Brasileirão

Com gol aos 46, Athletico vence na Arena e entra no G8 do Brasileirão

(Foto: Franklin de Freitas)
(Foto: Franklin de Freitas)
(Foto: Franklin de Freitas)
(Foto: Franklin de Freitas)
(Foto: Franklin de Freitas)
(Foto: Franklin de Freitas)

O Athletico Paranaense venceu por 2 a 1 com o Atlético-GO, nesse domingo (dia 14), na Arena da Baixada, pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, a equipe paranaense ficou na 8ª posição, com 50 pontos. O time goiano está em 13º lugar, com 46. Clique aqui para ver a classificação no site Srgoool.

Na edição 2020, os times que terminarem no G8 garantem vaga na Libertadores 2021, já que o Palmeiras foi campeão da Libertadores 2020 e a final da Copa do Brasil é disputada por Grêmio e Palmeiras.

Clique aqui para ver as ATUAÇÕES — notas para os jogadores do Athletico.

FASES
Segue a boa fase do Athletico. O time completa cinco partidas seguidas sem perder (três vitórias e dois empates). Já o Atlético-GO soma quatro derrotas, ums empate e uma vitória nos últimos seis jogos.

RENDIMENTO
Em relação ao desempenho, o Athletico não conseguiu repetir a boa performance ofensiva da partida contra o Corinthians e defensiva do duelo com o Inter. Contra o Atlético-GO, o time de Paulo Autuori cometeu muitos erros indivuais no ataque e teve sérios problemas de organização defensiva. No entanto, conseguiu vencer com um golaço de Vitinho e um cruzamento perfeito de Nikão para Thiago Heleno, aos 46 do segundo tempo.

ESCALAÇÃO
Os desfalques do Athletico eram Canesin, Márcio Azevedo, Erick e Lucho González, todos lesionados. O técnico Paulo Autuori manteve o esquema tático 4-2-3-1, com Nikão centralizado na linha de três, entre dois extremos (Vitinho e Carlos Eduardo). E com Renato Kayzer como centroavante.

O Atlético-GO não tinha o lateral-esquerdo Nicolas, que pertence ao Athletico e estava vetado por cláusula contratual. Outras baixas erma João Victor e Matheus Vargas, suspensos.

PRIMEIRO TEMPO
O primeiro tempo teve domínio do Atlético-GO, que jogou avançado, pressionou a saída de bola e soube atacar pelas duas pontas. O time visitante aproveitou a marcação desencaixada e sem sincronização dos laterais e volantes do Athletico. Foram quatro boas jogadas da equipe de goiana na primeira etapa, contra apenas um ataque perigoso do Furacão.

SEGUNDO TEMPO
No intervalo, o técnico Paulo Autuori tirou Renato Kayzer e colocou o meia Jadson como 'falso 9'. O esquema tático seguiu o mesmo, porém, com mais movimentação no setor ofensivo. O Athletico equilibrou o jogo e chegou ao gol aos 17, em lançamento de Thiago Heleno, passe de Abner e chuta de fora da área de Vitinho. O time goiano chegou ao empate aos 25, em contra-ataque. Janderson cruzou da direita e Roberson tocou de cabeça: 1 a 1. O Athletico reclamou de falta em Vitinho no início da jogada. O VAR verificou o lance e confirmou o gol. O jogo seguiu equilibrado. Aos 41, entrou o centroavante Walter no lugar do ponta Vitinho. O gol da vitória veio aos 46, quando Nikão cruzou da esquerda e encontrou Thiago Heleno, que subiu e cabeceou no canto. Nos acréscimos, Autuori fez mais duas substituições, com as entradas de Khellven e Zé Ivaldo.

ESTATÍSTICAS
Ao fim do jogo, o Athletico somou 8 finalizações (3 certas), 59% de posse de bola, 86% de acerto nos passes e 7 escanteios. O Atlético-GO obteve 11 finalizações (4 certas), 41% de posse de bola, 80% de acerto passes e 4 escanteios. Os números são do site Sofascore.

ATHLETICO 2x1 ATLÉTICO-GO
Athletico: Santos; Jonathan (Khellven), Pedro Henrique, Thiago Heleno e Abner; Richard e Cittadini; Vitinho (Walter), Nikão e Carlos Eduardo (Zé Ivaldo); Renato Kayzer (Jadson). Técnico: Paulo Autuori
Atlético-GO: Jean; Dudu, Oliveira, Éder e Natanael (Arnaldo); Marlon Freitas e Willian Maranhão (Baralhas); Janderson (Vitor Leque), Chico (Roberson) e Rato; Zé Roberto (Danilo Gomes). Técnico: Marcelo Cabo
Gols: Vitinho (17-2º), Roberson (25-2º) e Thiago Heleno (46-2º)
Cartões amarelos: Abner, Richard, Jonathan (CAP). Chico (A-GO)
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães (RJ)
Local: Arena da Baixada

PRINCIPAIS LANCES
Primeiro tempo
14 - Escanteio. Janderson cruza. Depois de desvio na área, a bola sobra na meia-lua para Chico, que chuta perto, ao lado.
18 - Contra-ataque. Janderson lança. Rato domina, invade a área e chuta forte. Santos espalma para escanteio.
21 - Abner cruza. Nikão toca de cabeça, para trás. A zaga tira no susto.
25 - Após boa jogada do Atlético-GO, Dudu cruza rasteiro e Rato desvia para fora, na cara do gol.
38 - Contra-ataque. Vitinho enfia para Carlos Eduardo, que sai na cara do gol, mas erra o domínio e deixa a bola escapar.
48 - Falta quase na risca da área. O goleiro Jean cobra para fora.

Segundo tempo
1 - Rato chuta de fora da área. Santos espalma.
2 - Dudu cruza. Na cara do gol, Eder cabeceia para fora.
13 - Janderson avança na ponta e cruza rasteiro. A bola sobra limpa para Chico, na cara do gol, chutar para fora.
17 - Gol do Athletico. Thiago Heleno lança. Na ponta, Abner ajeita para Vitinho. Ele chuta de fora da área e acerta o cantinho.
25 - Gol do Atlético-GO. Contra-ataque. Janderson cruza da direita. Roberson sobe mais que Jonathan e cabeceia no alto. O Athletico reclamou de falta em Vitinho no início da jogada. O VAR verifica e confirma o gol.
43 – Nikão cruza. Carlos Eduardo se atira e chuta ao lado do gol.
46 – Gol do Athletico. Nikão cruza. Thiago Heleno cabeceia no canto.