Publicidade
Tênis de Mesa

Brasileiro perde para campeão olímpico e cai nas oitavas do Mundial de Budapeste

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O carioca Hugo Calderano, sétimo colocado do ranking mundial de tênis de mesa, foi derrotado pelo chinês Ma Long, bicampeão mundial e atual campeão olímpico, nas oitavas de final do Mundial de Budapeste.

Com o resultado, ele foi eliminado do torneio. O mesa-tenista brasileiro começou bem a partida, vencendo o primeiro set por 11/8, mas sofreu a virada nas parciais seguintes e foi derrotado por 4 sets a 1 (8/11, 11/8, 11/1, 11/3 e 11/8).

"Joguei bem nos dois primeiros sets, coloquei pressão nele. Mas ele é um jogador muito forte, não comete erros. E quando ganhou o segundo set, relaxou e cresceu bastante. Não consegui manter o meu nível", disse o brasileiro.

 Com o resultado, Calderano iguala a melhor campanha de brasileiros em mundiais de tênis de mesa. Ubiraci Rodrigues da Costa, o Biriba, também chegou às oitavas no Mundial de 1961, em Pequim, assim como Cláudio Kano no torneio de Nova Déli, em 1987. 

Calderano disputou a competição em outras três oportunidades. Em 2013, foi eliminado logo na estreia. Dois anos depois, chegou à segunda fase e, em 2017, caiu na terceira.

"Não posso dizer que estou satisfeito, mas foi uma boa competição. Tenho capacidade de enfrentar os melhores, só é difícil manter a regularidade", avaliou o brasileiro. 

DESTAQUES DOS EDITORES