Publicidade
Inverno

Com frio, é preciso redobrar os cuidados com aquecedores de gás

Verificar as condições do aquecedor a gás é a principal recomendação
Verificar as condições do aquecedor a gás é a principal recomendação (Foto: Divulgação)

A manutenção dos aquecedores a gás deve ser ainda mais cuidadosa no inverno. Com a queda das temperaturas, o equipamento é mais utilizado e a tendência é manter as janelas e portas fechadas. Os ambientes mal ventilados se tornam o cenário ideal para o acúmulo de um gás tóxico: o monóxido de carbono. Sem cor e nem cheiro é difícil percebê-lo e sua inalação pode ser fatal.
Para evitar acidentes é fundamental que os equipamentos passem por manutenção a cada seis meses, ou de acordo com as indicações do fabricante.
“Os equipamentos a gás devem ser mantidos em bom estado de conservação, estar sempre com a manutenção em dia e instalados em locais com ventilação adequada”, destaca. Essas recomendações, acrescenta, valem para o ano todo, mas no inverno, quando as pessoas permanecem por muito tempo em lugares fechados, é preciso ter ainda mais atenção”, destaca o gerente de Serviços ao Cliente da Compagas, Hamilton Azevedo.
Segundo Corpo de Bombeiros, a falta de ventilação e a má instalação dos aparelhos a gás — principalmente aquecedores de água — são as maiores causas de acidentes com monóxido de carbono em edificações.
Outros perigos
Além dos aquecedores a gás, é preciso atenção também com outros formas de se proteger do frio nesta época do ano. Muitas famílias improvisam fogareiros dentro de casa, mas essa atitude é de muito risco. Quem utiliza aquecedores elétricos também precisa verificar as condições do equipamento e da fiação elétrica para evitar sobrecargas na rede, o que também pode provocar acidentes sérios, incêndios e até mortes.

Semana começa com clima ameno em Curitiba, mas chuva está a caminho
O fim de semana gelado em Curitiba deve dar lugar a um clima mais ameno neste início de semana, com temperaturas mais agradáveis. A previsão é de oscilação entre 11 e 23 graus. Mas prepare-se, a partir de amanhã a previsão é de chuva em boa parte do Estado, inclusive na Capital. Uma nova frente atua sobre os estados do Sul do País. Desde ontem já chovia em algumas áreas de divisa com o Paraguai e Santa Catarina.
O tempo instável deve atingir todas as regiões do Paraná de amanhã atá a quarta-feira. Na quinta, as chuvas ficam restritas a áreas mais ao Oeste e Sul do Estado. Em Curitiba o céu fica nublado até o final de semana.
Frio
A primeira onda de frio mais forte que atingiu o Paraná no final de semana foi em decorrência da entrada de uma massa polar que veio à reboque da frente fria no final da semana passada. Os últimos dias do mês não devem ter mais a chegada outras massas de ar mais frias. A próxima onda de frio deve vir apenas em junho, mas a partir daí ficam mais presentes. O inverno começa no dia 21 de junho no Hemisfério Sul.

DESTAQUES DOS EDITORES