Internacional 2 x 1 Atlético-PR

Camacho é o destaque do Atlético contra o Inter. Wanderson e Rossetto decepcionam. Confira as atuações

Atuações Individuais

 

Felipe Alves (6,5)
Não teve culpa nos gols. Quando acionado, teve boa participação.

Diego (5,5)
Sobrecarregado pela má atuação do colega, saiu-se até que bem.

Wanderson (5,0)
Teve muita dificuldade, principalmente no primeiro tempo.

Thiago Heleno (6,0)
Bom posicionamento para segurar Leandro Damião e Nico López.

Márcio Azevedo (5,5)

Levou perigo ao atacar. Mas protagonizou o lance do pênalti polêmico.

Camacho (7,5)
Jogador mais lúcido do meio de campo. Gol em lance individual.

Léo Pereira (S/N)
Entrou aos 38-2º. Pouco tempo em campo. Sem nota.

Bruno Guimarães (5,5)
Errou bastante na saída de bola. Firme na marcação.

Matheus Rossetto (5,0)
Errou passes demais na etapa inicial. Começou a melhorar e foi substituído.

Raphael Veiga (6,5)
Entrou aos 21-2º. Ajudou na defesa e ainda arrematou com perigo.

Marcinho (5,5)
Atuação discreta. Apoiou mais na marcação do que produziu no ataque.

Marcelo Cirino (5,5)
Entrou aos 26-2º. Com o time pressionado, produziu pouco.

Bergson (6,0)
Chamou o jogo e levou perigo em chutes fortes de longe.

Rony (5,5)

Participou bastante, mas foi muito individualista em alguns lances.