Proteção

Como saber quantas doses de vacina anticovid preciso tomar? Veja a resposta

(Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução)

Desde que a campanha de vacinação anticovid começou no Brasil, em janeiro de 2021, o Ministério da Saúde precisou fazer algumas adaptações nos esquemas vacinais, como a inclusão de doses adicionais de reforço.

Nos quadro acima, na galeria de imagens, é possível ter um panorama de todos os esquemas vacinais atualmente vigentes no país e quantas doses estão disponibilizadas para cada grupo.

A vacinação ocorre de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, para os novos grupos convocados ou para aqueles já convocados anteriormente, com a chamada repescagem contínua. Confira os locais de vacinação no site Imuniza Já Curitiba.

É importante ressaltar que para receber a 2ª dose ou as doses de reforço é necessário ter completado o intervalo mínimo recomendado, que varia conforme a marca do imunizante já recebido e o grupo do qual a pessoa faz parte (veja nos quadros de esquema vacinal).

A data das doses já recebidas pode ser confirmada no Aplicativo Saúde Já Curitiba (site ou smartphone), ao acessar a aba “Carteira de Vacinação” e, em seguida, “Aplicadas”.

NOVOS GRUPOS CONVOCADOS A PARTIR DE SEGUNDA-FEIRA (4/7):

- 3ª dose de reforço para pessoas com 60 anos ou mais, com imunossupressão.

- 3ª dose de reforço para pessoas com 50 anos ou mais e que foram vacinadas com Janssen no esquema básico inicial.

- 2º reforço para pessoas com 40 anos ou mais conforme cronograma escalonado (confira aqui)

GRUPOS JÁ CONVOCADOS ANTERIORMENTE:

- 1ª dose para todos com 5 anos ou mais

- 2ª dose para todos com 5 anos ou mais

- 1º reforço para todos com 12 anos ou mais

- 2º reforço para imunossuprimidos com 12 anos ou mais, profissionais de saúde, pessoas de 18 a 39 anos vacinadas na primeira dose com Janssen ou pessoas vacinadas com qualquer marca na primeira dose e que tenham nascido até o primeiro semestre de 1973.