Crise

Brunoro deixa o Coritiba e explica motivo: 'discordâncias com a diretoria'

Brunoro
Brunoro (Foto: Divulgação/Coritiba)

O Coritiba anunciou nessa segunda-feira (dia 17) a saída do diretor executivo José Carlos Brunoro. Segundo nota do clube, a saída foi “em comum acordo”. “Os integrantes da diretoria agradecem o profissional e deixam público o reconhecimento ao mesmo, que foi essencial na implementação do planejamento estratégico da atual gestão alviverde”, diz o texto.

“Agradecemos por sua imensa dedicação ao projeto e por seu relevante papel no trabalho no Alto da Glória. Brunoro sai, mas deixas as portas abertas”, afirmou o presidente do clube, Renato Follador, em texto no site oficial.

Brunoro estava no clube desde 6 de janeiro de 2021.

“Hoje estou me desligando o Coritiba. Fui contratado para implementar o planejamento estratégico do clube em todas as áreas, nas sete gerências do clube e o futebol era uma delas. Durante este período conseguimos implementar em tempo recorde todo o projeto. O futebol era uma parte importante do planejamento e contando com os colaboradores e equipes desta gerência, conseguimos executar com êxito o trabalho local”, declarou Brunoro. “O futebol não era só o foco principal, mas as situações se criam em função de resultados, o que é normal. Assim, a minha saída se deve também há algumas discordâncias de opiniões com a diretoria e em que não há concordância com muitas decisões tomadas, isso impactaria diretamente no meu trabalho”, completou.

“Como sempre fui transparente em tudo. E ter que assumir um posicionamento desconfortável neste momento, acabou ocasionando por descontinuar o meu trabalho no clube. Também quero agradecer ao apoio recebido. E conversando com a presidência, em comum acordo, estarei à disposição para a realização de trabalhos pontuais de consultoria em diversas áreas do Coritiba. Estou deixando o Coritiba parcialmente, mas guardando um sentimento de trabalho realizado até o momento e um sentimento de carinho por todos os funcionários do clube”, afirmou Brunoro.