Publicidade
Registro Civil

Casamento hétero atinge menor nível desde 2011 e união gay bate recorde no PR

(Foto: Henry Milleo)

Enquanto o casamento entre pessoas do mesmo sexo bateu recorde no Paraná em 2018, as uniões entre homens e mulheres atingiu o menor nível desde 2011. É o que revelam os dados da pesquisa “Estatísticas do Registro Civil”, cujos dados mais recentes foram divulgados ontem pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).
No ano passado, o Paraná registrou um total de 458 casamentos gays, sendo 175 deles com cônjuges do sexo masculino e 283 com cônjuges do sexo feminino. Na comparação com 2017, quando haviam sido oficializadas 273 uniões entre casais homossexuais, verifica-se um aumento de 67,77%.

Além disso, o número de casamentos gays é o maior para a série histórica do IBGE, iniciada em 2013 – naquele ano, uma resolução do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) permitiu aos cartóirios registrarem casamentos homoafetivos, efetivando decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), que em maio de 2011 declarara legal a união civil entre pessoas do mesmo sexo.

Se os casamentos gays estão em alta, por outro lado a união entre cônjuges dos sexos masculino e feminino atingiu, no Paraná, o menor nível desde 2011. Naquele ano, haviam sido registradas 58.307 casamentos entre homens e mulheres. Já em 2018 foram 58.393 registros.

Ainda assim, os casamentos homoafetivos representam menos de 1% (0,78%, mais precisamente) do total de casamentos heterossexuais celebrados no ano passado.

Entre todas as unidades da federação e considerando-se os números absolutos, o Paraná foi o quinto estado que mais registrou casamentos heterossexuais em 2018, atrás apenas de São Paulo (275.799), Minas Gerais (106.228), Rio de Janeiro (93.436) e Bahia (68.335)

A posição é a mesma que o estado ocupa com relação aos casamentos gays, sendo que apenas São Paulo (4.100), Minas Gerais (737), Rio de Janeiro (723) e Rio Grande do Sul (480) registraram mais uniões homoafetivas.

Casamento gay no Paraná

2018
TOTAL: 458
Cônjuges do sexo masculino: 175
Cônjuges do sexo feminino: 283

2017
TOTAL: 273
Cônjuges do sexo masculino: 109
Cônjuges do sexo feminino: 164

2016
TOTAL: 230
Cônjuges do sexo masculino: 118
Cônjuges do sexo feminino: 112

2015
TOTAL: 297
Cônjuges do sexo masculino: 160
Cônjuges do sexo feminino: 137

2014
TOTAL: 194
Cônjuges do sexo masculino: 81
Cônjuges do sexo feminino: 113

2013
TOTAL: 168
Cônjuges do sexo masculino: 88
Cônjuges do sexo feminino: 80

Para cada morte, dois nascimentos no Estado

Para cada pessoa que faleceu em 2018, outras duas nasceram no Paraná, em média. No ano passado, conforme dados do IBGE, o estado registrou um total de 73.380 óbitos. Por outro lado, o número de nascimentos foi de 156.223, o que dá uma média de 2,13 nascimentos para cada morte no estado. Ao longo dos últimos anos, contudo, essa diferença entre nascimentos e óbitos tem diminuído. Na comparação de 2018 com 2017, por exemplo, o número de nascimentos caiu 0,45%, ao passo que a quantidade de óbitos cresceu 3,35%. Desde o início da série histórica, em 2003, o número de nascimentos no Paraná cresceu 2,98%, enquanto o de óbitos avançou 26,75%.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES