Pesquisa

Como está a saúde mental dos brasileiros na pandemia?

(Foto: Freepik)

Como está a sua saúde mental, após quase um ano e meio da crise gerada pela Covid-19? E a saúde mental dos brasileiros na pandemia? As respostas podem estar na pesquisa Saúde da Mente e a Nova Realidade, que investigou o impacto da pandemia nas emoções dos brasileiros. O levantamento foi realizado pela NOZ Pesquisa e Inteligência em parceria com o Instituto Bem do Estar, divulgado nesta segunda-feira (28 de junho).

A pesquisa revela que os impactos financeiros e econômicos, efeitos colaterais de um ano de pandemia, acentuaram alguns sentimentos dos brasileiros como, por exemplo, a preocupação excessiva. A percepção de maior emotividade e sensibilidade tem atingido um número maior de pessoas, algo que ocorre independente do perfil social ou comportamental. Os níveis dos sentimentos ligados à ansiedade e à depressão estão bem altos e são registrados por um longo período; as mudanças provocadas pela flexibilização do isolamento social – e, consequentemente, a redução do trabalho, home office e o aumento da frequência de saídas de casa – apontam para o aumento da insegurança em relação ao contágio, sobretudo, em momentos em que são registrados novos picos. O mapeamento demonstra que as consequências da pandemia ultrapassam o impacto na saúde física: há implicações diretas e relevantes na saúde da mente.

Leia mais no Saúde Debate