Investigação

Construtora suspeita de dar golpes em Londrina é alvo da Polícia Civil

(Foto: PCPR)

Nesta quinta-feira, 5 de agosto, a Polícia Civil cumpre quatro mandados de busca e apreensão contra construtora suspeita de aplicar golpes em Londrina, no norte do Paraná. Agentes cumprem um de prisão.

De acordo com as investigações, a empresa atua há cerca de um ano na cidade e prometeu a entrega de várias casas. Apesar disso, somente uma residência foi entregue. As demais, a polícia acredita se tratar de golpe.

Ainda segundo a polícia, a construtora está em nome de dois laranjas que moram em Sarandi, no norte do Paraná. A cidade fica a aproximadamente 100 km de Londrina.

A investigação apurou que o administrador da empresa tem diversas passagens pela polícia. Dentre elas, uma prisão em Manaus por se passar por um pastor, além de golpes.

O alvo de mandado de prisão não foi localizado pelos agentes. A Justiça também emitiu um mandado para suspender as atividades da construtora.