Neste sábado

Carimbó e Boi-bumbá de Parintins vão colorir a Feira Especial de Inverno

(Foto: Daniel Castellano / SMCS )
(Foto: Daniel Castellano / SMCS )

Neste sábado (25/6), a Feira Especial de Inverno da Praça Osório terá duas atrações que vão agitar o fim de tarde no Centro da cidade. A programação faz parte do Inverno Curitiba 2022. 

Ao mesmo tempo em que acontece o Festival de Parintins, no Amazonas, a Feira de Inverno recebe a apresentação do boi-bumbá e da dança carimbó, tradicionais da região amazônica.

O Amazonas é aqui

A iniciativa partiu da paraense de Marabá Doralice Silva Messias, que há 23 anos tem a Barraca da Amazônia, com produtos e comidinhas da região, na Feira Especial de Inverno. Quem visita o local, sai contagiado pelo bom humor e aromas particulares da culinária. 

Na barraca da Dora, como é conhecida, tem tacacá (prato típico com tucupi), maniçoba (tipo de feijoada com folha de mandioca), mingau de banana da terra, mingau de tapioca, bombons de cupuaçu e a famosa cachaça de jambu. Os valores variam de R$ 4 a R$ 85, depende da escolha do freguês.

Com o passar dos anos, Dora resolveu homenagear a cidade que a acolheu e incluiu no cardápio a tapioca Curitiba, recheada com pinhão, muçarela e banana da terra frita.

“Sou apaixonada pela cultura do meu Amazonas, na minha barraca não falta música e saias para quem quiser entrar na roda”, comenta.

Boi-bumbá e Carimbó

O boi-bumbá é uma festa do folclore popular, com personagens humanos e animais fantásticos, e gira em torno de uma lenda sobre a morte e ressurreição de um boi. 

Com fantasias, músicas e alegorias, os bois encenam a lenda da Mãe Catirina, uma mulher que estava grávida e com desejo de comer língua de boi. Para satisfazê-la, o marido, Pai Francisco, sacrifica o boi favorito do patrão, que ameaça matá-lo. 

Quem salva Pai Francisco da morte é o Pajé, que ressuscita o boi antes da tragédia acontecer. Toda a lenda é ambientada na Amazônia, com os povos indígenas, criaturas místicas da região. Na Ilha de Parintins, às margens do Rio Amazonas, onde acontece a festa, dois bois rivais, o Garantido e Caprichoso, contam a lenda e disputam o campeonato. 

Para a apresentação deste sábado, veio especialmente de Parintins o boi branco, que representa o Garantido, mas que será adornado com fitas vermelhas e azuis, além de uma gralha-azul no chifre, homenageando a tradição dos dois bois e a acolhida paranaense.

Cerca de 45 pessoas vão apresentar as duas culturas, o boi-bumbá e a dança do Carimbó, sendo 20 dançarinas do Centro Cultura Gabriela Valentina e 25 convidados da Dora.

“Vai ser um grande prazer receber todas as pessoas nessa festa que traz a cultura do meu Amazonas, inclusive vou levar 20 saias para quem estiver assistindo e quiser entrar na roda”, celebra Dora.

O Centro Cultura Gabriela Valentina (@ccgabrielavalentina_) existe há cinco anos e é coordenado por Raquel Lucena, que conta que o grupo de Carimbó nasceu há quatro anos.

“A gente está precisando disso, pular, brincar, viver a vida e aproveitar o hoje, por isso espero que nossa festa traga essa energia para quem estiver por lá”, declara Raquel.

O carimbó é uma dança de roda típica do nordeste do Pará, popular entre os nortistas e nordestinos. Também chamado de Pau e Corda, Samba de roda do Marajó e Baião típico de Marajó, a dança do carimbó é realizada em pares e marcada por movimentos giratórios.

Serviço: apresentação na feira da Praça Osório

Local: cancha esportiva da praça
Horário: 18h às 21h

Inverno Curitiba 2022

O Inverno Curitiba 2022 é uma iniciativa da Prefeitura para promover a cidade como destino turístico. Reúne atividades culturais, gastronômicas, de economia criativa, esporte e lazer, de sustentabilidade e inovação dos setores público e privado. A programação começa no dia 15 de junho, vai até 31 de julho e pode ser conferida no portal Inverno Curitiba.