Consumidores exigentes buscam autenticidade e certificação na hora da compra

Uma das maiores seguranças que o consumidor pode ter na hora da compra é a autenticidade do produto, selos de garantia, originalidade, número de série, entre outros. A decisão final do cliente passará muito por toda essa questão. Consequentemente, empresas que investem nesse aspecto terão um retorno muito maior na hora da captação, seja com produtos de alto padrão ou não.

Os dados comportamentais dos clientes do mercado de luxo, historicamente indicam que esse público sempre valorizou a experiência relacionada à compra. Baseadas nisso, empresas, cada vez mais, investem justamente na experiência e na garantia para cativarem clientes mais exigentes.

Um dos meios usados pelas empresas para proporcionar ao consumidor mais segurança na hora da compra, são as certificações e sistemas de autenticação. E os meios para fazer isso podem variar, dependendo do tipo de produto e segmento.

O Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia, Inmetro, destaca que as certificações permitem que os consumidores saibam que um determinado produto é seguro e confiável. Funcionam como uma referência de segurança do produto, um guia que os leva a fabricantes confiáveis.

Outro ponto positivo dessas ferramentas é a vantagem competitiva em relação aos concorrentes. Dependendo do mercado em que a empresa atua, ter um produto com algum tipo de sistema de autenticação pode significar a diferença entre vender ou não vender.

Para Ecir Guerra, diretor comercial da Soft99, primeira empresa no Brasil a desenvolver um sistema eletrônico de autenticidade para o setor estético automotivo,  isso acontece porque existe, além do investimento financeiro em produtos de valor agregado mais alto, o investimento na credibilidade e no status por trás da marca. “Por isso, quanto mais meios oficiais que garantam a autenticidade de um produto desse tipo, melhor”, explica Guerra.



Website: https://soft99.com.br/