Com Matheus Babi inspirado, Botafogo goleia Resende e vence a primeira no Carioca

Em noite inspirada do atacante Matheus Babi, o Botafogo conquistou a sua primeira vitória na temporada 2021 neste domingo ao derrotar o Resende por 3 a 0, no estádio do Engenhão, no Rio de Janeiro, pela segunda rodada da Taça Guanabara, o primeiro turno do Campeonato Carioca.

Esse é o primeiro resultado positivo do técnico Marcelo Chamusca, que havia estreado com empate sem gols diante do Boavista, no meio de semana. Com quatro pontos, o Botafogo é o quarto colocado. Já o Resende estacionou nos três e está em sétimo lugar.

Em busca da primeira vitória, o Botafogo começou em cima e quase abriu o placar aos três minutos. Na tentativa de cortar cruzamento, Eduardo Grasson mandou contra o próprio gol e foi salvo por Jefferson, que mostrou muito reflexo. O Resende tinha dificuldades para ficar com a bola.

Aos 19 minutos, Hugo arriscou da entrada da área, mas um desvio na zaga facilitou a vida de Jefferson. Antes, Bruno Nazário havia cobrado falta e quase surpreendido o goleiro adversário. A pressão do Botafogo surtiu efeito aos 29. Após boa troca de passes, Ronald deu cruzamento preciso para Matheus Babi abrir o placar de carrinho a pequena área.

Dois minutos depois, em uma vacilada da defesa do Resende, Babi recebeu passe de Bruno Nazário, invadiu a área e chutou sem chances para o goleiro Jefferson para fazer o segundo gol.

O Botafogo não tirou o pé mesmo depois de marcar os dois gols e continuou em cima do Resende, que só foi ameaçar a meta de Douglas Borges em chutes de longa distância, através de Derli e Guioto.

As alterações do técnico Sandro Sargentin deram um novo ânimo para o Resende, que começou o segundo tempo em cima do Botafogo. Jean Deretti finalizou, a bola desviou na defesa e saiu pela linha de fundo. Na cobrança de escanteio, Nunes acertou uma bomba e Douglas Borges fez grande defesa.

A primeira chegada do Botafogo no segundo tempo foi só aos 15 minutos. Bruno Nazário arriscou e mandou para fora. Depois foi a vez de Matheus Babi tentar e parar em Jefferson.

E quem marcou o terceiro foi Warley, aos 25 minutos. O atacante recebeu na área, dominou e mandou no cantinho de Jefferson. O gol foi um balde de água fria na reação que esboçava o Resende. E quase que o Botafogo marca o quarto. Navarro tabelou com Ênio e bateu no travessão.

FICHA TÉCNICA

BOTAFOGO 3 x 0 RESENDE

BOTAFOGO - Douglas Borges; Jonathan, Marcelo Benevenuto, Kanu e Hugo (Guilherme Santos); Luiz Otávio, Pedro Castro (José Welison) e Bruno Nazário (Rafael Navarro); Warley (Matheus Nascimento), Matheus Babi e Ronald (Ênio). Técnico: Marcelo Chamusca.

RESENDE - Jefferson; Thiago Ryan, Eduardo Grasson, Dão e Alex Barros; Paulo Victor (João Felipe), Derli, Guioto (Jean Deretti) e Mateus Bastos; Matheuzinho (Jonathan) e Nunes (Igor). Técnico: Sandro Sargentin.

GOLS - Matheus Babi, aos 29 e aos 31 minutos do primeiro tempo; Warley, aos 25 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Guilherme Santos e Matheus Babi (Botafogo); Alex Barros (Resende).

ÁRBITRO - Alexandre Vargas.

RENDA E PÚBLICO - Jogo com portões fechados.

LOCAL - Estádio do Engenhão, no Rio de Janeiro (RJ).