Publicidade
Pandemia

Confira os shoppings de Curitiba que já confirmaram a reabertura a partir da próxima semana

(Foto: Divulgação)

A partir desta segunda-feira, 25 de maio, praticamente todos os maiores shoppings de Curitiba confirmaram que irão retomar as atividades. Alguns retomam a paritir de terça-feira, 26, caso do Mueller. A retomada das atividades ocorre após o governo do Paraná publicar um decreto autorizando o funcionamento de shoppins, centros comercias e galerias em todo o Estado, nesta sexta-feira, 22. 

No entanto, vale ressaltar que não será permitido o acesso a estes locais a pessoas consideradas grupo de risco, como  idosos com 60 anos ou mais, crianças menores de 12 anos, gestantes, portadores de doenças crônicas, ou que apresentem sintomas gripais. Além disso, só podem funcionar entre 12 e 20 horas. E os estabelecimentos precisaram garantir que todos usem máscaras de proteção contra a Covid-19.

Os shoppings estavam fechados há dois meses por causa da pandemia do coronavírus.

A normativa estabelece uma série de condições para os municípios orientarem esses espaços sobre o atendimento ao público, regulamentando o funcionamento dos pontos comerciais que já estão abertos no Estado ou aqueles que pretendem retomar as atividades.

O primeiro a confirmar a retomada das atividades foi o Mueller, por volta das 19 horas de sexta-feira, 22 de maio, logo após a divulgação do decreto estadual. O shopping afirmou que vai respeitar todos os protocolos determinados pelo governo. A reabertura será na terça-feira, 26 de maio. 

Já a partir de segunda-feira, 25 de maio, reabrem o Jockey Plaza também confirmou a reabertura e no dia irá informar como será o funcionamento e quais medidas foram tomadas para garantir a segurança de colaboradores, lojistas e clientes.

Depois, o ParkShopping Barigui confirmou a reabertura para segunda-feira. O shopping afirma que está adotando todas as ações necessárias para que o ambiente seja ainda mais seguro para todos os frequentadores.

O Palladium também vai reabrir na segunda-feira e diz que está adotando todas as ações necessárias para que o ambiente seja ainda mais seguro para todos os frequentadores.

O Shopping Jardim das Américas confirmou a reabertura para esta segunda-feira (25) e afirma estar comprometido com as recomendações decretadas pelas autoridades públicas e pela Associação Brasileira de Shopping Center (Abrasce) e reabrirá observando as novas regras para o funcionamento. A reabertura vai ao encontro com a responsabilidade social do empreendimento junto a colaboradores, clientes e lojistas.

O Shopping Estação confirmou a reabertura apartir desta segunda-feira (25), das 12h às 20h, respeitando a nota orientativa 34/2020, publicada pela Secretaria de Saúde Estadual (SESA), que orienta a abertura dos centros de compras em horário reduzido. Nesse primeiro momento as lojas e a praça de alimentação voltarão a funcionar, já o cinema, teatros e as áreas de recreação infantil permanecem fechados.

O Shopping Curitiba também confirmou a retomada das atividades a partir desta segunda-feira (25), respeitando nota orientativa 34/2020 da Secretaria de Estado da Saúde (SESA), que permite a reabertura em horário reduzido, das 12h às 20h. Voltarão a funcionar as lojas e a praça de alimentação, já o cinema e parques infantis permanecem fechados, neste primeiro momento.

O Ventura Shopping de Descontos informa que, a partir de segunda-feira, 25 de maio, reabre suas portas para os clientes. O shopping funcionará todos os dias, das 12h às 20h, e adotará todas as medidas necessárias para garantir a segurança de todos, cumprindo os protocolos de higiene, conforme as orientações da Secretaria de Estado da Saúde.


Nota da Associação Comercial do Paraná (ACP) na íntegra;

A Associação Comercial do Paraná agradece a receptividade do governador do Paraná, Carlos Massa Ratinho Jr. e do prefeito de Curitiba, Rafael Greca, em atender ao pedido de nossa entidade no sentido da permissão para reabertura dos shopping centers da capital paranaense.

Entendemos que a preocupação com a saúde da população é a prioridade dos governantes, mas não podemos deixar de ressaltar que os shopping centers encontram-se fechados há mais de 50 dias, gerando prejuízos enormes a uma grande quantidade de empresários e que esses prejuízos podem se transformar em fechamento definitivo de estabelecimentos comerciais e desemprego generalizado.

A exemplo do comércio de rua de Curitiba, reaberto há mais de um mês, serão seguidas as normas estabelecidas de distanciamento social, cuidados com a higiene pessoal, com o uso de álcool em gel e de máscaras de proteção. Consideramos que não haverá aglomerações com a retomada da atividade econômica, visto que o comércio de rua reaberto desde 17 de abril, tem tido um movimento de cerca de 30% do normal.

Informamos a todos também que os shopping centers funcionarão das 12h às 20h e o comércio de rua das 10h às 17h, como forma de evitar o acúmulo de passageiros no transporte coletivo nos horários de pico. Continuamos demonstrando nossa preocupação com a lotação dos ônibus do transporte coletivo nos horários de pico, algo que se manteve mesmo com o comércio fechado. Recomendamos que a Urbs e a Comec utilizem os ônibus de turismo e as vans escolares para reforço da frota, uma vez que estes setores também se encontram praticamente sem atividade ou até mesmo dos motoristas de aplicativos, que também andam com demanda reduzida.

Não incentivamos a ‘corrida’ aos shopping centers, que nas cidades onde já funcionam, demonstraram uma mudança de comportamento do consumidor, que agora tem uma permanência média de cerca de 30 a 40 minutos, contra 2h30 em tempos normais. Nas seis cidades paranaenses onde os shopping centers já estavam abertos, tem havido uma redução de 70% no número de consumidores. Sabemos que a situação para o comércio é preocupante com a queda de consumo, mas a reabertura era necessária para não encerrarmos definitivamente as atividades de um grande número de micro e pequenos comércios.

Ao consumidor recomendamos que continue no isolamento que faz de Curitiba uma das cidades do país menos atingidas pelo surto da Covid-19 e que faça suas consultas pela internet e telefone, dirigindo-se aos estabelecimentos apenas para receber o produto que deseja,sempre respeitando os protocolos de saúde.
Em breve tudo voltará ao normal e precisamos chegar lá com saúde.

Camilo Turmina
Presidente da Associação Comercial do Paraná

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES