Copom confirma quinta elevação seguida e Selic chega a 9,5%

O Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central (BC) confirmou as expectativas do mercado e anunciou, na noite desta quarta-feira, 09, a elevação em 0,5 ponto porcentual da taxa de referência dos juros no País, a Selic, para 9,5% anuais. A decisão teve unanimidade dos diretores do BC.

Com a quinta alta consecutiva da taxa de juros, o Brasil voltou a assumir a primeira posição no ranking mundial de juros reais feito pela MoneYou, com 3,5% ao ano. Em agosto, o país estava em terceiro lugar. Se as taxas de juros fossem mantidas, o Brasil ficaria na segunda colocação, atrás do Chile. Em 40 países pesquisados, a taxa média de juros está negativa em 0,5% ao ano.

A elevação da Selic já era esperada pelo mercado. De 0 instituições financeiras ouvidas pelo AE Projeções, serviço da Agência Estado, 79 assinalavam 0,5 ponto porcentual. Apenas uma corretora apontava para um aumento de 0,75 ponto.

A ata da reunião do Copom deve ser divulgado na quinta-feira da semana que vem, 17. O próximo encontro do comitê, o último deste ano, está marcado para 26 e 27 de novembro.