Publicidade
saúde

Campo Largo terá mais leitos de UTI para atendimento pelo SUS

Recursos de R$ 6,2 milhões são destinados a 45 leitos de UTI para o Hospital do Rocio
Campo Largo terá mais leitos de UTI para atendimento pelo SUS
Inaugurado em 2014, o hospital tem 97% da atividade voltada ao SUS (Foto: Divulgação)

O município de Campo Largo, na Região Metropolitana de Curitiba (PR)  passa a contar com o reforço de R$ 6,2 milhões, anual, para a habilitação de 45 leitos de Unidade de Terapia Intensiva UTI,  para atendimentos do Sistema Único de Saúde (SUS), no Hospital do Rocio. A unidade, que é referência em atendimento de gestação de risco, cirurgia cardíaca pediátrica e neurocirurgia, atende pacientes do município e região. A portaria que autoriza o repasse está disponível no Diário Oficial da União (D.O.U).
O novo incremento financeiro, um importante reforço à Rede de Atenção à Urgência e Emergência, será incorporado ao Teto Financeiro de Média e Alta Complexidade (MAC) do Paraná, principal rubrica do Governo Federal. O recurso  da rubrica é destinado a serviços ambulatoriais e hospitalares, como consultas, exames, internações, cirurgias, entre outros. O Fundo Nacional de Saúde repassará de forma regular e automática, parcelas  mensais a partir do montante de R$ 6,2 milhões, ao Fundo Estadual de Saúde do Paraná.
Inaugurado em agosto de 2014, o hospital  tem 97% da sua atividade voltada aos pacientes do SUS e possui capacidade para realizar 4 mil atendimentos ao mês, com enfoque em alta e média complexidade. Atualmente, a unidade possui 1.200 leitos, destes 305 UTIs, sendo 200 adulto e 105 neopediátricas. O Hospital do Rocio é referência em atendimento de gestação de risco e cirurgia cardíaca pediátrica e neurocirurgia. O município conta com mais de 100 mil habitantes.
 

DESTAQUES DOS EDITORES