Publicidade
Futebol

Brasileirão começa em 9 de agosto, garante presidente da CBF

Caboclo: "Pensamos na segurança absoluta dos que viajam"
Caboclo: "Pensamos na segurança absoluta dos que viajam" (Foto: Lucas Figueiredo / CBF)

O Campeonato Brasileiro de 2020 vai começar no dia 9 de agosto. Quem garante é o presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Rogério Caboclo. Em entrevista ao jornal ‘O Globo’, publicada neste domingo (5), ele reiterou a data de início e ainda disse que o Campeonato começa mesmo que os clubes tenham que jogar fora de suas cidades, por causa da pandemia de Covid-19.

A data havia sido confirmada pela CBF em 25 de junho, após reunião junto com a Comissão Nacional de Clubes (CNC) com a participação dos 40 clubes disputantes das Séries A e B. Neste domingo, Caboclo confirmou a data e falou de detalhes da reunião

"Propusemos aos 20 clubes da Série A que, para podermos lançar a data de 9 de agosto, haveria necessidade de uma aprovação de todas as autoridades sanitárias de nove estados e 11 cidades. E não temos isso hoje. Fiz a proposta no sentido de que admitissem uma reflexão sobre jogar fora do mando de campo para manter essa data íntegra, irretocável, caso todas as cidades não estejam liberadas. Houve votação de 19 a 1 a favor", afirmou Caboclo, a ‘O Globo’. Embora não tenha citado nomes, o Athletico é que foi o clube contrário à medida.

Teoricamente, a cidade de Curitiba não pode receber jogos do Brasileirão, pelo menos por enquanto. Isso porque um decreto estadual proíbe a prática de atividades em clubes, como forma de combate ao coronavírus.

Segundo Caboclo, não haverá torcida nos estádios. “Se (os clubes) estão dispostos a jogar onde o futebol estiver autorizado, quero crer que nessa data teremos cidades suficientes para acomodar os jogos, considerando que não teremos torcida presente. Mas em momento algum foi cogitada concentração em uma cidade específica", disse ele.

O dirigente também disse que pensou na segurança de quem vai viajar durante o Brasileirão. “Pensamos na segurança absoluta dos que viajam. O que nos dá segurança é que um projeto robusto foi feito não só pela CBF, mas por clubes, especialistas que nos deram seus pareceres para que oferecêssemos à apreciação do Ministério da Saúde um protocolo de retorno nacional”, afirmou. “Com esse amparo, a CBF fará investimento para cumprir. Falo em trabalhar em vários sentidos para mostrar o quanto o futebol pode favorecer a retomada dessas atividades”.

O Brasileirão estava programado para começar em 2 de maio, mas antes disso a competição foi suspensa, por causa da pandemia mundial do coronavírus. Na ocasião, os campeonatos estaduais e a Copa do Brasil estavam em andamento e foram paralisados. A mesma coisa aconteceu com a Taça Libertadores. Na Europa, o futebol voltou aos poucos, respeitando protocolos de segurança. No Brasil, até agora, apenas o Campeonato Carioca foi retomado.

Outras competições

Caboclo ainda afirmou que as Séries B e C do Brasileirão terão início no dia 8 de agosto. Já a Copa do Brasil e a Série A1 do Feminino estão previstas para o dia 26 de agosto.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES