. Em segundo lugar estão os Estados Unidos, com 50 ouros, 48 pratas e 50 bronzes (148 ao todo).

O Brasil segue tendo sucesso na natação no Parapan de Lima 2019. Na quinta-feira, Daniel Dias faturou a sua 32º medalha de ouro na história dos Parapans ao vencer os 50m borboleta S5 em 36s31. Logo em seguida, Joana Neves faturou a mesma prova, mas nas classes S1-4, com o tempo de 48s34. Wendell Belarmino entrou no rol de medalhistas na prova mais veloz da modalidade, com o ouro nos 50m livre S11 (para cegos).

Matheus Rheine e Regiane Nunes, ambos também nos 50m livre S11, um em cada gênero, foram medalhistas de prata. Esthefany Oliveira ficou com a segunda posição dos 50m borboleta feminino S1-4, enquanto Gabriel Geraldo foi bronze nos 50m borboleta S1-3.

FUTEBOL DE 5
Com dois gols de Ricardinho, um de Jefinho, um de Maicon e um de Jardiel, o Brasil venceu nesta quinta-feira, 29, o Peru, por 5 a 0, e se classificou para a final do futebol de 5. A equipe aguarda o último confronto da fase classificatória, entre Colômbia e Argentina, que determinará seu rival na luta pela medalha de ouro. A Seleção é a atual campeã do Parapan.