Brasileirão

Com gol de Manga, Coritiba vence no Couto e termina o turno fora da zona

(Foto: Robson Mafra)
(Foto: Robson Mafra)
(Foto: Robson Mafra)
(Foto: Robson Mafra)
(Foto: Robson Mafra)
(Foto: Robson Mafra)
(Foto: Robson Mafra)
(Foto: Robson Mafra)
(Foto: Robson Mafra)
(Foto: Robson Mafra)
(Foto: Robson Mafra)
(Foto: Robson Mafra)
(Foto: Robson Mafra)
(Foto: Robson Mafra)
(Foto: Robson Mafra)
(Foto: Robson Mafra)

O Coritiba venceu por 1 a 0 o Cuiabá, nessa segunda-feira (dia 25) à noite, no Couto Pereira, pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro, com gol de Alef Manga. Com o resultado, o time paranaense ficou com 22 pontos em 13º lugar, terminando o primeiro turno da competição dois pontos acima da zona de rebaixamento. A equipe do Mato Grosso está na 17ª colocação, com 20 pontos. Clique aqui para ver a classificação no site Srgoool.

O resultado amplia a força caseira do Coritiba, que é o 3º melhor mandante do Brasileirão (6 vitórias, 2 empates e 2 derrotas no Couto Pereira).

Clique aqui para ver as ATUAÇÕES — notas para os jogadores do Coritiba.

ARTILHEIROS
O ponta Alef Manga soma agora 10 gols em 37 jogos em 2022 - foram 3 gols em 18 partidas no Brasileirão. Na temporada, só dois jogadores do Coxa têm mais gols: Léo Gamalho (15 em 29 jogos) e Igor Paixão (11 em 36 jogos).

FASES
Nos últimos 11 jogos, o Coritiba só somou 2 vitórias – 6 empates e 3 derrotas nas demais partidas do período. Já o Cuiabá somou 3 vitórias, 3 empates e 5 derrotas nesse mesmo período.

ESCALAÇÃO
O principal desfalque do Coxa era Willian Farias, suspenso. Bernardo ficou com a vaga dele. As demais baixas eram Gabriel, Robinho, Warley e Andrey, em recuperação. O esquema tático foi o 4-2-3-1 de sempre, com Igor Paixão e Alef Manga pelos lados do campo e Régis centralizado na linha de três. O Cuiabá, do técnico António Oliveira (ex-Athletico), não tinha Uendel, e usou o esquema tático 4-1-4-1, com Camilo como único volante.

PRIMEIRO TEMPO
O Cuiabá teve facilidade para trocar passes, controlar o meio-campo e empurrar o adversário para trás. O Coritiba ficou recuado e mostrou qualidade defensiva, não permitindo jogadas perigosas do adversário. Com a bola, arriscou algumas bolas longas, mas teve pouco êxito nesse tipo de lance. Os primeiros 39 minutos de jogo as equipes não conseguiram atacar com perigo. A monotonia foi quebrada aos 39, em cruzamento de Matheus Alexandre, canelada de Igor Paixão, falha de Camilo e finalização precisa de Alef Manga: 1 a 0.

ESTREIA
Aos 25 minutos do 1º tempo, Val saiu lesionado. Entrou o volante Bruno Gomes (21 anos, ex-Inter e Vasco), que fez sua estreia pelo Coritiba.

SEGUNDO TEMPO
O segundo tempo começou mais equilibrado. O Coritiba conseguiu avançar no campo de jogo e passou a atacar com certa frequência. Aos 22, três substituições no Coxa, com as entradas do lateral Natanael, do meia Thonny Anderson e do centroavante Adrián Martínez. O jogo ficou amarrado, com poucas jogadas ofensivas dos dois lados. Aos 40, saiu Alef Manga e entrou o zagueiro Guillermo.

CONFUSÃO
Aos 37, Igor Cariús e Adrián Martínez discutiram após dividida na linha lateral. Thonny Anderson se irritou e empurrou Igor. Uma confusão se formou, com discussão forte entre vários jogadores dos dois times. O árbitro apenas mostrou cartão amarelo para Thonny, Igor e Castán.

EXPULSÃO
Aos 42 do 2º tempo, Thonny Anderson deixou o braço em uma disputa pelo alto, levou o segundo amarelo e acabou expulso. O Coxa ficou com um jogador a menos.

ESTATÍSTICAS
No total dos 90 minutos, o Coritiba somou 42% de posse de bola, 4 finalizações (2 certas), 16 faltas cometidas e 75% de precisão nos passes. O Cuiabá teve 8 finalizações (nenhuma certa), 12 faltas cometidas e 84% de precisão nos passes. Os dados são do Sofascore.

CORITIBA 1x0 CUIABÁ
Coritiba: Alex Muralha; Matheus Alexandre (Natanael), Henrique, Luciano Castán e Egídio; Bernardo e Val; Alef Manga (Guillermo), Régis (Thonny Anderson) e Igor Paixão; Léo Gamalho (Adrián Martínez). Técnico: Gustavo Morínigo
Cuiabá: Walter; João Lucas (André), Marllon, Joaquim e Igor Cariús; Camilo; Rafael Gava (Felipe Marques), Pepê, Alesson (Jonathan Cafu) e Valdivia (Gabriel Pirani); Rodriguinho (Jenison). Técnico: António Oliveira
Gols: Alef Manga (39-1º)
Expulsão: Thonny Anderson (42-2º)
Cartões amarelos: Val, Matheus Alexandre, Henrique, Luciano Castán, Thonny Anderson (Coxa). Pepê, Igor Cariús, Jenison (Cui).
Árbitro: Braulio da Silva Machado (SC)
Público: 19.181 pagantes
Local: Couto Pereira

PRINCIPAIS LANCES
Primeiro tempo
6 - Cruzamento de Egídio. Régis ajeita de cabeça. Na área, Alef Manga chuta cruzado. A zaga tira.
37 – Rodriguinho cruza com perigo. Alex Muralha tira de soco.
39 - Gol do Coritiba. Matheus Alexandre cruza da direita. Paixão erra o domínio. Camilo não consegue tirar e bola sobra limpa para Alef Manga fuzilar.

Segundo tempo
4 – Régis acerta belo lançamento. Alef Manga recebe na ponta-direta, mas Joaquim faz bom desarme e barra o ataque.
9 – Pepê recebe passe na meia-lua e chuta para fora.
10 – Gabriel Pirani arrisca do bico da área e chuta para longe.
29 - Thonny Anderson toca para Natanael, na área. Ele chuta cruzado. O goleiro defende.
35 – Falta na ponta esquerda. Em vez de cruzar, Pepê tenta direto. A bola vai sobre o gol.
42 – Bola alta para a área que sobra para Igor. Ele cruza rasteiro. A bola atravessa a pequena área e ninguém aproveita.