Publicidade
Meio ambiente

Com apoio da Prefeitura de Araucária, UFPR inicia mapeamento ambiental no Parque Cachoeira

(Foto: Carlos Poly/Ascom/PMA)

Ao longo desta quarta-feira (20), profissionais do Instituto Tecnológico de Transportes e Infraestrutura (ITTI) da Universidade Federal do Paraná (UFPR) estiveram no Parque Cachoeira onde iniciaram o trabalho de diagnóstico ambiental na unidade de conservação. Esta ação faz parte de um termo de cooperação entre a universidade e a Prefeitura e visa propor melhorias para a infraestrutura e para visitação não apenas no Parque Cachoeira mas em diversas unidades de conservação do município.

Os trabalhos de hoje tiveram três frentes de atuação. A primeira, foi uma equipe que percorreu o parque registrando informações sobre a infraestrutura geral do local, incluindo estruturas e sinalização. Outro grupo ficou responsável pela área de cartografia. O parque, assim como outras áreas de conservação, será mapeado com a utilização de drone. As imagens aéreas vão possibilitar aos técnicos estudar a cobertura vegetal, o relevo, a existência de fontes de água, a área pavimentada, entre outros fatores.

A terceira equipe ficou responsável por assuntos como a educação ambiental e também a qualidade da água e do ar nas unidades de conservação. Ela participou de uma reunião com técnicos da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SMMA) e também visitou uma área de nascentes. Os profissionais do ITTI são de áreas de atuação variadas: são engenheiros civis, engenheiros cartógrafos, biólogos e engenheiros ambientais realizarão o mapeamento. Mas segundo o ITTI, dependendo das informações levantadas, há possibilidade de profissionais de outras áreas integrarem a equipe.

O município de Araucária conta com um "cinturão verde", com áreas muito importantes para a preservação da biodiversidade local e da qualidade da água. Entre as principais estão a Reserva do Passaúna, o Refúgio do Bugio e o Parque Cachoeira.

DESTAQUES DOS EDITORES